Diatermia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Diatermia é o fenômeno pelo qual ondas eletromagnéticas aquecem um material dielétrico por rotação de dipolos.

O termo diatermia deriva do grego dia e therma, significando literalmente "aquecimento através".

Utilização em cirurgia[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o portal:

A diatermia, em ciências médicas, é o uso de um transmissor de ondas curtas (HF) em clinicas de fisioterapia com o objetivo de provocar o aquecimento de tecidos internos do corpo.

Tipos de diatermia[editar | editar código-fonte]

  • Diatermia de ondas curtas e micro-ondas
  • Diatermia de ultrassons

Advertências[editar | editar código-fonte]

  • A diatermia de ondas curtas e micro-ondas não pode ser realizada em portadores de Marca-passo cardíaco (Pacemaker) ou implante de desfibrilador caso não sejam tomados cuidados especiais.
  • No caso de paciente com implante neuroestimulador, a aplicação de diatermia é absolutamente proibida[1] .

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Boletim de Farmaco vigilância, vol. 11 n.º2 - 2º trimestre de 2007 do INFARMED"
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.