Arcueil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Arcueil
  Comuna francesa França  
Aqueduc de nuit.JPG
Símbolos
Brasão de armas de Arcueil
Brasão de armas
Gentílico Arcueillais
Localização
Arcueil está localizado em: França
Arcueil
Localização de Arcueil na França
Coordenadas 48° 48' 27" N 2° 20' 10" E
País  França
Região Blason France moderne.svg Ilha de França
Departamento Blason département fr Val-de-Marne.svg Vale do Marna
Administração
Prefeito Christian Métairie
Características geográficas
Área total 2,33 km²
População total (2018) [1] 21 845 hab.
Densidade 9 375,5 hab./km²
Altitude máxima 105 m
Altitude mínima 42 m
Código Postal 94110
Código INSEE 94003
Sítio www.arcueil.fr/

Arcueil é uma comuna francesa situada no departamento de Vale do Marne na região da Ilha-de-França, fazendo parte da Metrópole da Grande Paris e do sindicato Paris Métropole. Estende-se por uma área de 2,33 km². Em 2018 a comuna tinha 21 845 habitantes (densidade: 9 375,5 hab./km²).[1]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Transportes[editar | editar código-fonte]

Toponímia[editar | editar código-fonte]

A cidade, uma vez conhecida como Arculi antes de se tornar Arcueil, deve seu nome aos arcos do primeiro aqueduto[2].

História[editar | editar código-fonte]

Construído pelos romanos para levar água retirada de Rungis para as termas de Lutécia, no local do atual museu de Cluny[2], o aqueduto foi reconstruído no século XVII.

A cidade foi anexada à paróquia de Gentilly, como a aldeia de Cachan cujas histórias estão entrelaçadas. Arcueil era uma cidade apreciada como um local para caminhar e de descanso, incluindo Ronsard[3]. Em 1768, o Marquês de Sade tinha alugado uma casa onde foi levada uma jovem mulher sem fortuna que ele submeteu a suas fantasias.

A construção por Thomas Francine, de 1613 a 1624, do aqueduto Médicis, em homenagem ao seu patrocinador, sobre o traçado do aqueduto romano, deu importância para a vila. A obra tem quatrocentos metros de comprimento e vinte e quatro metros de altura, no máximo. O Bièvre corre sob duas das arcadas e rega um parque notável pela altura das árvores e sua vegetação exuberante.

A urbanização da comuna se acelera, se testemunha o desenvolvimento da place de l'église (no local do antigo cemitério) e a construção dos primeiros loteamentos. Na sequência de disputas entre Arcueillais e Cachanais, a lei de 26 de Dezembro de 1922 cria a comuna distinta de Cachan.

Os prefeitos Émile Raspail, e mais recentemente Marius Sidobre e Marcel Trigon marcaram a cidade.

Demografia[editar | editar código-fonte]

Evolução demográfica
1793 1800 1806 1821 1831 1836 1841 1846 1851
1 338 1 168 1 200 1 439 1 809 1 746 1 734 2 701 3 071

1856 1861 1866 1872 1876 1881 1886 1891 1896
2 957 4 078 5 024 5 258 5 299 6 067 6 465 6 088 7 064

1901 1906 1911 1921 1926 1931 1936 1946 1954
8 425 9 237 11 319 14 966 12 559 16 200 16 590 16 340 18 067

1962 1968 1975 1982 1990 1999 - - -
20 224 21 877 20 330 20 064 20 334 18 061 - - -
Para os censos de 1962 a 2006 a população legal corresponde à popolução sem duplicidades, segundo define o INSEE.[4]

Cultura local e patrimônio[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Populations légales 2018. Recensement de la population Régions, départements, arrondissements, cantons et communes». www.insee.fr (em francês). INSEE. 28 de dezembro de 2020. Consultado em 13 de abril de 2021 
  2. a b Dictionnaire historique des environs de Paris du docteur Ermete Pierotti.
  3. É particularmente aí que aconteceu o evento conhecido sob o nome de "Pompe du bouc".
  4. «Population sans doubles comptes (recensement de la population 1999)». Insee (em francês). 13 de outubro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre geografia da França é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Arcueil