Jaguar-europeu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaJaguar europeu
Taxocaixa sem imagem
Classificação científica
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Carnivora
Família: Felidae
Género: Panthera
Espécie: P. gombaszoegensis
Nome binomial
Panthera gombaszoegensis
Kretzoi, 1938

O jaguar-europeu (Panthera gombaszoegensis) é a espécie mais antiga do género Panthera identificada até ao momento e viveu há cerca de 1.5 milhões de anos atrás, durante o final do Plioceno e início do Pleistoceno, na faixa compreendida entre as actuais Itália e Reino Unido. O jaguar europeu tinha maiores dimensões que a variedade actual americana e supõe-se que caçasse presas maiores do que ele. Estudos revelam que o jaguar era negro fosse parecido com o tigre dentes de sabre, mas os seus dentes caninos não eram tão grandes.

Fósseis[editar | editar código-fonte]

Os primeiros restos de fósseis foram encontrados em Olivola, Itália. A esses exemplares fósseis chamados de Panthera Tuscana, sucederam-se outras amostras subsequentes que foram encontradas na Inglaterra, Alemanha, Espanha, França e Holanda. O jaguar-europeu é, por vezes, referido como uma subespécie do jaguar (Panthera onca),contudo julgasse que tanto o jaguar) (Panthera onca), o leão (Panthera Leo), o tigre (Panthera Tigri) como o Jaguar-europeu (P. gombaszoegensis) partilham de um ancestral comum, embora não exista ainda certezas que confirmem essa possibilidade.

Parece que a forma tem vindo a sofrer alterações. Julga-se que o tamanho era, inicialmente, pequeno, depois aumentou, atingindo a dimensão máxima e mais tarde, no Pleistoceno Médio, voltou a reduzir o seu tamanho. Os jaguars eram maiores do que os seus contrapartes na América do Sul e, provavelmente, capazes de derrubar presas de maior tamanho. A sua extinção decorreu pouco tempo depois do aparecimento de duas espécies de panthera: o Leão e o Leopardo.

Fósseis com uma forma semelhante ao P. gombaszoegensis foram encontrados e datam do Pleistoceno na África Ocidental, com características tanto de leão com de tigre, o que sugere um cruzamento entre ambas as espécies.

Comportamento[editar | editar código-fonte]

O jaguar-europeu foi provavelmente um animal solitário, com hábitos similares aos dos jaguares modernos, visto que vivia em bosques. Pesquisas recentes sugerem que a relação entre Panthera gombaszoegensis e os habitats florestais não seria tão manifesta quanto outrora se assumiu.

O Habitat e o Meio Ambiente[editar | editar código-fonte]

A Europa em que viveu o jagua-europeu não era a mesma que existe hoje em dia. As suas parecenças vertiam mais para a Savana Africana, com árvores dispersos por entre os prados. O clima a fauna apresentavam características únicas.

Ver também[editar | editar código-fonte]