Marilyn vos Savant

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde janeiro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Marilyn vos Savant
Conhecido(a) por coluna no livro Guinness World Records, QI mais alto
Nascimento 11 de Agosto de 1946 (68 anos)
St. Louis, Missouri
 Estados Unidos
Cônjuge Robert Jarvik (1987 - presente)
Ocupação Autor
Página oficial
www.marilynvossavant.com

Marilyn vos Savant (St. Louis (Missouri), 11 de agosto de 1946) é uma escritora e colunista da revista Parade estadunidense, onde responde a perguntas de seus leitores sobre matemática e ciência avançada. Por apresentar um alto quociente de inteligência de 228 pontos, já foi citada no Livro Guinness dos Recordes.[1]

O Problema de Monty Hall[editar | editar código-fonte]

Talvez o caso mais conhecido envolvendo vos Savant tenha começado com uma pergunta em sua coluna de 9 de setembro de 1990:

Suponha que você esteja em um game show, e é dada a você a escolha de três portas. Atrás de uma porta está um carro, atrás das outros, cabras. Você escolhe uma porta, por exemplo a #1, e o anfitrião, que sabe o que está por trás das portas, abre outra porta, digamos #3, que tem uma cabra. E ele diz a você: "Você quer escolher a porta #2?" É vantajoso mudar a sua escolha de porta?
Craig F. Whitaker Columbia, Maryland, [[2] [2] ]

Esta questão, chamada de "O Problema de Monty Hall" por causa de sua semelhança com cenários do game show Let's Make a Deal, já existia muito antes de ser colocada para vos Savant, mas foi trazida à atenção nacional dos Estados Unidos pela sua coluna. Vos Savant respondeu argumentando que a seleção deve ser trocar para a porta #2 porque ela tem 2/3 de chance de sucesso, enquanto a porta #1 tem apenas 1/3. Ou para sumarizar, 2/3 das vezes a porta aberta #3 indicará o local da porta com o carro (a porta que você não tinha escolhido e não foi aberta pelo apresentador). Apenas 1/3 das vezes a porta aberta #3 levá-o a mudar da porta vencedora para uma porta perdedora. Estas probabilidades supõem que você altere a sua escolha de porta quando a #3 é aberta, e que o anfitrião sempre abre uma porta com uma cabra. Esta resposta provocou cartas de milhares de leitores, quase todas argumentando que as portas #1 e #2 cada um tem uma chance igual de sucesso. Uma coluna de sequência reafirmando sua posição serviu apenas para intensificar o debate e logo se tornou um artigo na primeira página do The New York Times. Entre as fileiras dos argumentos contrários estavam centenas de acadêmicos e matemáticos.[3]


Publicações[editar | editar código-fonte]

  • 1985 - Omni I.Q. Quiz Contest
  • 1990 - Brain Building: Exercising Yourself Smarter (co-written with Leonore Fleischer)
  • 1992 - Ask Marilyn: Answers to America's Most Frequently Asked Questions
  • 1993 - The World's Most Famous Math Problem: The Proof of Fermat's Last Theorem and Other Mathematical Mysteries
  • 1994 - More Marilyn: Some Like It Bright!
  • 1994 - "I've Forgotten Everything I Learned in School!": A Refresher Course to Help You Reclaim Your Education
  • 1996 - Of Course I'm for Monogamy: I'm Also for Everlasting Peace and an End to Taxes
  • 1996 - The Power of Logical Thinking: Easy Lessons in the Art of Reasoning…and Hard Facts about Its Absence in Our Lives
  • 2000 - The Art of Spelling: The Madness and the Method
  • 2002 - Growing Up: A Classic American Childhood

Referências

  1. super.abril.com.br O maior QI do mundo. A americana Marilyn von Savant conseguiu figurar no livro Guinness de recordes com o mais alto quociente de inteligência já medido: 228 pontos.
  2. vos Savant, Marilyn. Game Show Problem. marilynvossavant.com. Página visitada em 7 August 2010.
  3. Tierney, John. "Behind Monty Hall's Doors: Puzzle, Debate and Answer?", The New York Times, 21 July 1991. Página visitada em 2008-08-07.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.