Gramofone

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Emil Berliner e seu gramofone

O gramofone é uma invenção do alemão Emil Berliner de 1888, que servia para reproduzir som gravado utilizando um disco plano, em contraste com o cilindro do fonógrafo de Thomas Edison.

É um disco giratório coberto com cera, goma laca, vinil, cobre, entre outros onde são gravadas por uma agulha, as vibrações de um som emitido e afunilado em uma corneta, interligada a uma lâmina (membrana) que sustenta a agulha. Com a emissão do som o ar movimenta-se vibrando a lâmina que faz a agulha riscar em forma de ondas a superfície do disco que está girando.

De forma inversa, ao girarmos o disco já riscado, com outro tipo de agulha em contacto, esta o lerá e transmitirá as vibrações para a lâmina (membrana), cuja vibração, amplificadas pela corneta, fará emitir o som.


Ver também[editar | editar código-fonte]