Desenho urbano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2017). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Searchtool.svg
Esta página foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo.

O desenho urbano diz respeito à disposição, aparência e funcionalidade das cidades e, em particular, à forma e utilização do espaço público. Ele tem sido tradicionalmente considerado como um subconjunto disciplinar do planeamento urbano, arquitetura paisagista ou arquitetura e ultimamente tem sido associado às disciplinas emergentes, tais como o urbanismo paisagístico. Independentemente do crescimento proeminente das atividades destas disciplinas, o desenho urbano é conceptualizado como uma prática de desenho que opera na interseção das três, e, portanto, requer um bom entendimento de outras implicâncias, tal como economia urbana, economia política e teoria social.

A importância do Desenho Urbano como uma expressão técnica e artística de composição dos espaços urbanos cresce a cada dia com o crescimento das cidades em todo o mundo. O projeto urbano deve ser encarado como uma proposta de organização física dos espaços para o cumprimento dos objetivos preestabelecidos, cujas realizações a curto ou longo prazo se caracterizam num Planejamento.

Ícone de esboço Este artigo sobre urbanismo, planejamento e estudos urbanos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.