Discussão:São Paulo/Arquivo/1

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Untitled[editar código-fonte]

São Paulo é sim a cidade que mais se consome pizza no mundo, por dia não seria possivel Nova York consumir mais pois, a população de lá é MUITO menor que a de São Paulo, aproximadamente uns 5 milhoes na cidade, e o primeiro lugar das frotas de helicoptero é Hong Kong não Nova York O helicóptero é o único meio de transporte eficaz na cidade. Informação com um certo viés, pois a cidade dispõe de metrô. --Patrick 01:40, 18 Mai 2004 (UTC)


Concordo plenamente, eu também odeio o trânsito de são paulo mas acho que um comentário mais neutro seria: "a cidade enfrenta problemas comuns a várias megalópoles do terceiro mundo, como tráfego intenso, favelas…". Claudomiro Jr 07:58, 18 Mai 2004 (UTC)
Se fosse possível o povão usar helicópteros na sua rotina diária, morreria gente todo dia em quedas de helicópteros na cidade de São Paulo. Só os que podem pagar o altíssimo custo desse transporte dele usufruem. E assim mesmo na medida em que existam pontos de aterrisagem e decolagem. O texto em questão é absurdamente surrealista. Scott MacLean 08:41, 18 Mai 2004 (UTC)Scott MacLean
Concordo plenamente, porque só São Paulo? teria que se dizer a mesma coisa de todas as metrópolis do mundo então? bem surrealista. Usuário:Jurema_Oliveira 05:55, 18 Mai 2004

Acho que as coisas boas da cidade também merecem ser faladas . Os parques, museus, cinemas e teatros são todos de ótima qualidade ; o entretenimento na cidade é muito grande , um dos fatores que demonstra iso é ojornal americano THE NEW YORK TIMES fazer uma reportagem de elogios à rede hoteleira e da facilidade de acesso a cultura em São Paulo. São Paulo tem ótimas universidades e escolas técnicas que fazem um excelente 2 grau para seus alunos , como no caso da CEFET ( centro federal de educação tecnologica de São Paulo ) que tem um 2 grau de grande gabarito . São Paulo não é só transito , eu concordo plenamente Sampa também é cultural


Crescimento da cidade[editar código-fonte]

Uma das caracteristicas mais impressionantes de São Paulo é o seu crescimento. Num documentário televisivo ouvi uma vez que São Paulo cresce a um ritmo superior a mais do que um milhão de novos habitantes cada ano. Muitas vezes, estes novos habitantes são pessoas que vêm viver para as zonas degradadas da periferia ou para prédios abandonados no centro da cidade. E provêm muitas vezes do nordeste. Alguém tem números concretos quanto ao crescimento anual de São Paulo ? Acho que esse aspecto valorizaria o artigo --Joaotg 18:12, 9 Set 2004 (UTC)

Li num jornal, há poucos meses, talvez A Folha de São Paulo, que a periferia de Sampa continua crescendo, mas ow bairroes centrais estão diminuindo. Tornam-se comericiais, não apenas o centro mas também os bairros de classe média, cuja população está migrando para o que se chama região metropolitana expandida, ou seja, cidades próximas acessíveis por estradas, como Atibaia, Araçoiaba da Serra, Embu e outras. A zona norte tema a favela que mais crece atualmente, Jardim Paraná, que aumenta à razão de mais de 10% ao ano. A população da cidade, como um todo, deve estar mais ou menos estável, mas a região metropolitana, que inclui, se não me engano, 18 municípios, continua crescendo. Não há mais terrenos livres, o que ocorre é um adensamento com construção de edifícios ou condomínios fechados . O adensamento perto das estações de metrô mais novas é grande, antigas casas são demolidas e os terrenos parcelados. O plano diretor da cidade tem sido mudado constantemente, para satisfazer a ânsia de lucro do setor imobiliário.
De fato, sem metrô a cidade estaria imobilizada. Nas greves do metrô, tudo pára. Nas chuvas, é freqüente a notícia de 140 km de congestionamentos. --Lígia Prado 17:17, 11 Dez 2004 (UTC)

O PIB (Produto Interno Bruto) da capital paulista --US$ 102,4 bilhões-- supera a riqueza gerada por 22 Estados norte-americanos, entre eles Hawai, Georgia e New Hampshire, quando analisados individualmente, segundo pesquisa divulgada nesta sexta-feira pela Fecomercio (Federação do Comércio do Estado de São Paulo).

Segundo o estudo, se a cidade de São Paulo fosse um país, ele estaria entre as 50 maiores economias do mundo, no 47º. lugar, à frente do Egito (15% maior) e do Kwait (27% maior) e na mesma dimensão da Nova Zelândia e da Hungria. Além disso, a riqueza gerada pela capital paulistana corresponde a quase 85% da economia de Israel.

O levantamento de dados econômicos e de outras áreas, além de variedades, foi elaborado pela Fecomercio-SP em função da comemoração dos 454 anos da capital paulista.

O PIB do município de São Paulo em 2005 alcançou R$ 263,2 bilhões, ou US$ 102,4 bilhões. Isso corresponde a 12,3% do PIB do Brasil. A entidade considerou a taxa cambial média de 2005, R$ 2,57.

Ainda segundo a pesquisa, o PIB da capital paulista é maior do que o de todos os Estados brasileiros, exceto São Paulo. O resultado é 7% maior do que o Estado do Rio de Janeiro e 37% maior do que Minas Gerais.

Se o município de São Paulo fosse um país, ele seria o quinto da América do Sul, ao lado do Chile, com um PIB cinco vezes maior que o do Uruguai.

A carga tributária do Brasil em 2005 ficou em cerca de 35% do PIB. A participação da cidade de São Paulo no PIB do Brasil nesse ano foi de 12,3%, portanto o município paulistano contribuiu com pelo menos 4,3% do PIB brasileiro em termos de carga tributária nacional. Ou seja, recolheu mais de R$ 90 bilhões em impostos naquele ano para o país.

O Orçamento de São Paulo foi de R$ 15 bilhões em 2005, menos de 6% do seu PIB. Para a Fecomercio, isso indica que, em média, a contribuição da cidade de São Paulo para o país é muito maior do que ela recebe de volta.

Veja informações e curiosidades sobre a cidade de São Paulo:

Dados geopolíticos

São Paulo é a terceira maior cidade do mundo e a maior das Américas, com mais de 11 milhões de habitantes;

O orçamento da cidade é o terceiro maior do Brasil, atrás apenas do governo federal e do estado de São Paulo;

A cidade de São Paulo tem um território de 1.530 kms2;

A taxa de alfabetização está em 95,4% da população;

Dados econômicos

A cidade de São Paulo é o principal centro financeiro da América Latina e abriga sucursais das maiores instituições bancárias do mundo. São aproximadamente 1.500 agências de bancos nacionais e internacionais. E ainda abriga 38% das sedes das 100 maiores empresas privadas de capital nacional; 63 % das sedes de grupos internacionais instalados no país. São Paulo também é sede de 16 dos 20 maiores bancos múltiplos e comerciais; de oito das dez maiores corretoras de valores e de cinco das dez maiores empresas de seguros;

A BM&F (Bolsa de Mercadorias & Futuros) é a sexta do mundo em volume de contratos negociados;

A Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) movimenta R$ 6 bilhões por dia;

Cerca de 30 mil milionários vivem atualmente na cidade de São Paulo;

60% de todos milionários do Brasil vivem na cidade de São Paulo;

Em São Paulo são efetuadas dez compras por segundo via cartão de crédito ou débito;

São mais de 240 mil estabelecimentos comerciais na cidade e mais de 70 shopping centers (o maior número do Brasil). Só os shoppings centers recebem mais de 30 milhões de pessoas por mês;

Variedades

Na cidade de Londres existem 20 mil táxis, e em São Paulo são mais de 30 mil;

A cidade de São Paulo hoje tem a segunda maior frota de helicópteros do mundo, só perdendo para Nova York;

Na cidade de Londres existem um pouco mais de 11 mil bares e restaurantes, e em São Paulo são mais de 38 mil; Desde 1997, a cidade é a capital mundial da gastronomia;

A cidade conta com mais de 5.000 mil pizzarias que produzem cerca de 40 mil pizzas por hora. No caso dos sushis, são produzidos aproximadamente 16.800 por hora na cidade;

São Paulo é a capital cultural da América Latina com a maior diversidade em manifestações culturais. São mais de cem peças teatrais por semana, ou 4.800 peças por ano;

São Paulo é a 3ª maior cidade italiana do mundo; a maior cidade japonesa fora do Japão; a maior cidade portuguesa fora de Portugal; a maior cidade espanhola fora da Espanha; a terceira maior cidade libanesa fora da Líbano;

Bandeiras[editar código-fonte]

Fico até envergonhado porque o pessoal tem levantado pontos mais relevantes. Mas sou um aficionado por bandeiras inveterado, e a imagem da bandeira mostrada no artigo me parece que poderia ser melhorada. Alguém sabe quem fez ou, de qualquer forma, poderia mudar a imagem? Porque me parece que os quatro trapézios nas pontas da cruz são iguais, e mais parecidos com o que está à esquerda, junto ao mastro, do que com os demais. As bases maiores iguais ao raio do círculo, é o que me parece. Quem tiver paciência/pedantismo suficientes para mudar a imagem, agradeço. Amorim Parga 03:29, 3 Nov 2004 (UTC)

PS: a imagem do brasão de armas está um primor. Se melhorar, estraga. Amorim Parga 03:30, 3 Nov 2004 (UTC)


Caros:

Achei as imagens boas, mas acho que a bandeira carecia de um frame para delimitar as suas bordas. Tentei fazer isto usando "framed" e não deu certo (a imagem desapareceu). Alguém teria uma idéia melhor?

