Otto Karl Berg

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Otto Karl Berg (Stettin, Polônia, 18 de agosto de 1815 - Berlim, 20 de novembro de 1866) foi um botânico e farmacêutico alemão [1] .

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era filho de Johann Friedrich Berg e de Wilhelmine Friederike. Estudou em Berlim e se casou em 1848, com Caroline Albertine Florentine Witthaus, com a qual teve seis filhos.

Ingressou na Faculdade de Botânica e Farmacologia da Universidade de Berlim em 1849. Em 1862 foi nomeado professor associado, contribuindo em tornar a farmacologia uma disciplina independente. Se especializou na flora sul-americana.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Handbuch der Pharmazeutischen Botanik. 1845
  • Charakteristik der für die Arzneikunde und Technik wichtigsten Pflanzengenera in Illustrationen nebst erläuterndem Text. 1848
  • Com Carl Friedrich Schmidt (1811-1890), Darstellung und Beschreibung sämtlicher in den Pharmacopoea Borussica aufgeführten offizinellen Gewächse. 1853
  • Revision Myrtacearum Americae hucusque cognitarum. 1855
  • Flora Brasiliensis Myrtographia.... 1855
  • Pharmazeutische Warenkunde. 1863
  • Anatomischer Atlas zur pharmazeutischen Warenkunde. 1865
  • Die Chinarinden der pharmakognostischen Sammlung. 1865

Fontes[editar | editar código-fonte]

  • Robert Zander; Fritz Encke, Günther Buchheim, Siegmund Seybold (Hrsg.): Handwörterbuch der Pflanzennamen. 13. Auflage. Ulmer Verlag, Stuttgart 1984, ISBN 3-8001-5042-5.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre Botânicos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Wikipedia-pt-hist-cien-logo.png Portal de história da ciência. Os artigos sobre história da ciência, tecnologia e medicina.