Maxim Surayev

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Maxim Surayev

Cosmonauta da AER
Nacionalidade Rússia russo
Nascimento 24 de Maio de 1972 (42 anos)
Chelyabinsk, URSS
Hoje Rússia
Patente militar coronel
Tempo no espaço 334d 12h 11min
Missões Soyuz TMA-16, Expedição 21, Expedição 22, Soyuz TMA-13M, Expedição 40, Expedição 41
Insígnia
da missão
Soyuz-TMA-16 ISS Expedition 21 ISS Expedition 22 Soyuz-TMA-13M-Mission-Patch.png ISS Expedition 40 Patch.png ISS Expedition 41 Patch.png

Maxim Victorovich Surayev (Chelyabinsk, 24 de maio de 1972) (em russo: Максим Викторович Сураев) é um cosmonauta russo, veterano de duas missões de longa duração na Estação Espacial Internacional.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Sarayev é graduado com honras pela Escola de Pilotos da Força Aérea de Kacha em 1994 e como piloto-engenheiro pesquisador pela Academia da Força Aérea de Zhukovsky, em 1997, e advogado formado pela Academia Russa de Serviços Civis. Como piloto, é qualificado para voar caças L-39 Albatroz e Sukhoi Su-27, tendo mais de 700 horas de voo em diversos aviões, além de instrutor de paraquedismo militar.

Entre dezembro de 1997 e setembro de 1999 cursou o programa de formação de cosmonautas da Roscosmos na Cidade das Estrelas, graduando-se como cosmonauta de teste e a partir de janeiro de 2000 foi selecionado para o treinamento avançado de tripulante da ISS. Entre 2006 e 2009 fez parte de duas tripulações-reserva de expedições à ISS.

Foi ao espaço pela primeira vez em 30 de setembro de 2009 a bordo da nave Soyuz TMA-16, integrando como engenheiro de voo as tripulações de duas expedições na estação, 21 e 22. Nesta primeira missão passou 167 dias a bordo da ISS e foi, em seu primeiro voo, o comandante da nave Soyuz que o transportou e o retornou de lá, junto com o norte-americano Jeffrey Williams.[1]

Voltou ao espaço em 28 de maio de 2014 comandando a Soyuz TMA-13M para nova estadia de longa duração na ISS.[2] Atuou como engenheiro de voo da Expedição 40 e como comandante da Expedição 41. Durante seu período em órbita, fez uma caminhada espacial para remover equipamentos defasados da estrutura externa da estação.[3] Retornou em 10 de novembro, acumulando mais 165 dias em órbita terrestre.[4]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Casado e com duas filhas, ele foi condecorado com a medalha de Herói da Federação Russa pelo presidente Dmitry Medvedev em 30 de dezembro de 2010.[5]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Soyuz Landing Caps Milestone Space Station Mission NASA. Visitado em 14/11/2014.
  2. Mission Status Center SpaceflightNow. Visitado em 14/11/2014.
  3. Cosmonauts race through EVA Task List in final planned Spacewalk of 2014 Spaceflight101. Visitado em 14/11/2014.
  4. Expedition 41 Departs from Station in Soyuz NASA. Visitado em 14/11/2014.
  5. Ceremony of presenting state decorations took place in the Kremlin Site oficial da presidência da Federação Russa. Visitado em 14/11/2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Maxim Surayev