Campani 14:45, 11 Dez 2004 (UTC)

Acho que passou desapercebido a todos um pequeno problema: as imagens não estão carregadas na wikipedia (e provavelmente não conhecemos as condições de uso dos respectivos arquivos). Estou removendo os links (www.brazilsite.com.br/hpsaopaulo/bandeira250.jpg e www.brazilsite.com.br/hpsaopaulo/bras%C3%A3o.jpg) até que versões compatíveis com o GFDL estejam disponíveis. --GAF 23:49, 26 Dez 2004 (UTC)

Por que houve a remoção da bandeira do estado de São Paulo ao lado da hiperligação para o verbete São Paulo, já que foi ali colocada para identificar que é sobre o estado de São Paulo? Da mesma forma, por que foi retirado o brasão municipal de São Paulo ao lado da hiperligação que leva à página da Prefeitura de São Paulo? --rss 26 Jan 2007 (UTC)


O Brasão da cidade está errado. A cruz deveria ser vermelha e vazada (exatamente como na bandeira). Esse erro no brasão eu observei a partir da prefeitura de José Serra e, mesmo nos ônibus, ele é estampado dessa forma. Recentemente notei que alguns ônibus já têm o brasão corrigido. Façam isso por aqui também, para o bem de todos.

Fotos de São Paulo[editar código-fonte]

coloquei no Commons algumas fotos de São Paulo, http://commons.wikimedia.org/wiki/São_Paulo e http://commons.wikimedia.org/wiki/Photo:Places_in_São_Paulo para substituir a foto montada que lá está, mas fiquei na dúvida de qual seria a melhor. Jurema Oliveira 11:03, 22 Dez 2004 (UTC)

Gastronomia[editar código-fonte]

Acho que deveria haver uma seção falando sobre a comida em São Paulo sendo que a cidade foi eleita a capital munidal da gastronomia.-- Alexandre discussão 22h33min de 23 de Janeiro de 2008 (UTC)

Informação retirada[editar código-fonte]

Um anónimo retirou a seguinte parte do texto: Mesmo assim, a cidade enfrenta problemas comuns às megalópoles do terceiro mundo - como a criminalidade - registrando uma média superior a 12 assassinatos por dia. - acham que se deve devolver esta parte ou texto ou não? Será que o anónimo quer dar um aspecto cor de rosa a uma realidade mais escura?… Manuel Anastácio 00:52, 2 Fev 2005 (UTC)

Devolva-se.--gaf 01:01, 2 Fev 2005 (UTC)

Não convém essa frase. E até mesmo porque expressões como Primeiro Mundo e Terceiro Mundo caíram de "moda": são do tempo da Guerra Fria. Sugiro pelo menos que substitua a antiga expressão "megalópoles do terceiro mundo" por uma mais atual: "megalópoles dos países emergentes".--rons 26 Jan 2007 (UTC)

Alguém retirou a informação da distância à capital Brasília, peço que recoloquem-na. --Dante Raglione 20:54, 27 Junho 2006 (UTC)

Novas estatísticas?[editar código-fonte]

Por favor, me confirmem esta mudança: [1]. obrigado! --FML Simbolopaulista.jpg oi 08:17, 1 Jul 2005 (UTC) Está havendo um equívoco. SÃO PAULO NÃO É UMA MEGALÓPOLE!

Por defininição, MEGALÓPOLE é uma mega-conurbação entre duas ou mais regiões metropolitanas. É uma região, nunca uma cidade. Chamar

SP de megalópole é cair um equívoco conceitual.

Parabéns São Paulo[editar código-fonte]

Parabéns SP, pelos 452 anos!

Vamos ajudar o artigo a ficar melhor ainda!

Obrigado a todos

Nero 13:20, 25 Janeiro 2006 (UTC)

Reciclagem (28.01.2006)[editar código-fonte]

Achei muito boa a limpeza do artigo, mas creio que a relação de empresas públicas é uma informação interessante no artigo principal de São Paulo (visto que companhias como a Emurb e a SPTrans têm um papel fundamental na definição de certos aspectos da vida cotidiana da cidade).--g a f msg 16:46, 29 Janeiro 2006 (UTC)

Gaf, a retirada das empresas (aquelas listadas) é apenas para fins de limpeza. Talvez fosse interessante criarmos um tópico tipo "Administração pública". Aí sim, caberia. Não no tópico de política municipal. Acho que são duas coisas diferentes. Mesmo assim, são várias as empresas da cidade (não só aquelas) e incluí-las, talvez criasse aquela sensação de lista de listas, como disseste. Hmmm, vou pensar em algo. Indech::alô? 22:49, 29 Janeiro 2006 (UTC)

Na verdade esta é a relação oficial de empresas públicas com participação de capital da Prefeitura (ver http://prefeitura.sp.gov.br/portal/governo/). Concordo que uma seção "Administração municipal" seja mais adequada (talvez para todo o conteúdo da atual "Política municipal"), mas acho que pode ficar como está, por enquanto.--g a f msg 00:52, 30 Janeiro 2006 (UTC)

reversão 10-02[editar código-fonte]

Considero fundamentais, no artigo principal sobre São Paulo, as informações culturais que foram retiradas nesta data (o que justifica a reversão). Já é um conteúdo resumido e não precisa estar separado (o que não invalida a existência de um artigo específico).--g a f msg 21:25, 10 Fevereiro 2006 (UTC)

Não justifica não senhor. Referências culturais são subitens de Cultura, portanto, merecem estar no artigo específico. Senão não justificaria a existência de todos os artigos específicos que temos criado. Se quiser, podemos fazer um artigo de 200k, cheio de listas e outras particularidades (mesmo com o conteúdo "resumido"). Lembrete: Também tenho ferramenta de reversão. Se quiser, podemos brincar bastante… Indech::alô? 04:59, 12 Fevereiro 2006 (UTC)
De qualquer forma, não vale a pena ter um artigo cujas seções sobre suas características possuem apenas um parágrafo. Talvez a subseção "Referências culturais à cidade de São Paulo" não precise de fato continuar aqui, mas creio que as seções "transpostes" e "turismo" ainda podem vir a receber vários parágrafos.--g a f msg 15:43, 12 Fevereiro 2006 (UTC)

Mover título para "Cidade de São Paulo"[editar código-fonte]

O que vocês acham? Penso que a formatação fica melhor do que "São Paulo (cidade)"…Fábio Soldá 13:37, 1 Fevereiro 2006 (UTC)

Boa ideia - mas tinha que se fazer para todas as cidades onde houvesse ambiguação. Vou colocar isto para discussão na Esplanada.--Rui Silva 13:39, 1 Fevereiro 2006 (UTC)
Eu não sei… na minha opinião fica melhor mover para São Paulo (cidade), para manter uma padronização (Nome da cidade (Estado)), da mesma maneira que já foi feito com os artigos de cidades com nome ambíguos como Rio de Janeiro (cidade) e São José (Santa Catarina). --Giro720 02:39, 2 Fevereiro 2006 (UTC)
Desculpe-me, Giro720, mas não parece estranho colocar no cabeçalho de um verbete São Paulo (cidade) ou Rio de Janeiro (Rio de Janeiro)? Assim como sugere não acabaria por manter a ambiguidade? Para esses casos, concordo com Fábio: Cidade de São Paulo e Cidade do Rio de Janeiro. --rons 26 Jan 2007 (UTC)

Acho que o nome do artigo poderia ser mudado para "Cidade de São Paulo" ao invés de São Paulo (cidade), ficando mais agradável. HenriqueCB 00:39, 5 Janeiro 2007 (UTC)Mensagens aqui

Parece interessante essa idéia. Poderíamos votar essa mudança. Alex Pereirafalaê 14:40, 9 Janeiro 2007 (UTC)

Já proposto acima. Alex Pereirafalaê 18:21, 16 Janeiro 2007 (UTC)

O título não pode ser "Cidade de São Paulo" pois esta forma de qualificação desrespeita as normas de nomenclatura. Dantadd 18:46, 16 Janeiro 2007 (UTC)

