Logotipo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Logotipo da Coca-Cola
Logotipo do Google
Logotipo do Yahoo!

Logótipo ou Logotipo é um conjunto formado por letras e imagens que identificam ou simbolizam uma entidade (marca, produto, serviço) [1]

Se no logotipo há a presença de elementos tipográficos, na logomarca [2] [3] a imagem pode ser composta exclusivamente por elementos gráficos (figurativos ou não-figurativos). Existem símbolos híbridos como, por exemplo, a marca da Wikipédia, que conta com símbolo e tipos.[4]

Definições de logotipo[editar | editar código-fonte]

  1. Representação gráfica de uma marca comercial, da sigla de uma instituição etc. [5]
  2. Grupo de letras, abreviações etc., fundidas em um bloco único para acelerar a composição tipográfica

Logotipo é uma assinatura institucional, a representação gráfica da marca. Por isso ela deverá aparecer em todas as peças gráficas feitas para a empresa. Como toda a assinatura, o logotipo precisa seguir um padrão visual que a torna reconhecida onde quer que ela seja estampada.

Usar corretamente o logotipo é uma das ações obrigatórias para o reforço da imagem e da personalidade da empresa.

Logomarca/logotipo de um monumento histórico na França

A Sony, ao grafar a sua marca, utiliza apenas a forma particular como o nome da marca é representado graficamente — o logotipo, prescindindo da utilização de qualquer outro elemento gráfico adicional (símbolo) para compor a marca. Ao contrário da Sony, a Wikipédia, utiliza simultaneamente um símbolo (um quebra-cabeças em formato de globo) e um logotipo (caracterizado pela própria palavra "Wikipédia" grafada na fonte Linux Libertine) para grafar a sua marca.

Cquote1.svg O símbolo e o logotipo são formas de grafar a marca, de torná-la visualmente tangível. É comum as pessoas se referirem ao símbolo como marca. Diz-se frequentemente: a marca da Coca-Cola ou da Fiat, quando, na verdade, a intenção é a referência ao logotipo da Coca-Cola ou da Fiat. Da mesma maneira, símbolos também são chamados de marcas e também é comum se ouvir referência à marca da Volkswagen ou da Mercedes-Benz, quando a designação correta seria símbolo (...). Logos em grego quer dizer conhecimento, e também palavra. Typos quer dizer padrão e também grafia. Portanto, grafia-da-palavra ou palavra-padrão. Cquote2.svg
Escorel[6]

Logomarca[editar | editar código-fonte]

No sentido lato o termo pode ser usado como o conjunto formado pela representação gráfica do nome de determinada marca, em letras de traçado específico, fixo e característico (logotipo) e seu símbolo visual (figurativo ou emblemático), o que, por extensão de sentido, pode ser entendido como a representação visual de qualquer marca.[2]

Há quem considere o neologismo Logomarca um termo que não possui a necessária precisão,[6] mas a aceitação do significado pelos léxicos e sua ampla utilização, transcendem os limites das reflexões acadêmicas.[7] [8] [9]

No livro O Efeito Multiplicador do Design, a designer Ana Luísa Escorel discute o termo. Ela lembra que a palavra logos, vem do grego significando conhecimento e também palavra. E, embora a etimologia coloque como correlato mais apurado de logos em português os termos estudo ou lógica, ela afirma que "logomarca" significa "palavra-marca" o que, na opinião dela, não faz sentido.[6] Essa atitude, no entanto, parece não ser difundida entre alguns designers e não profissionais da área, que usam o termo "logomarca" por seu suposto caráter mais abrangente.[10]

Cquote1.svg Curioso que áreas tão afeitas à moda e à terminologia usada internacionalmente para tudo o que diz respeito aos assuntos do setor, como a publicidade, o marketing e mesmo o design gráfico, desprezem as designações corretas, presentes nos artigos publicados pelas revistas especializadas do primeiro mundo. Nelas as palavras logotype, logo ou symbol pontuam cada página, para lembrar apenas os países de língua inglesa. Cquote2.svg
Escorel[6]

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Logotipo

Referências

  1. Priberam (em português) Visitado: Fev. 2014
  2. a b Houaiss. Logomarca. [S.l.]: Objetiva Ltda., 2009. Dicionário eletrônico.
  3. Website do Dicionário Informal, página visitada em 21 de fevereiro de 2014.
  4. * O que é Logomarca?, O que é Logotipo, Criação de Logomarcas, página visitada em 25 de maio de 2014.
  5. Dicionário Enciclopédico Ilustrado Larousse
  6. a b c d O efeito multiplicador do design. Ana Luisa Escorel. Senac. ISBN 9788573591088 (1999)
  7. G1 (2014). Globo anuncia programação 2014 e apresenta nova logomarca Globo.com. Visitado em 23 de maio de 2014.
  8. CNPq. Logomarca Memória CNPq. Visitado em 23 de maio de 2014.
  9. Ministério da Cultura do Brasil. Logomarca Cultura.gov.br. Visitado em 23 de maio de 2014.
  10. Sérgio Cabral, Símbolo, logotipo, logomarca e complemento, página visitada em 21 de fevereiro de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • Portal do Marketing, Qual a Diferença entre Logotipo e Logomarca, página visitada em 29 de maio de 2014.
Ícone de esboço Este artigo sobre design é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.