Integração vertical

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Integração Vertical)
Ir para: navegação, pesquisa

Em microeconomia ou gestão estratégica, a integração vertical é uma concepção da organização e controle empresarial. Companhias verticalmente integradas são unidas através de uma hierarquia e partilham um dono comum. Normalmente, cada membro da hierarquia produz um produto diferente e os produtos combinados satisfazem uma necessidade.

Três tipos ou variedades[editar | editar código-fonte]

  • Integração vertical a montante (para trás ou para nascente) - A companhia monta (ou adquire) subsidiárias que produzem componentes (inputs) dos seus produtos. Por exemplo, uma companhia de automóveis pode deter também uma fábrica de pneus, uma companhia de vidro ou de metal. O controle destes fornecedores pretende criar o fornecimento estável dos componentes e assegurar a qualidade consistente do produto final.
  • Integração vertical a jusante (para a frente ou para poente) - A companhia monta (ou adquire) subsidiárias que distribuem ou vendem produtos aos consumidores ou que os incorporam no seu processo produtivo. Por exemplo: A empresa francesa BRVP, produtora de software, comprou a empresa MediaGold (hoje Avanquest), uma empresa que se dedica à revenda no retalho de marcas independentes de software. Outro exemplo: uma empresa produtora de filmes que compra uma empresa que opera cadeias de cinemas.
  • Integração vertical nos dois sentidos
Ícone de esboço Este artigo sobre economia é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.