Editar[editar código-fonte]

Porque os botões editar não aparecem? -- Slade Aceofspades.svg T 17:56, 12 Março 2006 (UTC)

Visão Geral[editar código-fonte]

Nova York não é capital! É uma cidade muito importante para o mundo, mas não é capital! :D Davidandrade msg 15:12. 4 de abril de 2006 (UTC-3)

Alguém retirou a informação da distância à capital Brasília, peço que recoloquem-na. --Dante Raglione 20:54, 27 Junho 2006 (UTC)


Esta seção tem um caráter muito pessoal/opinativo. Em particular, comparacoes com cidades europeias me parece descabidas (por que nao comparar com Buenos Aires ou Nova Delhi?). Sugiro remover completamente a segunda sentenca do segundo paragrafo e realocar a primeira com alguma informaccao economica. --Edugalt (discussão) 03h02min de 3 de Março de 2008 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo. Ficou extremamente provinciana esta comparação com as cidades européias. RafaAzevedo msg 12h17min de 3 de Março de 2008 (UTC)

Curiosidades[editar código-fonte]

O tópico "curiosidades" vive infestado de material copiado da Internet com "informações estatísticas e verídicas" segundo o usuário Glum. Na minha opinião, além desse material ser suspeito de VDA [2], não ser comprovado (onde está a fonte para isso tudo), faz o artigo parecer material de almanaque. Penso que deveria ser retirado. Luís Felipe Braga 01:32, 29 Abril 2006 (UTC)

Podemos ir a caça de fontes que comprovem os dados… como por exemplo http://www.mre.gov.br/cdbrasil/itamaraty/web/port/divpol/sudeste/sp/capital/apresent.htm sobre o trecho da terceira maior cidade italiana do mundo Glumresponder 02:39, 29 Abril 2006 (UTC)

O próprio texto que você citou fica em cima do muro: "estima-se que seja a terceira maior cidade italiana do mundo". É por isso que eu fico em dúvida com relação a esse tipo de coisa, parece aquelas coisas que fala-se tanto que viram verdades. No caso da "terceira maior cidade italiana", apesar da estranheza do termo, parece que é correto. Mas o resto… Luís Felipe Braga 02:47, 29 Abril 2006 (UTC)
De fato, estes dados parecem ser mera "cultura inútil e inventada", típica de almanaques pouco rigorosos. Além do que, a atual formatação é muito pouco profissional. Uma coisa é criar uma seção dentro do artigo que explore o fato de São Paulo possuir grandes populações de imigradas, outra é apenas colocar o fato de forma superficial.--g a f msg 02:56, 29 Abril 2006 (UTC)
Estamos em uma wiki, eventualmente estes "bulets" pode virar exelentes seções, o link citado é do Itamaraty, acho que podemos toma-lo como oficial Glumresponder 03:00, 29 Abril 2006 (UTC)

Imagem[editar código-fonte]

Por que a imagem de capa do artigo foi alterada? A imagem com o Copan, Itália e Hilton (que estava lá originalmente) é muito mais representativa de São Paulo… a outra imagem poderia ser de qualquer grande cidade do mundo.--g a f msg 02:54, 2 Junho 2006 (UTC)

Não faz o menor sentido colocar na entrada do artigo a foto do "Monumento às Bandeiras". Isto é uma enciclopédia, não um almanaque panfletário.--g a f msg 00:51, 6 Junho 2006 (UTC)

Mapa[editar código-fonte]

Tem um pequeno erro no mapa das subdivisões da cidade, o que é muito comum ainda mais por conta da organização das subprefeituras da cidade. A Vila Guilherme não é bairro, muito menos da Vila Maria: é distrito e fica entre os distritos de Vila Maria e Vila Guilherme. O mesmo ocorre com a Vila Medeiros, que também não é bairro da Vila Maria, mas sim um outro distrito. --Idril 19:32, 7 Janeiro 2007 (UTC)

Creio que o mapa contino no infobox esteja equivocado, por destacar a Grande São Paulo e não apenas o município de São Paulo. --D4LT0N 07:30, 6 Junho 2006 (UTC)

cidades irmãs[editar código-fonte]

Nova York, é uma cidade irmã de São Paulo?


Curiosidades e helicópteros[editar código-fonte]

Onde estão as fontes que comprovem os factos apresentados na parte das curiosidades? Uma enciclopédia, a meu ver, deve conter apenas factos que sejam comprovados como verídicos..

P.S. A parte dos helicópteros foi removida da Wikipedia em inglês, por falta de evidências ou pelas fontes erem apenas inexistentes, ou cuja veracidade possa ser discutida. Pode-se tratar de uma lenda urbana. Deveria ser revisado

Distância até a capital[editar código-fonte]

O campo Distância até a capital na infobox deveria se referir a distância até Brasília. Alguém tem esse dado? Raphael talk + 13:16, 2 Setembro 2006 (UTC)

Autoritarismo[editar código-fonte]

Não entendi o porque da retirada das outras imagens, as imagens antigas eram de qualidade muito inferior

Troca de Fotos[editar código-fonte]

Substitui as fotos antigas por fotos do mesmo lugar só que de melhor qualidade e mais representativas.. críticas serão bem vindas.. e antes de fazer modificações me avisem.. me matei para conseguir essas imagens, não quero que todo esse trabalho seja em vão

E mais, concordo com a ultima reversão, a pagina realmente estava muita pesada.. peço desculpas pela empolgação na inclusão de imagens no artigo passado

PriestParrot

Vandalismo[editar código-fonte]

Aee galera.. um vandalo destruiu a pagina justamente após eu finalizar a troca das fotos.. e eu não sei reverter. só peço para o administrador reverter para o ponto após a inclusão das fotos e não antes, pois a inclusão destas me deu muito trabalho

Grato

Nova Imagem[editar código-fonte]

aee, substitui a primeira imagem por uma de qualidade melhor.. críticas serão bem vindas

Esqueleto[editar código-fonte]

Qual estrutura linear poderíamos usar pra deixar a página da cidade mais organizada??

Alex Pereira 00:36, 28 Dezembro 2006 (UTC)~

O artigo já possui uma estrutura razoável, embora apresente alguns defeitos. Por que a pergunta?--g a f msg 00:46, 28 Dezembro 2006 (UTC)
PS: Pare de retirar os linques vermelhos!!! Isto é vandalismo.--g a f msg 00:46, 28 Dezembro 2006 (UTC)
Para melhorarmos o artigo, oras… Afinal, os mais críticos podem apresentar soluções… Alex Pereirafalaê 07:45, 31 Dezembro 2006 (UTC)

Imagens no Commons[editar código-fonte]

Coloquei duas imagens no Commons Ginásio do Ibirapuera e Santa Casa de Misericordia de São Paulo, se ajudar está em (São Paulo (city), Brazil). Jurema Oliveira discussão 00:20, 4 Fevereiro 2007 (UTC)

Retirada - Carece de Fontes (Dados populacionais)[editar código-fonte]

Retirei a predefinição "carece de fontes", que se referia à população da região metropolitana.

Os dados estão corretos de acordo com as estatísticas mais recentes, verificáveis na contagem feita pela Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (http://www.seade.gov.br) e com os dados existentes em praticamente TODAS as wikipedias. Acho que ninguém duvida que essa seja de fato a população da grande SP. Se duvidar, está bastante desinformado.

É até provável que a população da Grande São Paulo já tenha ultrapassado os vinte milhões. Não é necessário encontrar um dado estimado para que se forneça uma informação atualizada. Se alguém tiver alguma dúvida, verifque no site da SEADE município por município e faça a contagem.

Tem havido um abuso no uso dessa predefinição no site.

o comentário precedente não foi assinado por Dornicke (discussão • contrib.)

