Agama (budismo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pipal.jpg
Budismo
inicial
Escrituras

Cânone páli
Agama
Textos budistas
de Gandhara

Concílio

1º Concílio
2º Concílio
3º Concílio
4º Concílio

Escolas

Primeira Sangha
 Mahāsāṃghika
     Ekavyahāraka
     Lokottaravāda
     Prajñaptivāda
     Caitika
 Sthaviravāda
     Puggalavāda
     Sarvāstivāda
     Vibhajjavāda
         Theravāda
         Dharma-
             guptaka

No budismo, um āgama (Sânscrito e Pali para "obra sagrada"[1] ou "escritura"[2] ) é uma coleção de escrituras do budismo inicial, das quais existem cinco e que juntas compõem as várias edições do Sūtra Pitika das escolas iniciais sânscriticas. As várias escolas possuiam diferentes edições de cada āgama e os cinco āgamas são equivalentes às cinco primeiras coleções (nikāyas) do Sutta Piika do cânone páli da escola Teravada. Āgamas de várias escolas, primariamente a Sarvāstivāda, estão preservados em sua inteireza nas traduções para o chinês e porções também sobrevivem em sânscrito e em traduções para o tibetano.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Monier-Williams (1899), p. 129, ver "Āgama," acessado em 12 Dec 2008: "U. Cologne" em http://www.sanskrit-lexicon.uni-koeln.de/scans/MWScan/MWScanpdf/mw0129-Akhara.pdf.
  2. Rhys Davids & Stede (1921-25), p. 95, entrada para "Āgama," acessado em 12 Dec 2008: "U. Chicago" em http://dsal.uchicago.edu/cgi-bin/philologic/getobject.pl?c.0:1:2582.pali.