Hiroyoshi Nishizawa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde março de 2014).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Hiroyoshi Nishizawa

Hiroyoshi Nishizawa ( Nagano, Japão, 27 de Janeiro de 1920Mindoro, Filipinas, 26 de outubro de 1944 ) foi um importante aviador e maior ás da aviação japonês da Segunda Guerra Mundial. Pessoalmente, alegou ter obtido 87 vitórias aéreas.

Para alguns isto é incerto devido ao hábito após 1941 de os militares japoneses registrarem a vitória para o grupo de pilotos em vez de indivídualmente.

Algumas fontes creditam a ele mais de uma centena de vitórias.

Premonição e voluntariado à morte[editar | editar código-fonte]

Hiroyoshi Nishizawa a bordo de um Mitsubishi A6M3 Zero modelo 22 em maio de 1943

Em 25 de outubro de 1944 efetuou um voo de escolta para os pilotos que realizaram o 1º ataque Kamikaze oficial da história.

Durante esse voo, Nishizawa teve uma premonição de sua própria morte. Ao reportar ao comandante Nakajima depois de retornar a base, ele se ofereceu como voluntário para participar do ataque kamikaze do próximo dia. Sendo tal solicitação rejeitada de plano, pois era considerado como um piloto brilhante, cujo valor maior para o seu país seria dentro da carlinga de uma avião de caça do que numa bomba caindo sobre um porta aviões.

Sua morte ocorre um dia depois deste incidente. Uma ironia da história foi que o maior ás de aviação japonês morreu como um indefeso passageiro.

Em ação[editar | editar código-fonte]

Primeira missão Kamikaze. Hiroyoshi Nishizawa escoltou os pilotos que relizaram este 1º ataque Kamikaze em 25 de Outubro de 1944.

Atuou nas seguintes campanhas:

Morte[editar | editar código-fonte]

Hiroyoshi Nishizawa faleceu em 26 de outubro de 1944 quando o avião em que viajava ( um Nakajima Ki.49 "Helen" ) juntamente com outros pilotos do 201º Kokutai, que eram transferidos para Camp Clark, foi abatido por dois caças F6F Hellcat. Morreu indefeso sem ter oportunidade de disparar um só tiro.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.