A Costa dos Murmúrios

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o filme, veja A Costa dos Murmúrios (filme).
A Costa dos Murmúrios
Autor(es) Lídia Jorge
Idioma português
País  Portugal
Assunto Guerra Colonial
Género Romance
Linha temporal início dos anos 70
Editora Dom Quixote
Formato capa mole
Lançamento 1988
Páginas 259
ISBN 9722023438

A Costa dos Murmúrios é um romance de Lídia Jorge. Foi publicado em 1988, pelas Publicações Dom Quixote. A acção passa-se na África Portuguesa, no princípio dos anos 70, durante a guerra colonial.

O livro foi adaptado ao cinema, com o título homónimo, por Margarida Cardoso, num filme com Beatriz Batarda, Filipe Duarte, Mónica Calle, Adriano Luz e Luís Sarmento.

Importância da obra[editar | editar código-fonte]

Considera-se que A Costa dos murmúrios é uma conseguida reflexão sobre a guerra colonial em Moçambique. Para escrever este romance, a escritora baseou-se em alguns factos verídicos, pesquisando no Museu Militar de Lisboa para escrever sobre determinados eventos. [1]
Lídia Jorge concede a voz a Eva Lopo, uma mulher portuguesa, situada num posicionamento de contestação que desautoriza a visão dos combatentes portugueses, desconstruindo a ideia de que a guerra era um assunto exclusivo da mundividência masculina.[2]

Referências

  1. Silva, Filipa (2014). Percursos de memória: uma análise de A costa dos murmúrios de Lídia Jorge e Terra sonâmbula de Mia Couto, Centro de Artes e Humanidades, Universidade da Madeira.
  2. Silva, Filipa (2014). Percursos de memória: uma análise de A costa dos murmúrios de Lídia Jorge e Terra sonâmbula de Mia Couto, Centro de Artes e Humanidades, Universidade da Madeira.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.