Não existe informação que "todo mundo saiba". Citar fontes não é uma opção, é uma obrigação. Se todos soubessem a população de SP, ela deveria ser retirada do artigo, pois não acrescentaria nada.
Fez errado, Dornicke. Ao invés de retirar uma predefinição e vir à discussão citar uma fonte, deveria ter citado a fonte no próprio artigo para que todos tenham condições conferir esse dado.
Sobre o "abuso" da predefinição, sugiro que vá à Wikipedia:Esplanada ou faça um pedido de verificação aos administradores.
Saudações.
Porantim msg 11h04min de 5 de Junho de 2007 (UTC)


Isso não faz sentido. Trata-se de uma enciclopédia. Se fosse necessário disponibilizar um dado para cada informação dada, haveria uma predefinição de [carece de fontes?] a cada oração deste artigo e de todos os outros da wikipedia- o que certamente não é do interesse de ninguém. A wikipedia baseia-se no conhecimento fornecido a partir do próprio usuário. É um contrasenso portanto duvidar do que o usuário postou - especialmente em casos como esse, que trata da população de um município, dado passível de ser comprovado por uma simples pesquisa no google - simplesmente porque não há um dado pronto para ser utilizado. E se o usuário fez a contagem da população da Região Metropolitana manualmente, somando a população estimada dos 39 municípios com base em dados fornecidos por entidades oficiais? Esse dado seria atualizado e correto, mas não passível de confirmação. Por isso não deveriamos utilizá-lo? A grande vantagem da wikipedia é justamente a maior flexibilidade em relação ao agrupamento de dados.
O uso da predefinição neste ponto está absolutamente equivocado. Ele se aplica a sentenças ou dados que NÃO POSSAM ser verificadas. Não é o caso em questão. Todos os municípios da Grande São Paulo estão listados, com suas respectivas populações, na wikipedia. Qualquer usuário pode verificar portanto a probidade do dado.
Acho que você realmente não conhece a Wikipédia. Leia Wikipedia:Cite as fontes e Wikipedia:Verificabilidade.--g a f M 02h33min de 6 de Junho de 2007 (UTC)
Putz… toda vez que se tenta suscitar um debate democrático aparece alguém se julgando o portador da verdade para declarar com toda a empáfia o argumento de "vc não conhece a wikipédia"… achei que havia um motivo para isso aqui se chamar "discussão". Desisto… Façam como quiserem… Aparentemente o respeito pelos colaboradores é a última coisa que importa por aqui.

Habitação[editar código-fonte]

A seção relativa aos problemas habitacionais da cidade de São Paulo é relativamente pequena e não contem muitos dados. Pouco se fala do déficit habitacional e não há nenhuma imagem das favelas da cidade - há uma foto de um conjunto habitacional, mas não acho que seja muito representativa. Não estou propondo retirá-la, no entanto. Possuo algumas imagens próprias de favelas da cidade, na região do Morumbi e do Butantã. Minha proposta: criar uma página específica sobre habitação na cidade de São Paulo, linkada ao portal principal, com imagens representativas de favelas e bairros nobres, abordando questões que foram postas à margem ou que foram escassamente tratados, como a ocupação dos mananciais e o fenômeno da expansão da favelização nos bairros periféricos. Como disse, já possuo a media necessária para estampar e posso começar a trabalhar no arigo em breve. Gostaria de sabar a opinião da comunidade. Saudações, Dornicke 00h54min de 7 de Junho de 2007 (UTC)o comentário precedente não foi assinado por Dornicke (discussão • contrib.) 00h32min de 7 de Junho de 2007 (UTC)

Eu concordo: pode-se expandir a seção existente (ou mesmo criar uma nova subseção, o que parece viável) e evoluir para um novo artigo sobre o tema ("Habitação na cidade de São Paulo"). É preciso, de fato, abordar o problema do efeito "rosquinha", da ocupação de mananciais, da periferização e da relação com a especulação imobiliária.--g a f M 03h23min de 7 de Junho de 2007 (UTC)
Qual seria a parte adequada no artigo para se colocar o link do novo artigo? Dornicke 14h37min de 7 de Junho de 2007 (UTC)

Na minha opiniao nao teriamos que colocar foto de favela nenhuma. Moro no exterior (Argentina) e sei que Buenos Aires está cheia de favelas (villas miserias) mas eles nao ficam colocando foto de favela na página da cidade. Está na hora do brasileiro comecar a fazer melhor marketing do seu país e cidade.

Foto[editar código-fonte]

Eu acho que poderia ser uma foto mostrando a imensião de prédios até chegar às antenas da paulista, ou seje, gostaria que fosse uma foto mostrando os prédios, como a de agora, pois é uma das características mais marcantes da cidade, e ao fundo da foto, as antenas da paulista. Um dos melhores locais para se obter uma foto como essaseria do terraço itália, e pode pegar a masp também. eu fui la no mês passado e presenciei essa cena.É uma das melhores fotos que se pode ter para representar São Paulo, porém há muitos lugares para se tirar fotos da cidade. Ou até mesmo mostrando a região da Berrini que sestá super moderna, pode ser uma dessas duas fotos. Se houver alguma possibilidade destas fotos estarem como a foto principal, me avisem postando uma mensagem aqui.

Grato

Lucas.

Acho que a foto aérea da Paulista anoitecendo é mais apropriada para figurar no alto do artigo, ao invés dessa mostrando a área central. A Avenida Paulista é a mais conhecida do Brasil, e foi eleita literalmente pelos próprios paulistanos para ser o símbolo da cidade. Não obstante, a foto é muito superior esteticamente. A foto da região central é pequena e de baixíssima resolução, bastante imprópria para figurar como imagem de destaque. É bem verdade que ela apresenta um cartão-postal de SP, o Edifício Copan. Mas a Paulista não é um cartão-postal inferior a este. É provavelmente muito mais conhecida. Proponho trocar as imagens. O que acham? Dornicke 01h25min de 28 de Julho de 2007 (UTC)

Feito--Villarinho 02h16min de 28 de Julho de 2007 (UTC)

Eu discordo. A imagem do Centro Novo (com o Copan, o Edifício Itália e o Hilton) representa uma "paulistanidade" (se é que isto existe) com mais referências culturais: vejam as músicas do Tom Zé, Caetano, Premê, etc. Sendo rigoroso, porém, apenas uma foto de satélite realmente seria eficiente para sintetizar a cidade (ela deixaria mais explícita, e de forma neutra, a segregação e a extensão presentes na cidade). Todas as imagens recortadar, portanto, são construções simbólicas: elas tentam "vender" algo. Desta forma, pouco importaria qual das imagens é mais representativa. Porém, se a questão é gosto (pois o argumento apresentado pelo Dornicke não me convence), prefiro aquela imagem com o Copan, Itália, etc. Mais uma vez, se ninguém se opuser, pretendo reverter.--g a f M 03h11min de 28 de Julho de 2007 (UTC)
PS: ainda mais se fosse a imagem com o MASP/Fiesp… (cartão postal mais clichê da cidade)! Nem isto: a imagem demonstra apenas os gabaritos dos edifícios.--g a f M 03h13min de 28 de Julho de 2007 (UTC)
Caro "Gaf"… Se meu argumento não te convence, o problema é seu. Você não é o dono do artigo e ninguém te deu autoridade para reverter edições por causa do seu gosto pessoal, da foto que VOCÊ prefere. Eu propus uma mudança, um usuário gostou da idéia e procedeu à alteração. Até o momento você está em desvantagem numérica.

De toda forma, o meu argumento não deixa base para convencer ou não pessoas. Ele tá bem explícito. Eu acho a foto atual de melhor qualidade e mais estética. Fora isso, trata-se de uma imagem representativa de um dos pontos mais famosos de São Paulo - quiçá o mais: a Avenida Paulista. Isso não deixa base a muita discussão: é um fato. Se você se opõe a mudança, discuta aqui, não saia revertendo edições. É justamente por isso q a wikipédia é aberta, pra melhorá-la. Talvez muitos usuários achem a atual foto melhor. O assunto precisa ser discutido.

Dornicke 04h11min de 28 de Julho de 2007 (UTC)
Em primeiro lugar: não reverti, apenas disse que o faria caso ninguém se manifestasse. Em segundo lugar: apresente-me critérios objetivos para permanecer a foto da paulista ao invés da foto do centro novo que não sejam critérios subjetivos de gosto pessoal. Tenho motivos para que a foto antiga seja privilegiada, apresente os seus. (PS: leia o livro do Heitor Frúgoli para entender o que de fato representa este tal "cartão-postal")--g a f M 04h20min de 28 de Julho de 2007 (UTC)
Já postei meu argumento. Ela é um cartão-postal e, não apenas para os paulistanos, mas para todos os outros, um dos pontos mais conhecidos de São Paulo. Isso independe do meu gosto pessoal ou do seu. Não há problema algum em postar opiniões numa discussão, mas convenhamos, não acho que seja necessário eu apresentar motivos maiores do que esse. Pessoalmente, no entanto, me agrada mais esta fotografia, de resolução bem melhor, permitindo vislumbrar mais detalhes. Acho que uma boa foto de apresentação (boa em termos de qualidade) é apropriada para um artigo que pretenda ser bom. Esta foto é de maior qualidade que é outra. E também é representativa de São Paulo. Dornicke 05h30min de 28 de Julho de 2007 (UTC)
E por que uma foto é mais "representativa" que outra? Como já havia dito, se cairmos neste critério, não há dúvidas: a foto com o Copan/Hilton/Itália é muito mais representativa (quantas músicas sobre São Paulo citam a Paulista e quantas citam aqueles espaços da outra foto?). Já ouviu as músicas do Tom Zé, do Caetano? Porém, isto nada mais é do que um pretexto para colocar fotos preferidas. Já que a questão é representatividade, procurarei uma foto da periferia extrema de São Paulo, pois é aí que vive a maior parte da população.--g a f M 23h48min de 28 de Julho de 2007 (UTC)
Opinião do google: [3]. --g a f M 23h52min de 28 de Julho de 2007 (UTC)

