Pastaza (província)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pastaza
Escudo de Pastaza.png Bandera Província Pastaza.svg
Brasão Bandeira
Região geográfica Amazônica
Capital Puyo
População 61.779 habitantes
Censo 2001
Área 29.325,0 km²
Densidade 2,11 hab/km²
Cantões 4
Paróquias Urbanas 4
Paróquias Rurais 19
Mapa
Pastaza in Ecuador (+Galapagos).svg

Pastaza é a maior província do Equador localizada na região geográfica Amazônica. Sua capital é a cidade de Puyo, fundada em 12 de maio de 1899. Possui este nome em função do rio Pastaza, que separa a província da província de Morona-Santiago.

Pastaza faz divisa ao norte com as províncias de Napo e Orellana, ao sul com a província de Morona-Santiago, a oeste com a província de Tungurahua e a leste com o Peru, (departamento de Loreto).

Pastaza é uma zona de grande precipitação pluvial presente ao longo de todo ano. O clima é quente e úmido com temperaturas que variam entre 18º e 24ºC.

Alguns dos muitos rios da província são: rio Pastaza, rio Puyo e rio Curaray.

O relevo da província é, em sua maior parte, montanhoso, entretanto, o ponto mais alto está a 1.820 metros.

Recursos naturais de Pastaza: banana, toranja, tabaco e chá.

Cantões[editar | editar código-fonte]

A província se divide em 4 cantões (capitais entre parênteses):

  1. Arajuno (Arajuno)
  2. Mera (Mera)
  3. Pastaza (Pastaza)
  4. Santa Clara (Santa Clara)
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Equador é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.