Bruno Grandi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bruno Grandi
Nome completo Bruno Grandi
Nascimento 9 de maio de 1934 (83 anos)
Forlì, Emilia Romagna
Ocupação Membro do COI (2000 - atualidade)
Presidente da FIG (1996 - atualidade)
Presidente da Federação Italiana de Ginástica (1977 - atualidade)

Bruno Grandi (Emilia Romagna, 9 de maio de 1934) é um sportsman italiano, presidente da Federação Internacional de Ginástica e membro do Comitê Olímpico Internacional.[1]

Natural de Forlì, Grandi foi professor de educação física no Instituto de Educação Física, em Roma. Bruno foi membro da elite júnior italiana de ginástica artística masculina. Anos mais tarde, tornou-se o técnico da seleção júnior nacional. Aos 43 anos, tornou-se presidente da Federação Italiana de Ginástica.[1]

Presidente da FIG desde 1996, ao aposentar-se Yuri Titov, Grandi, em 2004, viu a ginástica artística descredibilizar-se com os escândalos nas Olimpíadas de Atenas e a recuperar-se com um novo código de pontos, elaborado por ele e pela ex-ginasta Nellie Kim.[2][3] Em 2008, foi reeleito presidente da Federação Internacional.[4]

Em 2001, fora introduzido no International Gymnastics Hall of Fame.[1]

Referências

  1. a b c «BRUNO GRANDI - Italy» (em inglês). IGHF. Consultado em 7 de julho de 2009 
  2. UOL Esportes. «Erros e protestos sobre notas mancham a ginástica em Atenas». Esporte.uol.com.br. Consultado em 28 de junho de 2009 
  3. TvNz. «Kim defends scrapping "perfect 10"» (em inglês). Tvnz.co.nz. Consultado em 28 de junho de 2009 
  4. «FIG reelege Bruno Grandi para novo mandato». Lance.net. Consultado em 7 de julho de 2009 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.