Ben 10: Supremacia Alienígena

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ben 10: Ultimate Alien
Ben 10: Supremacia Alienígena (PT/BR)
Logotipo da série
Informação geral
Formato série de desenho animado
Duração Aprox. 22 minutos
Criador(es) Man of Action
Desenvolvedor(es) Dwayne McDuffie
País de origem  Estados Unidos
Idioma original inglês
Produção
Produtor(es) Donna Smith
Dwayne McDuffie (co-produtor)Glen Murakami (supervisor de produção)
Distribuição Warner Bros. Television
Vozes de Estados Unidos Yuri Lowenthal
Estados Unidos Ashley Johnson
Estados UnidosGreg Cipes
Estados Unidos Vyvan Pham
Estados Unidos John DiMaggio
Brasil Charles Emmanuel
Brasil Ana Lúcia Menezes
Brasil Duda Espinoza
Brasil Victória Fischer
Brasil Luiz Carlos Persy
Exibição
Emissora original Brasil Cartoon Network Brasil
Brasil SBT
Portugal Cartoon Network
Formato de exibição 480i(SDTV)
1080i(HDTV)
Transmissão original 23 de abril de 201031 de março de 2012
Temporadas 3
Episódios 52 (lista de episódios)
Cronologia
Ben 10: Alien Force
Ben 10: Omniverse
Ligações externas
Site oficial

Ben 10: Ultimate Alien (no Brasil: Ben 10: Supremacia Alienígena) é uma série animada americana que é a terceira sequência de Ben 10. Foi estreado após o final da série de Ben 10: Força Alienígena,em 26 de março de 2010, nos Estados Unidos, e foi ao ar em 23 de abril de 2010; no Brasil, foi estreado em 10 de outubro do mesmo ano, no especial do dia 10 de outubro de 2010. O título original foi "Ben 10: Evolution", no qual seu nome foi mudado para "Ben 10: Ultimate Alien". A série mostra um grande trama parecida com sua antecessora "Ben 10 Alien Force", mas dessa vez com mais humor.

Enredo[editar | editar código-fonte]

1ª temporada[editar | editar código-fonte]

Retomando algumas semanas depois de que Ben 10: Força Alienígena acaba, começa Ben 10: Supremacia Alienígena, Ben agora têm dezesseis anos de idade. O Omnitrix foi destruído e Ben consegui um sucessor do Omnitrix, o Ultimatrix (no Brasil, Superomnitrix), uma versão nova do Omnitrix antigo que não só lhe dá acesso ao seu poder original, mas também lhe permite evoluir as seus alienígenas para versões Ultimate (no Brasil, Supremas). No episódio "Fama", um jovem fã chamado Jimmy Jones deduz a identidade secreta de Ben e revela para o mundo, Ben se torna uma celebridade, saudado pelas crianças como um herói, mas desconfiado dos adultos e da mídia como uma possível ameaça; com Gwen, Kevin e Max ainda ao seu lado, Ben continua a batalha contra ameaças alienígenas da galáxia incluindo a determinação de cinco alienígenas que foram atacados por um vilão chamado Agreggor.[1]

2ª temporada[editar | editar código-fonte]

Os Cavaleiros Eternos descobrem um misterioso selo que liberta a criatura controladora de mentes Lucubra. Ben, Gwen e Kevin descobrem A Esotérica, um grupo que usa tecnologia para ajudar a Terra e aguarda a chegada de Diagon para o início dos anos de ouro. Vilgax se passa por Diagon e engana A Esotérica, comandada por Conduit Edwards. Em "Um Cavaleiro pra Lembrar", Edwards descobre a farsa de Vilgax quando o mesmo volta para a sua forma humanóide. Vilgax é conduzido por Winston (controlado por Diagon) até o selo para quebrá-lo com a Ascalon. Vilgax é sugado até a dimensão de Diagon e Sir George, depois de unir todas as facções dos Cavaleiros Eternos, obtém de volta sua espada, mas Azmuth (criador da Ascalon), avisa a George que a espada pode sobrecarregar e explodir a Terra, mas ele ignora o aviso. Ao chegar a grande batalha contra o inimigo supremo, Diagon liberta Vilgax de sua dimensão, agora fundido com uma Lucubra. Diagon controla Gwen e consegue quebrar o selo. Diagon mata George ao sobrecarregar a Ascalon com um raio. Vilgax absorve Diagon e o mata. Ben batalha contra Vilgax no Monte Rushmore e vence. Azmuth vem à Terra e pede a Ascalon e o Superomnitrix, mas dá a Ben um novo Omnitrix, que será usado por Ben em Ben 10: Omniverse.[2]

Jogo eletrônico[editar | editar código-fonte]

Ben 10 Ultimate Alien: Cosmic Destruction foi um jogo baseado no desenho animado Ben 10: Ultimate Alien, foi disponibilizado no Brasil para PlayStation 2, PlayStation 3, PSP, Wii, Xbox 360 e Nintendo DS.[3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]