George Costanza

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jason Alexander, ator que interpreta George Costanza

George Louis Costanza é um personagem da sitcom estadunidense Seinfeld, interpretado por Jason Alexander.

Criação[editar | editar código-fonte]

Larry David co-criador de Seinfeld, no qual George é inspirado.

George é baseado primeiramente no co-criador da série, Larry David[1] [2] e recebeu este nome em homenagem a um colega de faculdade de Jerry Seinfeld, Michael Costanza. Muitos dos acontecimentos de George eram baseados em fatos reais da vida de David. Em "The Revenge", por exemplo, quando George se demite por fúria para perceber depois que cometeu um erro, e voltar no dia seguinte como se nada tivesse acontecido, se baseia em um fato ocorrido com David quando trabalhava como escritor de Saturday Night Live.

Alexander, em seu primeiro teste para o papel, baseou a interpretação de George em Woody Allen. A medida que a série avançava, Alexander descobriu que o o personagem era baseado em David. Como Alexander explica na entrevista para o DVD, durante uma antiga conversa com David, Alexander questionou o roteiro, dizendo, “Isso jamais poderia acontecer com alguém, e mesmo se acontecesse, nenhum ser humano reagiria assim”[nota 1] e David respondeu, “O que você quer dizer? Isso aconteceu comigo uma vez, e é assim mesmo que reagi”[nota 2] [2]

Jerry Seinfeld descreveu a personalidade George Costanza afirmando que “A raiva é a peça chave para sua personalidade, raiva justificável. É justificável do ponto de vista [de George]. Ele se deu mal, não teve sorte na vida, ele vai se vingar.”[nota 3] [2]

Apesar disto, Michael Costanza chegou a processar o programa, alegando que ele mesmo era a inspiração o personagem, por se tratar de um homem de baixa estatura, gordo e careca.[3] Entretanto, o veredito do julgamento foi em favor do programa. Sobre o caso, o juiz declarou: “Essencialmente, o autor do processo foi informado que seu caso era baseado em nada.”[nota 4] e “Enquanto um programa sobre nada pode ser bem-sucedido, uma ação deve ter mais substância.”[nota 5] Michael recorreu da sentença, mas novamente não ganhou.[4] [5] [6]

Características do personagem[editar | editar código-fonte]

George Costanza é caracterizado frequentemente como um perdedor (ou loser)[7] neurótico e preguiçoso, quase sempre se dando mal.

É um sujeito solteiro e que passa a vida a frequentar entrevistas de trabalho nas diversas áreas comerciais, acabando por vezes por ser contratado mas nunca resistindo muitos dias a desampenhar a sua função devido ao seu baixo ego e ideias sem nexo. Conseguiu um emprego nos New York Yankees, onde não tinha que fazer nada, mas logo foi demitido. Vive dependente dos pais e das suas ideias antiquadas mesmo que nao concorde com elas. Não tem rendimentos mas come em restaurantes diariamente graças aos amigos. Quando pensa que tem uma ideia e que sai a ganhar, sai a perder, e quase sempre em dinheiro; George é um perito na arte de mentir, o fez praticamente em toda a sua vida, é capaz de enganar um poligrafo e é uma qualidade apreciada no seu círculo de amigos; pelo contrário, ja não é tão bom em guardar segredos.

Impacto[editar | editar código-fonte]

Pelo atuação como George Costanza, Jason Alexander foi indicado sete vezes ao Emmy, a prêmio de Melhor Actor numa Série de Comédia[nota 6] , mas não ganhou nenhuma vez.[8] Mesmo após o término da série, Jason Alexander é frequentemente chamado de George pelos fãs.[9]

Notas

  1. “This could never happen to anyone, and even if it did, no human being would react like this.”
  2. “What do you mean? This happened to me once, and this is exactly how I reacted!”
  3. “Anger is the key to this whole character, justifiable anger. It's justifiable from [George's] point of view. He got a raw deal, handed a bad hand in life, and he's gonna get even.”
  4. “Essentially, plaintiff was informed that his case was based on nothing.” (Seinfeld é inclusive conhecido como um programa sobre nada, porque Larry David teria dito isto aos executivos da NBC, fato que foi parodiado na série com George dizendo o mesmo)
  5. “While a program about nothing can be successful, a lawsuit must have more substance.”
  6. Outstanding supporting actor in a comedy series

Referências

  1. I want to be Larry David The Independent. Página visitada em 2009-04-29.
  2. a b c Informações especiais do disco 1 da 5ª temporada em DVD: "Jason + Larry = George" Sony Pictures. Página visitada em 2009-04-29.
  3. No joke: Seinfeld sued by 'real-life Costanza' BBC News. Página visitada em 2009-04-30.
  4. PUBLIC LIVES - The New York Times www.nytimes.com. Página visitada em 2009-04-30.
  5. Court circular The Guardian. Página visitada em 2009-04-30.
  6. A 2ND COURT SEINS OFF ON 'GEORGE' SUIT www.nydailynews.com. Página visitada em 2009-04-30.
  7. Sandomir, Richard. TV VIEW; Here's One Loser People Really Look Up To The New York Times. Página visitada em 2009-04-29.
  8. Advanced Primetime Awards Search Emmy. Página visitada em 2009-04-29.
  9. Ziffer, Daniel. The ghost of George Costanza The Age (theage.com.au). Página visitada em 2009-04-29.

New Uniforms Will Keep Athletes Cooler Scientific American. Página visitada em 2009-04-29.

Mink, Eric. 'Seinfeld' a winner with a bunch of losers New York Daily News. Página visitada em 2009-04-29.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma personagem de ficção é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.