Amphiesmenoptera

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaAmphiesmenoptera
Micropterna sequax (Trichoptera)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Arthropoda
Classe: Insecta
Ordens

Amphiesmenoptera é um clado de neópteros proposta por Willi Hennig na sua revisão da taxonomia dos de insectos, agrupando as ordens Lepidoptera (borboletas e traças) e Trichoptera (moscas-de-água).

Descrição[editar | editar código-fonte]

Os tricópteros e os lepidópteros partilham um elevado número de caracteres derivados (sinapomorfias) que atestam a sua origem comum, nomeadamente:[1] (1) as fêmeas, e não os machos, são heterogaméticos, ou seja a desiguladade nos cromossomas sexuais ocorre na fêmea e não no macho; (2) apresentam setas ou cerdas densas nas asas (modificadas para escamas nos Lepidoptera); (3) apresentam uma distribuição específica da venação das asas anteriores (venação anal com dupla volta); e (4) as larvas apresentem peças bucais e glândulas para fabricar e manipular seda.[1]

Este grupo provavelmente diferenciou-se no Jurássico, por divergência com o grupo extinto Necrotaulidae.[1] Os Lepidoptera diferem dos Trichoptera em vários caracteres, incluindo detalhes na venação das asas, forma das escamas alares, perda dos cerci, perda de um ocelo e modificações nas pernas.[1]

Amphiesmenoptera é considerado o táxon irmão de Antliophora, um clado que compreende Diptera, Siphonaptera e Mecoptera. Juntos, Amphiesmenoptera e Antliophora, constituem o grupo Mecopterida.[2]

Notas

  1. a b c d Grimaldi, D. & M. S. Engel (2005). Evolution of the Insects. [S.l.]: Cambridge University Press. ISBN 0-521-82149-5 
  2. M. F. Whiting, J. C. Carpenter, Q. D. Wheeler & W. C. Wheeler (março de 1997). «The Strepsiptera problem: phylogeny of the holometabolous insect orders inferred from 18S and 28S ribosomal DNA sequences and morphology». Systematic Biology. 46 (1): 1–68. PMID 11975347