1841

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
SÉCULOS: Século XVIIISéculo XIXSéculo XX
DÉCADAS: 17901800181018201830184018501860187018801890
ANOS: 18361837183818391840184118421843184418451846
Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikisource Textos originais no Wikisource

1841 em outros calendários
Calendário gregoriano 1841
MDCCCXLI
Ab urbe condita 2594
Calendário arménio N/A
Calendário chinês 4537 – 4538
Calendário judaico 5601 – 5602
Calendários hindus
- Vikram Samvat
- Shaka Samvat
- Kali Yuga

1896 – 1897
1763 – 1764
4942 – 4943
Calendário persa 1219 – 1220
Calendário islâmico 1257 – 1258
Calendário rúnico 2091

1841 (MDCCCXLI, na numeração romana) foi um ano comum do século XIX do actual Calendário Gregoriano, da Era de Cristo, e a sua letra dominical foi C, teve 52 semanas, início a uma sexta-feira e terminou também a uma sexta-feira.

Eventos[editar | editar código-fonte]

Vista parcial da cidade da Praia da Vitória, ilha Terceira, Açores.
Mehmet Ali, governador do Império Otomano.

Janeiro[editar | editar código-fonte]

Fevereiro[editar | editar código-fonte]

Março[editar | editar código-fonte]

Abril[editar | editar código-fonte]

Maio[editar | editar código-fonte]

Junho[editar | editar código-fonte]

Julho[editar | editar código-fonte]

Novembro[editar | editar código-fonte]

Indefinido[editar | editar código-fonte]

  • Indefinido - Criação da primeira Agência de Publicidade em Boston, Estados Unidos, por Volney Palmer.

Nascimentos[editar | editar código-fonte]

Falecimentos[editar | editar código-fonte]

Por tema

Referências

  1. Começaram na manhã de 12 de Junho com particular incidência no Ramo Grande, numerosos sismos. A 13 de junho alguns sismos mais intensos provocaram alguns danos nos edifícios e forçaram os moradores da Praia e freguesias vizinhas a abandonar as suas casas. Na madrugada do dia 14 de junho violentos sismos provocaram ainda maiores danos. Pelas 3h 25m da madrugada de 15, um violento sismo causou enorme destruição na Praia da Vitória e nas Fontinhas e danos generalizados em todas as freguesias do leste e nordeste da Terceira entre a Vila de São Sebastião e a Agualva. Desde o areal até à Cruz do Marco ficou uma fissura no terreno marcando a posição da falha que por ali passa. A destruição foi maior nas Fontinhas, freguesia onde ruíram todos os edifícios. Dado que os habitantes tinham já abandonado as casas, ninguém morreu. Ficaram contudo danificadas centenas de casas nas freguesias de: Santa Cruz, Fontinhas, Lajes, São Brás, Vila Nova, Agualva, Cabo da Praia, Porto Martins, Fonte do Bastardo e Vila de São Sebastião. Destas casas muitas tiveram de ser reconstruídas. A reconstrução foi apoiada por uma "Comissão dos Socorros".]
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre 1841