Batalha de Lyndanisse

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batalha de Lyndanisse
Parte das Cruzadas do Norte
Danmarks flag 1219 Lorentzen.jpg
A Dannebrog caindo do céu durante a Batalha de Lyndanisse.
Data 15 de junho de 1219
Local Lyndanisse (Tallinn), Estônia
Desfecho Vitória dinamarquesa
Beligerantes
Revalia, Harria Dinamarca
Comandantes
? Valdemar II
Forças
1000-2000[1] "vários mil"
Baixas
desconhecidas desconhecidas

A Batalha de Lyndanisse aconteceu em 15 de junho de 1219.

Sob o pretexto de ajudar a Cruzada na Palestina, o rei dinamarquês, Valdemar II Sejr derrotou os estonianos em Lyndanisse sob as ordens do Papa Honório III.

Com um número de chalupas, o rei, juntamente com o bispo Anders Sunesen, o bispo Teodorico da Estônia, o conde Alberto de Nordalbingien e Vitslav I de Rügen partiram em direção a Lyndanisse, atualmente conhecida por Tallinn e tomaram o castelo da cidade (Castrum Danorum).

Em 15 de junho, os estonianos atacaram os dinamarqueses perto do castelo, que tomados de surpresa fugiram em todas as direções. Porém, Vitslav conseguiu reagrupar os cruzados e afugentaram os estonianos.

A lenda diz, que durante esta batalha, no momento em que os dinamarqueses estavam em grande dificuldade, a bandeira da Dinamarca, Dannebrog caiu do céu e renovou-lhes as esperanças. A Dannebrog permanece sendo uma das mais antigas bandeiras estatais a ser usada até hoje.

Referências

  1. The Baltic Crusade por William L. Urban; Northern Illinois University Press; ISBN 0875800521

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]