De qualquer forma, isto não vem mais ao caso: a foto da Paulista era VDA do sítio da Braziltour. Reverterei para a foto anterior por causa disto.--g a f M 00h04min de 29 de Julho de 2007 (UTC)

Existem muitas músicas que também citam a Avenida Paulista e suas redondezas. Qual a relevância disso? Nenhuma… E não, felizmente eu não ouço Tom Zé. Mas conheço a péssima música a qual você se refere. Prefiro "Paulista" de E. Gudin… conhece? É bem famosa e bem mais conceituada do que qqr coisa que Tom Zé faça… começa mais ou menos assim "Na Paulista os faróis já vão abrir / E um milhão de estrelas prontas pra invadir / Os Jardins" e por aí segue.
Agora, deixe de hipocrisia. Quem está agindo com falsos pretextos para colocar sua foto favorita é você, que até inventou um VDA e apagou de vez uma foto largamente utilizada só para fazer valer a sua opinião. Vai ser espírito de porco assim lá longe. Mas tudo bem… deleite-se com a sua foto… não é nada tão importante assim pra mim. Não tenho nada contra os seus queridos Edifícios Itália, Copan e Hilton. Só gostaria de uma foto de melhor qualidade. Nem que fosse uma do centro. Mas tem sempre os espíritos-de-porco autoritários e com síndrome do "reino do umbigo" que se auto-proclamam donos dos artigos e não abrem sequer espaço para discussão. Parabéns pela atitude. Muito ética. Dornicke 04h55min de 29 de Julho de 2007 (UTC)

"Inventei um VDA"????!!!! PS: enquanto não me apresentar critérios menos subjetivos para dizer que uma foto é mais representativa que outra, não me convence… Qualquer cartão postal é "ideológico" e tenta vender uma certa idéia de cidade (Olavo Setúbal fez de tudo para vender a Avenida Paulista… assim como hoje tentam vender a Berrini/Marginal Pinheiros como o novo cartão-postal de São Paulo). Como eu disse, a foto introdutória poderia ser de uma favela, que representa a cidade tanto quanto a Paulista. Mas duvido que a elite paulistana gostaria de ver uma favela introduzindo o artigo… Mais uma vez, sugiro que leia o livro do Heitor Frúgoli.--g a f M 06h40min de 29 de Julho de 2007 (UTC)

Gaf, não tenho pq te convencer de nada. O que eu disse é claro como a água: a Avenida Paulista é um dos principais, senão o principal, cartão-postal de SP. Isso independe de mim, de vc e até do Olavo Setúbal. Dane-se o passado, a avenida é popular hoje em dia e caiu no gosto dos paulistanos. Isso é um FATO. O processo que levou a isso não tem relevância alguma. Especialmente nesse caso, considerando que o mesmo lobby que transformou a Paulista no cartão-postal da cidade ocorreu mais cedo na região central, qdo na década de 1950 o setor hoteleiro da cidade chegou a criar três marcos arquitetônicos para criar uma imagem representativa de SP. O mesmo ocorre hj em dia com a Berrini e a Nações Unidas. É a lógica da dinâmica urbana. Assim que conseguir uma imagem de melhor qualidade da Paulista ou do centro, irei substituir essa.
Qto as favelas, acho que deveriam estar representadas no artigo sim. Aliás, já disse isso antes, nessa mesma página de discussão. Mas me parece claro que não teria sentido nenhum postar a imagem como a foto introdutória do artigo. E não por conta do elitismo. Mas porque favelas não são uma exclusividade de SP (longe disso), não representam o grosso do tecido urbano (como os edifícios) ou da população da cidade. Dornicke 19h50min de 29 de Julho de 2007 (UTC)

Reversão em 15 de agosto[editar código-fonte]

Motivo: VDA do sítio da prefeitura. Fonte: http://www.prefeitura.sp.gov.br/portal/a_cidade/negocios/index.php?p=3004 --g a f M 03h05min de 15 de Agosto de 2007 (UTC)

Densidade populacional maior do q a de Tóquio ?!?![editar código-fonte]

Prezados,

assombroso q S. Paulo capital tenha densidade populacional maior do q a de Tóquio !?!?! Consultando-se a tabela, temos 7.233,6 hab/km², ao passo q Tóquio tem 5.520 hab/km² -- 5.796 na Wikipedia em inglês.

Obrigado,
-- Hgfernanmsg 19h11min de 15 de Agosto de 2007 (UTC)

Engraçado… mas a densidade de São Paulo está correta: aproximadamente 70 hab/ha (densidade baixíssima, aliás). Acontece que a área total da cidade de Tokyo é de 2500 km² enquanto a de São Paulo é de 1500 km².--g a f M 20h00min de 15 de Agosto de 2007 (UTC)

Etnias ou tipo físico da população[editar código-fonte]

O presente artigo diz:

"Segundo o IBGE, a população de São Paulo está composta por: brancos (65,7%), pardos (26,2%), negros (6,0%), amarelos (2,1%) e indígenas (0,1%)."

Abro a discussão para que se cite a fonte adequadamente, mostrando em que ano foi realizado tal pesquisa.

É que eu estou colocando as estatisticas de cor para vários municípios, e penso que seria melhor que tudo fosse padronizado no formato de uma tabelinha que já era amplamente usada para essa estatística, conforme a que vou colocar agora:

Etnias[editar código-fonte]

Cor/Raça Percentagem
Branca 0,0%
Preta 0,0%
Parda 0,0%
Amarela 0,0%
Indigena 0,0%

Fonte:


E outro ponto importante é que o IBGE classifica como negros a soma de pretos + pardos, portanto a pesquisa deve ser consertada nesse ponto.

o comentário precedente não foi assinado por Augustoandre (discussão • contrib.) 20h53min de 20 de Agosto de 2007

Demografia?[editar código-fonte]

Pq todo artigo de cidades,estados e mesmo países acaba tendo sua seção de demografia resumida as origens etnicas/culturais? Onde estão os dados sobre o crescimento da cidade? a idade da população? esse artigo infelizmente nao é excessão.

Clima[editar código-fonte]

Como assim, o clima da cidade é subtropical? Por gentileza, indicar a classificação utilizada. Não conheço geógrafo qualquer que discorde da classificação de 'tropical de altitude'. Artur Monteiro 00h24min de 29 de Outubro de 2007 (UTC)

Eu havia modificado o clima de São Paulo para tropical de altitude, mas o usuário Fábio Soldá o modificou novamente, dizendo que é subtropical. Eu ainda acredito que seja tropical de altitude, pois o Trópico de Capricórnio "cruza" a cidade (ela não está dentro da zona temperada), além de o clima da cidade comportar-se como tal, com temperaturas típicas de clima subtropical, por conta da altitude mais elevada, mas com o regime de chuvas caractérístico do clima tropical (com verões chuvosos e inveros secos). É desse modo que se comporta o clima tropical de altitude (descito abaixo):
Tropical de altitude é um tipo climático que predomina nas partes altas do Planalto Atlântico do Sudeste, estendendo-se pelo centro de São Paulo , e vai até o centro-sul de Minas Gerais, incluindo áreas serranas do Rio de Janeiro e Espírito Santo. Apresenta temperaturas médias entre 15ºC e 22ºC e amplitude térmica anual entre 7º C e 9º C.
O comportamento térmico é igual ao do clima subtropical, enquanto o comportamento pluviométrico é igual ao do clima tropical. As chuvas de verão são mais intensas devido à ação da massa tropical atlântica. Scheridon (discussão) 02h10min de 2 de Abril de 2008 (UTC)
O Tropico de Capricornio cruza a cidade em seu ponto mais extremo ao norte. 99% do territorio da cidade encontra-se dentro da zona temperada. Inclusive o seu centro historico.

Ao contrário do que muitos pensam, o clima da cidade de São Paulo é realmente subtropical úmido. A cidade apresenta médias térmicas mais baixas que a de muitas cidades com clima tropical de altitude, como Campinas, Guaratinguetá, Belo Horizonte e muitas outras. Aliás, suas temperaturas são até mais baixas que as de cidades consideradas subtropicais, como Florianópolis. Além disso, reiterando o que mencionaram antes, quase todo o território do município está dentro da Zona Temperada (ao sul do trópico de Capricórnio). Mas, mesmo se não estivesse, ainda assim poderia ser classificada como subtropical…veja isso: Hong Kong (China), por exemplo, mesmo estando na Zona Tropical, tem seu clima classificado como subtropical úmido, devido apenas às suas médias térmicas! Por fim, para acabar de vez com este assunto, é importante lembrar que a classificação climática de Koppen, a mais utilizada, classifica São Paulo como subtropical. o comentário precedente não foi assinado por 189.78.4.173 (discussão • contrib.)

