Evelyn

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Evelyn
Evelyn - Uma História Verdadeira (BR)
 Irlanda
2002 • cor • 93 min 
Direção Bruce Beresford
Produção Pierce Brosnan
Michael Ohoven
Beau St. Clair
Roteiro Paul Pender
Elenco Sophie Vavasseur
Pierce Brosnan
Stephen Rea
Alan Bates
Julianna Margulies
Aidan Quinn
Gênero drama
Idioma inglês
Música Stephen Endelman
Cinematografia André Fleuren
Edição Humphrey Dixon
Distribuição Pathé Distribution
United Artists
Lançamento Canadá 9 de setembro de 2002 (Festival de Toronto)
Estados Unidos 13 de dezembro de 2002 (limitado)
Portugal 1 de abril de 2004
Página no IMDb (em inglês)

Evelyn (Evelyn - Uma História Verdadeira (título no Brasil) ) é um filme dramático lançado em 2002, baseado na história real de Desmond Doyle que brigou contra o governo Irlandês para ter de volta os seus filhos. O filme trás estrelas como Sophie Vavasseur (Evelyn), Pierce Brosnan (Pai) e Aidan Quinn, Julianna Margulies e Stephen Rea como a família Doyle. O filme foi lançado nos Estados Unidos em 13 de Dezembro de 2002, logo após foi lançado na Grã-Bretanha em 21 de Março, de 2003.

O filme foi produzido por, entre outros, pela companhia de Pierce Brosnan, a Irish DreamTime. E foi aberto para revisões gerais.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Com 9 anos de idade Evelyn Doyle (Sophie Vavasseur) vê a sua mãe abandonar a família, deixando o marido desempregado Desmond (Pierce Brosnan) para criar Evelyn e seus outros dois irmãos, Maurice (Hugh MacDonagh) e Dermot (Niall Beagan). A sogra de Desmond (Claire Mullan) denuncia o abandonamento das crianças para as autoridades. A justiça proíbe as crianças de viver com Desmond por falta de condições de vivência.

Querendo reunir a família novamente, ele pede ajuda aos amigos; garçonete Bernadette Beattie (Julianna Margulies), pede ao seu irmão advogado Michael (Stephen Rea), seu amigo americano também advogado Nick (Aidan Quinn), bem como o seu antigo mentor, Thomas Connolly (Alan Bates). Juntos, o grupo tentará fazer o que nunca foi feito antes - desafiar uma lei perante o Supremo Tribunal Irlandês.[1]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

Embora favorável, Evelyn teve recepção mista por parte da crítica especializada. Em base de 30 avaliações profissionais, alcançou metascore de 55% no Metacritic. Por votos dos usuários do site, alcança uma nota de 6.6, usada para avaliar a recepção do público.[2]

Referências

  1. Evelyn (em português) InterFilmes. Visitado em 27 de maio de 2014.
  2. Evelyn (em inglês) Metacritic. Visitado em 27 de maio de 2014.

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]