Easy listening

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Easy listening
Origens estilísticas Música erudita, Jazz, Swing
Contexto cultural década de 1930 e 1940
Instrumentos típicos Orquestra, Piano, Flauta, Violino, Teclado
Popularidade Anos 70 e Anos 80
Formas regionais
 Estados Unidos,  França

Easy listening é o nome inglês para o estilo de música orquestrada, que surgiu na década de 1950 e que teve como precursores Ray Conniff, Burt Bacharach, Paul Mauriat, Percy Faith, Annunzio Paolo Mantovani, Franck Pourcel, Bradley Joseph dentre outros. Também conhecida como "lounge music", é geralmente vista por parte dos críticos como música estritamente comercial e de fácil audição, por seu estilo melodioso - daí sua denominação "easy listening", que pode ser traduzido como "audição fácil", no Brasil conhecida como "música ambiente", "música ambiental", ou ainda, mais popularmente, como "música de consultórios". Deste modo, sempre fez enorme sucesso junto ao público, vendendo milhões de discos e suas apresentações públicas chegavam a lotar as casas de espetáculos, além de influenciar inúmeros músicos de gerações posteriores e o próprio desenvolvimento dos estilos musicais. Suas raízes estão nas Big Bands dos anos 1930 e 1940, de onde se originou a maioria de seus intérpretes, onde atuavam como instrumentistas ou como arranjadores.[1]

A partir da década de 70, o apelo pop junto ao público fez surgir várias orquestras e solistas obscuros, como o flautista romeno Gheorghe Zamfir e o pianista francês Richard Clayderman. Havia também orquestras como a de Ray Conniff, que utilizam o vocalise, isso é, um coro que imitava sons de instrumentos. Nos anos 80, veio Kenny G, que deu uma nova roupagem ao gênero.

Notas e Referências

  1. about easy listening (em inglês). allmusic.com. Página visitada em 19/05/2013.
Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.