São Paulo é a terceira capital mais fria do Brasil, sendo superada apenas por Curitiba, em primeiro lugar, e Porto Alegre em segundo (…). Porém, cabe lembrar que Porto Alegre, embora mais quente no verão, possui tanto mínimas absolutas como temperatura média mais baixa no inverno, mas, levando em consideração apenas a temperatura média anual, São Paulo é a segunda capital mais fria, superada apenas por Curitiba. - Pessoal, o texto tá bem confuso. Alguém aí tem fontes pra comprovar e deixar mais claro esse raciocínio? Abraço. Nosteb 15h04min de 17 de Julho de 2008 (UTC)

Eu concordo que o texto está bem confuso. Deveria ser dito ou explicado de alguma maneira, para que os leitores entendam, que apesar de Porto Alegre ser uma cidade com temperaturas mais baixas que São Paulo, a capital paulista conta com maior (quantidade) de dias frios durante o ano! Ou seja, superando a capital gaúcha em quantidade de dias frios e não na "baixa temperatura". Acho que deve ser isso que os leitores muitas vezes não conseguem entender. --Lukinhaz (discussão) 18h05min de 17 de Julho de 2008 (UTC)

O que se entende por "dias frios"? Existem fontes que comprovem que São Paulo possui mais dias com temperaturas baixas - e qual o critério para se definir o que é uma temperatura baixa - do que Porto Alegre? Creio que esta parte do texto é bastante descabida e contraditória. Melhor editar ou colocar {{carece de fontes}} até que a informação seja mais bem colocada. o comentário precedente não foi assinado por 200.146.66.88 (discussão • contrib.) 01h14min de 24 de Julho de 2008
Symbol support vote.svg Concordo RafaAzevedo msg 12h44min de 24 de Julho de 2008 (UTC)

Acredito que o clima da capital de SP seja classificado na escala de Koppen como Cfa, e nao Cwa. Para ser Cwa acho que deveria ter medias de umidade mais baixas, se nao me engano. Alguem pode confirmar esta informacao?o comentário precedente não foi assinado por 92.3.33.168 (discussão • contrib.) Heitor discussão 04h18min de 28 de Julho de 2008 (UTC)

Estou a procurar tal informação sobre qual é a "segunda capital mais fria do Brasil", e até agora nada confirma ser São Paulo - além do texto no artigo estar bastante rocambolesco. Se alguém puder, seria interessante arrumar tal trecho ou colocar [carece de fontes] no pedaço citado.o comentário precedente não foi assinado por 200.201.112.34 (discussão • contrib.) Heitor discussão 17h42min de 28 de Julho de 2008 (UTC)
O titulo de "segunda capital mais fria" depende de qual parametro pega-se como referencia.
Parametro: temperatura media anual, Sao Paulo recebe o titulo de segunda capital mais fria.
Parametro: temperatura media do mes mais frio, Porto Alegre recebe o titulo.
Acabei de pesquisar a classificacao de Koppen. O clima da cidade de Sao Paulo classifica-se como subtropical portanto a primeira letra da classificacao de Koppen (para subtropical): C.
A segunda letra (representa a precipitacao): Para ser W a cidade deveria ser mais seca. Seu mes mais seco deveria ser um decimo de seu mes mais umido e deveria ter medias inferiores a 30 mm de chuvas. Isto nao ocorre na cidade. Portanto a segunda letra para Sao Paulo deve ser F.
A terceira e ultima letra (representa a temperatura): A ou B? Para ser A um clima deve ter temperatura media superior a 22 graus ceusius em seu mes mais quente. Para ser B ele deveria ter temperatura media inferior a 22 graus ceusius em seu mes mais quente. Sao Paulo encontra-se no limite. Seu mes mais quente possui media de 22 graus ceusius.
Portanto o clima da cidade deve ser classificado como CFA ou mesmo CFB.o comentário precedente não foi assinado por 92.1.167.78 (discussão • contrib.) Heitor discussão 17h46min de 3 de Agosto de 2008 (UTC)

Megalopoles 1 e 2[editar código-fonte]

São Paulo é uma megalopole. mégalópôles são metropoles globais que se juntaram a outras metropoles regionais como São Paulo com 19,8 milhões de habitantes, e Guarulhos com 1.300.000 hb, Campinas e sua região metropolitana de 2.333.000 hb, a região metropolitana da baixada santista atingindo aproximadamente 1.700.000 hb. São Bernardo do Campo, Santo André e Osasco serão metropoles daquí um ano mais ou menos; isso torna São Paulo uma megalopole 1 e quando se juntar ao Rio de Janeiro teremos uma megalopole 2. São Paulo ja superou Tokio e Cidade do Mexico em população: pois sua área estendida ja superou 30.000.000 de habitantes, enquanto Tokio chega aproximadamente 27.000.000 hb e Cidade do Mexico 21.000.000 hb.


Remoção de conteúdo[editar código-fonte]

Arrumei a bagunça que o usuário Ector havia feito no artigo. Epero que ele não bagunce mais e entenda que devemos ser parciais. Crazyaboutlost discussão 14h25min de 4 de Novembro de 2007 (UTC)

Bagunça?[editar código-fonte]

Primeiramente escreva meu nome corretamente, em segundo lugar estou sendo completamente imparcial em todas as minhas contribuições, aliás como uma tabela sobre crescimento populacional pode ser parcial??? Você poderia me explicar? Heitor 14h50min de 4 de Novembro de 2007 (UTC)

Não respondo a provocações. Só respondo a manifestações educadas e civilizadas. Quanto às suas dúvidas, basta visualizar o mecanismo de histórico. Crazyaboutlost discussão 21h45min de 4 de Novembro de 2007 (UTC)

Região "entre rios"[editar código-fonte]

Apesar de ter sido citada pelo Villaça, não tem fundamento colocar isso num artigo enciclopédico sobre tal região da cidade, visto que isso absolutamente não corresponde à realidade. Esse estudo ignora o alto índice de exclusão social de áreas localizadas nessa região, como a Várzea do Glicério, a Favela de Heliópolis, e boa parte da periferia da zona sul, sem contar o alto número de mendigos e desabrigados que circulam pela região central da cidade, como também não leva em consideração que há muitas regiões fora da "mesopotâmia", tais como Alto de Santana, Morumbi, Vila Andrade, Butantã, Tatuapé, Alto da Mooca, Jardim São Paulo, que também concentram população de alta renda. Fábio 23h59min de 15 de Novembro de 2007 (UTC)

Você não entendeu. Segundo o Villaça, a "região de concentração das camadas de alta renda" (expressão usada por ele) corresponde ao vetor sudoeste - leia o livro e você entenderá porque usar esta expressão. Porém, ele estabelece alguns limites segundo os quais, do ponto de vista ideológico, define-se a cidade dos "incluídos" e dos "excluídos" e que corresponde ao centro metropolitano (esta seria a região entre-rios). As regiões de alta renda além deste limite são exceção e não regra (pois são núcleos de renda mais elevada em bairros de renda média).--g a f M 00h57min de 16 de Novembro de 2007 (UTC)

Reverti sua edição devido aos equívocos que ela introduz. Em primeiro lugar, o termo "centro expandido" é inadequado e pouco utilizado em estudos acadêmicos. Em segundo lugar, a região que apresenta crescimento negativo é efetivamente a região entre-rios, e não o tal do "centro expandido".--g a f M 00h59min de 16 de Novembro de 2007 (UTC)

Não vou mexer nessa seção do artigo por ora… quanto ao vetor sudoeste, ok… mas essas regiões fora da área "entre rios" são bastante numerosas, não podem se configurar como "exceções", da mesma maneira como há vários núcleos de exclusão social dentro da área "entre rios", isso sem contar que é impossível delimitar o limite meridional dessa região. Eu acho que boa parte desse artigo deveria ser revista, já que existem redundâncias. Fábio 01h37min de 16 de Novembro de 2007 (UTC)

Fotografia removida[editar código-fonte]

Na edição recentemente revertida por mim (desculpa Fred) foi removida a imagem referente a Vila Olimpia. Não vi discussão antes do usuário Heitor remove-la e acho isso errado, por isso restitui a imagem. Crazyaboutlost discussão 02h31min de 19 de Novembro de 2007 (UTC)

O conceito da Wikipédia é ser uma enciclopédia livre, não removi nenhuma imagem, apenas substitui por outra, você Crazyaboutlost, não tem moral nenhuma para falar sobre isso já que fez exatamente a mesma coisa aqui. Pare de atrapalhar as edições alheias e contribua mais. Hector.C.Jorge 02h35min de 19 de Novembro de 2007 (UTC)

Proteção[editar código-fonte]

