Mascote

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Um homem durante pausa em seu trabalho de mascote

Mascote é o nome dado a um animal, pessoa ou objeto animado que é escolhido como representante visual ou identificador de uma marca, uma empresa ou evento. Muitas vezes a mascote não é necessariamente o logotipo de uma marca mas passa a ser conhecida como tal devido ao forte carisma com o público. Portanto, muitas empresas passam a utilizá-la como representante principal em campanhas publicitárias.

Características[editar | editar código-fonte]

Uma mascote, seja de um evento ou de uma campanha publicitária, e tem quase sempre características comuns. Um sorriso estampado no rosto é típico e demonstra a alegria do personagem por estar lá representando "uma marca tão boa e de tamanha qualidade". Têm corpo antropomorfizado e é bastante ativo. Suas cores correspondem às cores da marca que representam ou de um país. Suas formas corpóreas também exibem proximidades com os produtos apresentados. Este último pode ser exemplificado com a popular mascote da marca de esponjas de aço brasileira Assolan. Em sua campanha publicitária, ela se apresenta como uma embalagem da esponja de aço com braços, pernas e olhos que dança músicas populares com letras alteradas divulgando os produtos e os benefícios da empresa.

Mascotes representam a humanização da marca de uma empresa e através da identificação com o público cria um vínculo emocional, o que faz com que os valores e idéias da empresa sejam absorvidos de forma muito mais eficaz.

Produtos e vendas[editar | editar código-fonte]

Mais comuns em eventos esportivos como os Jogos Olímpicos de Verão e a Copa do Mundo FIFA, na época dos eventos, as mascotes rendem um bom lucro com a venda de produtos autorizados à algumas empresas, tais como pelúcias, bolas, canecas, bandeiras, adesivos, roupas e bonés, souvenires, entre outros. Por isso, é tamanha a preocupação de se criar uma mascote com um certo carisma pelo público para que, por exemplo, não se repita o acontecido na Copa do Mundo de 2006, onde a mascote Goleo, um leão, animal africano sem relação com a Alemanha, não caiu no gosto do público e por vendagem baixa e problemas apresentados nos produtos acarretaram na falência da empresa licenciada. Nos Jogos Pan-americanos de 2007 a mascote escolhida foi o sol Cauê.


[1] [2]

Ícone de esboço Este artigo sobre um símbolo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

  1. Leonardo Félix Studio - Criação de mascotes e bonecos www.mascotesebonecos.com.br
  2. Mascot - http://en.wikipedia.org/wiki/Mascot