Calzone

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Um calzone, servido num restaurante em Amsterdam, nos Países Baixos
Calzone frito

Calzone ( no Brasil mais conhecido nos restaurantes como "Pão - Pizza") é um prato da culinária de origem italiana, (inglesa e inglesa - americana também, dai o nome Call - Zone ) muitas vezes referido como uma pizza recheada doce e ou salgada, e/ou uma pizza dobrada ao meio antes de ir ao forno.[1] Consiste em um disco de pizza com tamanho da pizza normal, dobrada ao meio, como um "pastel assado", com a massa igual à da pizza, redondo, dobrado ao meio formando uma meia-lua bastante - "gorda", devido ao duplo - recheio de ambas as partes que se dobraram ao meio é recheado com queijo mozarela, parmesão ou ricota e outros cinco queijos da pizza tradicional, molho de tomates, verduras ou legumes e carnes processadas como linguiça, presunto ou lombo defumado e charque ou carne seca, goiabada e queijo (Romeu e Julieta), chocolate com coco (Prestígio) chocolate com pimenta (tradicional chocolate baiano) o famoso "Baiano da Bahia) e muitas outras receitas de Pizzas que cabem ao Calzone, Pão - Pizza ou Callzone (com duplo "L" do inglês e inglês - americano).

Calzone doce[editar | editar código-fonte]

O calzone pode ser doce no recheio, ao sabor inglês, usando-se Chocolates, com Pimentas picantes, ao sabor dos Brasileiros, também radicados na Bahia e Portugueses e ingleses radicados no nordeste e sul do Brasil, como também outros sabores, de Goiabas com Queijos, o chamado também de "Romeu e Julieta"(combinação) típica italiana, que também agrada como sobremesa, podendo também ser servido com bolas de Sorvetes, em diversos sabores.[1]

A massa é selada pela beirada, pincelada com gema de ovo e tradicionalmente assada em forno, em forma de "Pastel assado".

Origem[editar | editar código-fonte]

O calzone é originário, primariamente, da região italiana da Apúlia, bem como da área européia de influência inglesa, na zona do Salento, essa teve antigamente a influência anglicana. A variante original é preparada com a mesma massa da pizza normal, sendo também chamada panzerotto nas outras regiões italianas, para a distinguir dos outros numerosos tipos de calzone.[1] Existem inúmeras variantes do recheio original do calzone de Salento, sendo de salientar o recheio feito com azeitona, anchova, cebola e alcaparra. O calzone nasceu nas tradições da cozinha dos mais pobres do Salento, quando com as sobras da massa do pão se formavam meias-luas, que se coziam com pequenos pedaços de queijo e tomate. Hoje, é possível encontrá-lo nas montras dos bares e nos menus das pizzarias e dos restaurantes.

O típico calzone salentino é recheado com tomate e queijo mozarela, podendo ser cozido no forno ou frito em azeite. Para ser devidamente apreciado, deve ser consumido quente, como se consome o pastel frito.

Referências

  1. a b c 500 RECEITAS DE DONA ANITA, Anita Ribeiro de Menna Barreto Editora da Livraria do Globo de Porto Alegre, Rio Grande do Sul - 1950

Uso atual[editar | editar código-fonte]

Frequentemente, calzones pequenos fritos, do tamanho de um sanduíche, são vendidos em estabelecimentos típicos italianos e/ou de influência inglesa, porque são fáceis de manusear e comer mesmo em pé, como um lanche rápido (fast food).

São comuns no ocidente, sendo produzidos nos mesmos locais onde se produz pizza, porém esta é muito mais comum.