Thích Quảng Đức

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wiki letter w.svg
Por favor melhore este artigo ou secção, expandindo-o. Mais informação pode ser encontrada nos artigos correspondentes noutras línguas e também na página de discussão.
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo. Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Thích Quảng Ðức durante a auto-imolação. A imagem, uma das mais icônicas do século XX, foi feita pelo fotógrafo da Associated Press Malcolm Browne.

Thích Quảng Ðức (189711 de Junho de 1963), originalmente batizado de Lâm Văn Tức, foi o monge Mahayana, que durante uma manifestação na cidade de Saigon, Vietnã do Sul, contra a política religiosa do governo de Ngo Dinh Diem, ateou fogo em seu próprio corpo em um processo de auto-imolação em 11 de Junho de 1963, resultando em sua morte.

Protesto[editar | editar código-fonte]

Durante seu suicídio o monge foi fotografado por Malcolm Browne, e sua foto viria a ser premiada com os prêmios Pulitzer e Foto do Ano da World Press Photo.[1] O repórter David Halberstam também recebeu um Pulitzer por sua reportagem escrita do ocorrido.[2]

No Vietnã (que naquela época estava em guerra contra os EUA e parte da Ásia) e posteriormente no mundo todo, ele é considerado um Bodhisattva, uma vez que mesmo tendo sido queimado e posteriormente re-cremado, seu coração permaneceu intacto[carece de fontes?]. Isso aumentou o impacto de sua morte mundialmente, tornando-o um verdadeiro mártir.

Legado[editar | editar código-fonte]

As ações de Thích Quảng Ðức aumentaram a pressão internacional sobre o regime de Diem e fez com que o líder anunciasse reformas para acalmar os Budistas. No entanto, as mudanças prometidas foram implementadas muito lentamente ou nem foram concluídas, resultando numa deterioração na disputa. Com a continuação dos protestos, as Forças Especiais leais ao irmão de Diem, Ngô Ðình Nhu, iniciaram ataques aos pagodes Budistas em toda nação, tomando o 'coração sagrado', causando mortes e danos generalizados. Diversos monges Budistas seguiram o exemplo de Thích Quảng Ðức e se auto-imolaram. Eventualmente, um golpe militar derrubou e matou Diem.

A auto-imolação foi vista como o ponto da virada da crise Budista Vietnamita que culminou na mudança do regime.

Uma porção da mesma imagem foi usada como capa do primeiro CD da banda americana Rage Against the Machine.[3]

Referências

  1. Browne, Malcolm (1963), World Press Photo 1963, Amsterdam: World Press Photo, http://www.worldpressphoto.org/index.php?option=com_photogallery&task=view&id=170&Itemid=115&bandwidth=high, visitado em 23 October 2007 
  2. David Halberstam 1934 -2007 Mississipii Writers and Musicians. Visitado em 10/06/2011.
  3. Rage Against the Machine CM Distro. Visitado em 10/06/2011.