Devido a guerra de edições no verbete, efetuei sua proteção por uma semana, a partir dessa data. Isto significa que apenas administradores podem editá-lo. Espero que as partes envolvidas possm aqui solucionar o ponto em que discordam. De logo fica o aviso a ambos de que disputas de conteúdo não são resolvidas com mútuas reversões. Espero, sinceramente, que esta seja a última vez que isso ocorre, ou do contrário passará a idéia de que não querem solucionar os problemas pelo debate amigável ou mesmo civilizado. Para isso, a solução não será proteção de páginas - mas o bom e velho bloqueio…

Enfim, que usem desse espaço para encontrar o consenso. Cordialmente, Conhecer ¿Digaê 03h15min de 19 de Novembro de 2007 (UTC)

Os dois usuários insistem em remover uma das duas imagens abaixo:
[[Ficheiro:Sao Paulo Business District.jpg]]
[[Ficheiro:Vila Olímpia.JPG]]
Me pergunto: por que as duas não podem ficar no artigo? Cumprimentos! JSSX uai 14h01min de 19 de Novembro de 2007 (UTC)
Na verdade o que eu venho tentando é manter as duas imagens. Ver histórico de edições. Abraços. Crazyaboutlost discussão 15h54min de 19 de Novembro de 2007 (UTC)
Então, não vejo motivos para continuarem nessa guerra de edições. JSSX uai 16h03min de 19 de Novembro de 2007 (UTC)


Ótimo. Se prestarem atenção a estas duas versões da página, verão que a minha edição contém as duas fotos, e a de Heitor contém apenas uma das duas. Gostaria que ficassem as duas imagens, já que não há motivo para eliminar uma delas.Crazyaboutlost discussão 16h33min de 19 de Novembro de 2007 (UTC)
Resolvi substituir ao invés de deixar as duas fotos porque o artigo já está saturado de imagens e a imagem [[Ficheiro:Sao Paulo Business District.jpg]] está mal posicionada, deixando um bom espaço entre o título "visão geral" e o resto do texto. Cordialmente. Hector.C.Jorge 22h04min de 19 de Novembro de 2007 (UTC)


Posso estar enganado, mas creio que antes de remover imagens você deve consultar outras pessoas para saber se concordam contigo. Pode usar a esplanada para isso, em vez de remover simplesmente porque acha que deve, ainda mais depois de outra pessoa discordar da tua opinião. Crazyaboutlost discussão 00h52min de 20 de Novembro de 2007 (UTC)
  • Só tentando ver o melhor caminho… No verbete Bahia, a quantidade imagens tornava o mesmo bastante "poluído" visualmente, pesando a página e muitas vezes em nada condizendo com o texto que se lhe seguia. Alguém criou uma espécie de galeria que exibe figuras em tamanho pequeno, e eu fui depois colocando todas as imagens numa mesma largura em px. Numa proporção menor, em muitos casos temos a galeria feita automaticamente no Commons, ou ainda disposta em verbete - posto que no Commons é possível isto - inclusive para reunir todas as imagens atinentes a um mesmo tema… Digo isso porque uma cidade como São Paulo, capital financeira do Brasil, nunca terá imagens suficientes a lhe retratar a imensidão - e é mais que óbvio que o verbete jamais irá lhes comportar todas.

Acho que apenas aquelas verdadeiramente específicas deveriam constar dos verbetes (abstraindo-se, nestes, aquelas já usadas em verbetes derivados - como os bairros, por exemplo), a fim de permitir que as informações possam fluir melhormente. A grande vantagem de trabalhar num lugar como a wiki é essa: os links produzem acesso a toda informação (inclusive visual) que esteja disponível…

O Crazy tem razão, contudo, quando argumenta que edições mais "profundas" em conteúdo devam ser discutidas, mas não na Esplanada! O lugar próprio é este: a discussão do verbete. De uma próxima vez, em artigos de edição disputada, como este, deve o Hector levantar uma proposta na discussão, e aguardar um tempo para que opinem: nem sempre aquilo que possamos crer o melhor encontra eco entre os interessados no tema, daí ser preferível não fazer a alteração.

Pelo que vejo, a imagem é importante, daí seu apagamento ensejar controvérsia. Mas acho que devemos avaliar se não há outras formas de ilustrar o verbete, ad infinitum, noutras partes… dará mais trabalho, mas o resultado, creio, poderá ser efetivamente mais enriquecedor…

Cordialmente, Conhecer ¿Digaê 14h56min de 20 de Novembro de 2007 (UTC)

Peço desculpas por ter citado a esplanada. O fiz porque citei o artigo Brasil na esplanada tratando da redução de imagens e várias pessoas opinaram sobre ela. Concordo com a galeria, inclusive a sugeri para o artigo Brasil. As imagens da galeria são pequenas e não carregam a página. Crazyaboutlost discussão 15h39min de 20 de Novembro de 2007 (UTC)
Também concordo com a galeria de imagens, vi isso em outros artigos e gostei. Existe também a opção de colocarmos as duas imagens, mas em uma posição que não atrapalhe a harmonia do artigo como um todo. Peço desculpas por não ter discutido a substituição da imagem antes com todos vocês. Hector.C.Jorge 17h57min de 20 de Novembro de 2007 (UTC)

Galerias não!!![editar código-fonte]

Não custa lembrar: galerias são para o Commons e devem ser evitadas a todo custo em artigos da Wikipédia! Não há nenhum critério que indique quais imagens deveriam ou não constar em uma galeria, tornando-a virtualmente infinita! Galerias devem ser evitadas, não só por este aspecto (falta de critérios) como também pela péssima composição que ela cria no leiaute do artigo! Voltando à questão debatida, devo lembrar que a Wikipédia NÃO deve propagar APENAS uma determinada representação ideológica da realidade social: um excesso de imagens sobre o mesmo tema (região da Berrini) tende a reforçar a idéia de que esta região é o "símbolo" da cidade. Por favor, antes de tentar colaborar com bobagens, sugiro que leiam Villaça.--g a f M 19h46min de 20 de Novembro de 2007 (UTC)

Concordo com os dois últimos comentários, do Crazyaboutlost e do Hector respectivamente. Assim, resolve-se a questão e podemos desbloquear o artigo. Gaf, seja mais cordial e não desmereça o trabalho de outros editores. Cumprimentos! JSSX uai 21h58min de 20 de Novembro de 2007 (UTC)

Convencionalmente galerias NÃO devem ser usadas em artigos (pois para isto serve o Commons). Em outras palavras: não criem uma galeria, pois ela já existe no Commons. Na Wikipédia, galerias deveriam ser aplicadas apenas em casos como este: Leonardo da Vinci#Principais trabalhos (que, aliás, é tecnicamente uma tabela).--g a f M 23h55min de 20 de Novembro de 2007 (UTC)

Puxa vida. Quanto ódio em um só coraçãozinho. Tu estás com algum problema pessoal, Gaf? A gente pode te ajudar de alguma maneira? Toda essa raiva não faz bem pra saúde…
Por falar em Villaça, já que tu o conhece tão bem, porque não escreve um artigo na wiki sobre ele? Assim poderia nos iluminar com teu conhecimento ilimitado e nós pararíamos de falar essas bobagens que devem ferir ferozmente teus imaculados ouvidos. Quanto à galeria, não vejo porque não. Resolve o problema por hora e se, e somente se, começarmos a abusar dela oo "superpovoa-la", podemos voltar aqui e discutir as imagens que poderiam ser defenestradas.Crazyaboutlost discussão 16h24min de 21 de Novembro de 2007 (UTC)

De fato, galerias devem ser desenvolvidas no Commons, onde há espaço ilimitado para a criatividade. Quanto ao resto, bom, a manipulação de "fontes companheiras" já se tornou uma praxe por aqui, há pouco o que fazer, a não ser um embate eterno de fontes comprometidas. Obviamente, que os "doutos estudiosos", normalmente ligados a ONGs do parapetismo, representam um cânone de conhecimento quase divino, como uma revelação de uma verdade intangível que nos paira sobre a cabeça. Afinal, Serra é "fascista" e Andrea Matarazzo é o próprio "Hitler", o resto é apenas dedução lógica, não é mesmo? Dantadd 16h39min de 21 de Novembro de 2007 (UTC)

