Fatmir Sejdiu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Fatmir Sejdiu (Pakaštica, 23 de outubro de 1951) foi o segundo Presidente do Kosovo, antiga província sérvia sob administração das Nações Unidas desde o final da Guerra do Kosovo, em 1999. Exerceu o cargo entre 10 de fevereiro de 2006 e 27 de setembro de 2010.

Vida[editar | editar código-fonte]

Fatmir Sejdiu nasceu em Pakaštica, um pequeno vilarejo próximo de Podujevo, Kosovo, na então Iugoslávia (atual Sérvia). Vive em Priština, capital kosovar, com sua esposa Nezafete e seus três filhos.

Influente parlamentar da Liga Democrática do Kosovo (LDK, partido do ex-presidente e líder kosovar Ibrahim Rugova), Fatmir Sejdiu foi um dos autores da Constituição de Kosovo em 2001. Sejdiu foi eleito presidente pela Assembleia do Kosovo[1] após a morte de Rugova no começo de 2006.[2]

Desde que assumiu a presidência de Kosovo, Sejdiu reuniu-se com líderes da Sérvia sobre o futuro da província, realizadas em Viena (Áustria)[3] , mas as negociações não avançaram.[4]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.