Tractatus Logico-Philosophicus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Portal A Wikipédia possui o:
Portal de Filosofia

O Tractatus Logico-Philosophicus é a principal obra da chamada "1a. fase" do filósofo austríaco Ludwig Wittgenstein, é sua única obra publicada em vida.[1]

[2] [3] . Foi escrito enquanto ele era um soldado, durante a Primeira Guerra Mundial, em 1918. Publicado em alemão em 1921 como Logisch-Philosophische Abhandlung, teve forte impacto sobre todas as ciências, naturais e humanas, por ter avançado no estudo da Lógica, dando impulso ao movimento que ficou conhecido como positivismo lógico. Devido à originalidade de sua exposição e força de suas teses acerca da realidade e linguagem, é amplamente considerada uma das mais importantes obras da história da filosofia. O título em latim foi sugerido pelo filósofo G. E. Moore, em homenagem ao Tractatus Theologico-Politicus de Spinoza.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Hilton Japiassú, Danilo Marcondes (1993). 'Dicionário básico de filosofia, Zahar. p. 269. ISBN 978-85-378-0341-7.
  2. Tractatus Logico-Philosophicus by Ludwig Wittgenstein [[1]]
  3. Lugwig Wittgenstein Tractatus Logico-Philosophicus (em Alemão e Inglês) [[2]]


Wiki letter w.svg Este artigo sobre filosofia é mínimo. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.