Síncope (medicina)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Síncope
Classificação e recursos externos
CID-10 R55
CID-9 780.2
Star of life caution.svg Aviso médico

Síncope ( /ˈsɪŋkəpi/), ou desmaio, é a perda súbita e transitória da consciência e consequentemente da postura, devido à isquemia cerebral transitória generalizada (redução na irrigação de sangue para o cérebro). Existe sempre recuperação espontânea da consciência na síncope.

A síncope pode ser secundária a fatores cardíacos seja por (arritmia cardíaca ou cardiopatia obstrutiva) ou mais frequentemente devido a uma alteração reflexa ou resposta neuromediada do sistema nervoso autônomo que controla a pressão arterial e a frequência cardíaca.

No caso de síncope neuromediada ou reflexa (Síncope Vasovagal), o indivíduo geralmente tem sintomas prodrómicos (que antecedem a perda de consciência), podendo apresentar: palidez, tontura, fraqueza, sudorese aumentada, visão turva e mais raramente, convulsões. Habitualmente, o doente recupera rapidamente a consciência após a queda, pois existe de novo retorno de sangue ao coração que estava sequestrado nos membros inferiores. Este tipo de síncope apesar de frequente, é geralmente benigno e com bom prognóstico, inversamente do que se observa na síncope de etiologia cardíaca, que frequentemente quando não detetada e tratada pode levar à morte súbita.

Síncope é um problema frequente, sendo responsável por aproximadamente 1 a 6% de todas as admissões hospitalares. Cerca de 30% das pessoas têm pelo menos uma síncope durante as suas vidas, e em mais de 40% existe recidiva, sobretudo nos primeiros 12 meses após o primeiro episódio.

O termo "desmaiar" ou "desfalecer" é sinônimo de síncope (termo médico). Síncope pode acontecer devido a muitas causas, e diagnosticar a causa exata pode ser difícil.

A síncope não é uma doença em si, mas sim um sintoma provocado por diversas patologias.

Leitura adicional[editar | editar código-fonte]

  • Grubb, Blair P. The Fainting Phenomenon; Understanding Why People Faint and What to Do About It. 2001. 2nd ed. New York: Blackwell Publishing, 2007

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.