Jonas Salk

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jonas Edward Salk
Jonas Salk durante uma conferência em 1988
Nascimento 28 de outubro de 1914
Nova Iorque, Estados Unidos
Morte 23 de junho de 1995 (80 anos)
La Jolla, Estados Unidos
Nacionalidade Estadunidense
Ocupação Médico, cientista, virologista e epidemiologista

Jonas Edward Salk (Nova Iorque, 28 de Outubro de 1914La Jolla, 23 de Junho de 1995) foi um médico, pesquisador, virologista e epidemiologista estadunidense, mais conhecido como o inventor da primeira vacina antipólio (a epônima vacina Salk). Trabalhou em Nova Iorque, Michigan, Pittsburgh e Califórnia. Em 1960, fundou o Salk Institute for Biological Studies em La Jolla, California, que é atualmente um centro de pesquisas médicas e científicas.

Ao longo da vida científica, foi um dos milhares de pesquisadores a utilizar a herança de Henrietta Lacks, uma mulher americana que faleceu de câncer. A linhagem de células de Henrietta eram peculiares a ponto de se tornarem um dos maiores ícones da ciência até os dias atuais e ficaram conhecidas como HeLa. Foi a partir das células HeLa que Salk produziu a vacina contra poliomelite.

Nos últimos anos de vida, dedicou muita energia na tentativa de desenvolver uma vacina contra a AIDS1 .

Salk não buscava fama ou fortuna com as descobertas, e é citado como tendo dito: "A quem pertence a minha vacina? Ao povo! Você pode patentear o sol?"

Até 1955, quando a vacina começou a ser administrada, a poliomielite foi considerada o problema de saúde pública mais assustador do pós-guerra estadunidense. As epidemias anuais eram cada vez mais devastadoras no país. A epidemia de 1952 foi o pior surto na história do país norte americano. Dos quase 58 mil casos notificados naquele ano, 3.145 pessoas morreram e 21.269 ficaram com algum tipo de paralisia, a maioria das vítimas foram crianças. De acordo com um documentário da PBS em 2009, o segundo maior temor dos Estados Unidos, na época, foi a pólio, perdendo apenas para o medo de o país ser atacado por uma bomba atômica.2

Consequentemente, cientistas iniciaram uma corrida frenética para encontrar um meio de prevenir e curar a doença. Assim, segundo Denemberg, "Salk trabalhou dezesseis horas por dia, sete dias por semana, durante anos..."3 para chegar à descoberta da vacina.

Referências

  1. Jonas Salk, pag. 1500 - Grande Enciclopédia Universal - edição de 1980 - ed. Amazonas
  2. http://articles.latimes.com/2009/feb/02/entertainment/et-polio2
  3. Denenberg, Dennis, and Roscoe, Lorraine. 50 American Heroes Every Kid Should Meet Millbrook Press (2006)
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.