Fatema Mernissi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Fatema Mernissi
Nascimento 1940 (74 anos)
Fez, Marrocos
Ocupação socióloga, feminista

Fatema Mernissi ou Fátima Mernissi (Fez, 1940) é uma socióloga e feminista marroquina. Actualmente é professora na Universidade Muhammad V em Rabat.

É graduada em Ciências Políticas. Fez seus estudos universitários em Rabat, em Paris e nos Estados Unidos, na Universidade Brandeis, onde obteve seu doutorado.

Fatema Mernissi aborda nas suas obras o estatuto da mulher no Islão, tendo realizado um estudo sobre os ahadith. Um hadith (singular de ahadith) é um dito do profeta Muhammad; alguns deles são por vezes usados para justificar a inferioridade da mulher no Islão. Para Mernissi, a validade de alguns ahadith, como reflexo exacto das palavras do fundador da religião muçulmana, é duvidosa, tendo sido provavelmente criados por homens misógenos.

Em 2003, partilhou o Prémio Príncipe das Astúrias de Letras com Susan Sontag. No ano seguinte foi galardoada com o Prémio Erasmus.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • 1975: Beyond the Veil: Male-Female Dynamics in Modern Muslim Society (reeditado em 1987)
  • 1983: Le Maroc raconté par ses femmes
  • 1984: L'amour dans les pays musulmans
  • 1985: Femmes du Gharb
  • 1987: Le harem politique
  • 1988: Shahrazad n'est pas marocaine (reeditado em 1992)
  • 1990: Sultanes oubliées
  • 1992: La Peur-Modernité
  • 1993: Women's Rebellion and Islamic Memory
  • 1994: Dreams of Trespass. Tales of a Harem Girlhood
  • 1997: Les Aït-Débrouille
  • 1998: Etes-vous vacciné contre le Harem?
  • 2001: Scheherazade Goes West

Obras publicadas em Portugal[editar | editar código-fonte]

  • O Harém e o Ocidente
  • Sonhos Proibidos - Memórias de um Harém em Fez

Ligações externas[editar | editar código-fonte]