Mujahidin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo. Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Guerrilheiros mujahidins lutando no Afeganistão, em 1987.

Mujahidin (مجاهدين; também transliterado como mujāhidīn, mujahedin, mujaidim, etc.) é a forma plural de mujahid (مجاهد), que se traduz literalmente do árabe مجاهدين (muǧāhidīn), como "combatente" ou "alguém que se empenha na luta (jihad)", embora o termo seja frequentemente traduzido como "guerreiro santo". [1]

No fim do século XX, a palavra se popularizou através dos mass-media, aplicando-se quase exclusivamente a combatentes armados que se inspiram no fundamentalismo islâmico. Entretanto, mujahid nem sempre tem significado religioso, podendo designar também aquele que combate pela pátria, por seu povo, por seu Estado, por sua família ou pelo bem da coletividade, com um sentido laico e nacionalista. Al-Mujāhid al-Akbar ou "o combatente supremo", era o epíteto aplicado ao "laico" presidente da Tunísia, Habib Bourguiba. Também o jornal mais importante da FLN chamava-se al-Mujāhid.

Já no sentido religioso, os mujahidin são combatentes dispostos ao sacrifício da própria vida, em nome de Deus e da religião. De fato, buscam alcançar a glória da morte em combate, que, segundo o alcorão, será recompensada com o paraíso e todas as bênçãos reservadas aos que defendem com coragem e honra os nobres ideais do islã. Existem, todavia, certas regras para ser um mujahid e entregar a própria vida ao martírio. Ele ou ela deve ser uma pessoa solteira, sem filhos, sem família, sem bens ou posses; não deve destruir casas que possam estar habitadas, não pode matar mulheres, velhos e crianças, nem lutar por dinheiro ou qualquer benefício que o Estado lhe possa oferecer.

Referências

  1. Mujahideen - definição. Página acessada em 26 de julho de 2013;

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]