The Legend of Bagger Vance

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde abril de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
The Legend of Bagger Vance
A lenda de Bagger Vance (PT)
Lendas da vida (BR)
 Estados Unidos
2000 • cor • 126 min 
Direção Robert Redford
Roteiro Steven Pressfield (novela)
Jeremy Leven (roteiro)
Elenco Will Smith
Matt Damon
Charlize Theron
Género acção, ficção científica
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

The Legend of Bagger Vance (br: Lendas da vida - pt: A lenda de Bagger Vance) é um filme de 2000 dirigido por Robert Redford, baseado no livro homônimo de 1995 de Steven Pressfield, que transporta a história do Bhagavad Gita para o mundo da década de 1920 na Geórgia (EUA).

Os paralelos explicidos entre a novela de Pressfield e o Bhagavad Gita são encontrados no livro chamado Gita on the Green: The Mystical Tradition Behind Bagger Vance (Continuum, 2000), escrito por um filosofo Hinduista Steven Rosen (Satyaraja Dasa). Pressfield com introdução feita pelo próprio Rosen. Ele também foi o último filme de Jack Lemmon antes da sua morte em 2001.

Cquote1.svg Algumas coisas não podem ser aprendidas. Eles precisam relembrá-las. Cquote2.svg

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Um promissor jogador de golfe que perde sua ginga após ter vivido amargas experiências na Primeira Guerra Mundial. Considerado anteriormente um dos maiores desportistas de Savannah e sua mais ilustre celebridade, Junuh era o eleito do coração da mais bela herdeira da cidade, Adele Invergordon. Mas quando retorna da guerra, ele é um homem derrotado, desistindo tanto do golfe quanto de Adele em favor da bebida. Quando é dada a chance para Junuh se redimir competindo em um torneio de golfe para celebridades, ele primeiro precisa redescobrir sua ginga e seu amor próprio. Será necessário um milagre, na forma de um misterioso carregador de tacos chamado Bagger Vance para que Junuh recupere seu sucesso no jogo bem como na vida.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

A trilha sonora de A Lenda de Bagger Vance foi liberada em sete de Novembro de 2000. Ela foi escrita por Rachel Portman; exceto pelas trilha um (“My Best Wishes”), treze (“Bluin’ the Blues”) e quatorze (“Mood Indigo”), que foram escritas por Thomas Wright “Fats” Waller, Joseph “Muggsy” Spanier e Edward Kennedy “Duke” Ellington, respectivamente. Toda trilha:

  1. My Best Wishes (2:27)
  2. The Legend of Bagger Vance (2:11)
  3. Savannah Needs a Hero (4:53)
  4. Bagger Offers to Caddy for Junuh (4:07)
  5. Bagger & Hardy Measure the Course at Night (2:32)
  6. The Day of the Match Dawns (3:07)
  7. Birdie (1:46)
  8. Junuh Sees the Field (5:11)
  9. Hole in One (2:30)
  10. Junuh Comes Out of the Woods (3:55)
  11. Bagger Leaves (3:12)
  12. Old Hardy Joins Bagger by the Sea (5:50)
  13. Bluin’ the Blues (2:27)
  14. Mood Indigo (3:07)
  • Tempo total das trilhas: 47:15

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.