É né, por causa do tipo de gente que nem o Gaf que a Wikipédia ta sendo proibida de ser usada como fonte em trabalhos de universidades e até de escolas comuns. Fazer o que né?! Quem proíbe tá com razão… 201.92.103.135 17h04min de 21 de Novembro de 2007 (UTC)
Caro anônimo, se você realmente pretende utilizar a Wikipédia como fonte (!!!!) de trabalhos acadêmicos, é sinal de que estuda em uma faculdade muito ruim… ou ainda não entendeu o que significa "fonte".--g a f M 21h00min de 21 de Novembro de 2007 (UTC)
PS: não desviem do assunto. A questão é evitar o uso irresponsável de galerias. Mais uma vez: para isto existe o Commons. Não poluam o artigo mais do que ele já está poluído e sobrecarregado de informação visual.--g a f M 21h02min de 21 de Novembro de 2007 (UTC)
Visto que tu apenas apareceste aqui para dizer que não devemos fazer uma galeira mas não deu nenhuma idéia útil, nem ao menos tentou ajudar, vou solenemente ignorar o que tu disseste e "vou com" o Fred. Crazyaboutlost discussão 21h05min de 21 de Novembro de 2007 (UTC)
Idéia útil? Simples: NÃO poluir o artigo. As galerias simplesmente são a forma menos inteligente de introduzir imagens em artigos da Wikipédia. Mais uma vez: elas devem ser usadas no Commons. É pra isso que elas servem. Se pretendemos construir um artigo inteligente, ele DEVE possuir um leiaute inteligente. O que ocorre hoje é poluição visual. A tal da idéia útil é esta: escrevam textos inteligentes e introduzam imagens proporcionais ao texto, seja em conteúdo, seja em leiaute.--g a f M 21h38min de 21 de Novembro de 2007 (UTC)

Só quis dizer que a Wikipédia não pode ser considerada uma enciclopédia como diz ser, ou pior ainda, se comparar a enciclopédia Britannica. O maior problema é que cada vez mais a Wikipédia aparece em primeiro no Google, e não é tão simples convencer alunos de ensino primário ou secundário a pesquisar em bibliotecas quando elas não existem. Ler um artigo como este sobre São Paulo e outros, é mesma coisa que assistir propaganda política e achar que é um jornal. Quanto a universidade onde faço meu doutorado Gaf, garanto que é muito melhor do que muitas universidades públicas onde professores fazem da sala de aula palanque eleitoral. E o melhor da educação não se aprende em nenhuma faculdade, vem de berço e essa Gaf, você demonstra não ter. Sobre o assunto das galerias é melhor que o artigo não tenha muitas imagens, digo isso me preocupando com a extensão do artigo e o fato da maioria das pessoas ainda utilizarem internet discada. É melhor que fiquem no Commons. 201.92.103.135 22h58min de 21 de Novembro de 2007 (UTC)

Caro anônimo, já foi realizada uma pesquisa comparando a quantidade de erros existente na Wikipédia e na enciclopédia Britannica e a quantidade foi equivalente, portanto a Wikipédia pode sim ser comparada à enciclopédia Britannica. Voltando ao assunto em questão, talvez pudéssemos diminuir os pixels de todas as fotos deixando o artigo mais limpo e com mais espaço para futuras inserções de imagens, sem precisar criar a tão polêmica "galeria". Hector.C.Jorge 01h45min de 22 de Novembro de 2007 (UTC)

Entendo a edição, mas por que estes sumários ofensivos? Cumprimentos! JSSX uai 08h40min de 30 de Novembro de 2007 (UTC)

Apreciação das imagens[editar código-fonte]

Resolvi trazer pontualmente as imagens, fora a da infobox, e ver se são mesmo necessárias:

Paro por aqui. Minha constatação óbvia é a de que as imagens de verbetes outros, específicos, estão muito mais a servir para também ilustrar o verbete da cidade. Na medida mesma em que boa parte dos links existentes no contexto ou em chamadas para verbete principal já possibilita o acesso a tais imagens - o mesmo acontecendo com praticamente todas as mais de 20 restantes, vejo que muitas poderão, sem prejuízo, ser apagadas e, aquelas que ficarem (salvo o mapa que, curiosamente, está pequeno demais - e a vista panorâmica), deveriam ter seus tamanhos máximos estabelecidos em 100px.

O verbete continuaria ilustrado, mesmo com imagens usadas alhures, não ficaria tão pesada e o problema poderia ser assim solucionado. Fica, agora, ao crivo dos interessados. Abraços, Conhecer ¿Digaê 10h02min de 30 de Novembro de 2007 (UTC)

mudança de enfatizar por emfatizar[editar código-fonte]

O que está acontecendo na Wikipedia? Esta semana já é a segunda vez que vejo essa mudança ser feita por usuários diferentes, mudando a palavra enfatizar por emfatizar com m é alguma regra nova de ortografia que ainda não conheço? Jurema Oliveira 03h23min de 3 de Dezembro de 2007 (UTC)

  • Quiçá agora devemos usar do M antes do p, b e f? he, he… Conhecer ¿Digaê 05h08min de 3 de Dezembro de 2007 (UTC)

Troca de Imagem[editar código-fonte]

Trquei a imagem principal pois a atual é de péssima qualidade e outras fotos do artigo já mostram essa parte da cidade, por isso coloquei a foto da avenida paulista que tem uma resolução bem melhor. Heitor Carvalho Jorge 00h03min de 4 de Dezembro de 2007 (UTC)

Leia a discussão anterior sobre o mesmo tema. Além disso, a imagem que você trouxe é propriedade da Braziltour. Tenha mais cuidado ao subir imagens desconhecidas para o commons.--g a f M 00h06min de 4 de Dezembro de 2007 (UTC)
E outra imagem da grande São paulo que você retirou? É da Braziltour??? Heitor Carvalho Jorge 00h07min de 4 de Dezembro de 2007 (UTC)
Desculpe-me pela outra imagem (foto de satélite). Sem querer, ela foi junto com a reversão… Já a restitui ao artigo. De qualquer forma, penso que ela não é adequada, pois (além de estar orientada com o leste para cima…) só pode ser de fato entendida em grandes resoluções (só assim é possível verificar os eixos, os rios, a distância ao núcleo de Santos/São Vicente, etc).--g a f M 00h26min de 4 de Dezembro de 2007 (UTC)
Ok, decidiremos isso com o tempo. Heitor Carvalho Jorge 00h27min de 4 de Dezembro de 2007 (UTC)

Tecidos urbanos - imagens[editar código-fonte]

Na seção "Tecidos urbanos", dei uma reduzida no cabeçalho da foto da Marginal Pinheiros, que estava longo demais. As explicações estão no próprio artigo, não há necessidade de colocá-las na legenda. Além disso, achei oportuno também incluir mais uma imagem - no caso, a de alguns prédios da região do Tatuapé, ilustrando a existência de outras centralidades sócio-econômicas fora do vetor sudoeste. Ao menos uma imagem dessas regiões acho oportuna colocar. Fábio (discussão) 23h46min de 5 de Dezembro de 2007 (UTC)

Troca da Imagem Principal[editar código-fonte]

Estou sugerindo a troca da imagem principal do artigo, para uma foto de melhor qualidade da região da marginal pinheiros, porém editores como o Gaf.arq estão me acusando de fazer "uma construção ideológica", dizendo que aquela região não poderia simbolizar a cidade toda. Só que não estaria acontecendo a mesma coisa com a foto atual? Simbolizar a cidade com uma única região, no caso o centro velho, não seria também uma ideologia? Porque temos que sempre ilustrar a cidade de São Paulo com a decadente região do centro velho se podemos simboliza-la de uma forma moderna, como está atualmente a região da Berrini? Não vejo motivos suficientes de manter a foto atual, que aliás é de péssima qualidade. Espero a opinião de TODOS. Hector.C.Jorge (discussão) 22h26min de 16 de Dezembro de 2007 (UTC)

Symbol oppose vote.svg Contra a mudança. Aquela é a foto símbolo da cidade, e me dou o direito de reverter essa mudança, até que se chegue a um consenso. Antes deste, não mude a foto. Alex Pereirafalaê 10h31min de 17 de Dezembro de 2007 (UTC)
Grande argumento Alex Pereira, fiquei impressionado… Hector.C.Jorge (discussão) 16h49min de 17 de Dezembro de 2007 (UTC)
Bons argumentos são os teus, por certo… Alex Pereirafalaê 16h56min de 17 de Dezembro de 2007 (UTC)
Obrigado. Hector.C.Jorge (discussão) 17h16min de 17 de Dezembro de 2007 (UTC)
Cuidado Alex. Daqui a pouco o Heitor tá combinando com os amiguinhos dele de pedir teu bloqueio por não concordar com ele… Symbol declined.svg Discordo da troca da foto.Crazyaboutlost discussão 22h28min de 17 de Dezembro de 2007 (UTC)
Achei que tinhamos entrado em um acordo Crazyaboutlost, mas parece que você prefere continuar com as provocações. Não me subestime. Hector.C.Jorge (discussão) 22h32min de 17 de Dezembro de 2007 (UTC)
Estou morrendo de medo.Crazyaboutlost discussão 22h35min de 17 de Dezembro de 2007 (UTC)
Querem parar, os dois? Aqui é sobre a mudança ou não da foto de chamada. Se quiserem ficar trocando farpas antigas, podem ir a um blog. Mais respeito por aqui… Alex Pereirafalaê 10h19min de 18 de Dezembro de 2007 (UTC)
Desculpe Alex, acabei perdendo o foco da discussão. Hector.C.Jorge (discussão) 15h17min de 18 de Dezembro de 2007 (UTC)

Leitura sugerida: Villaça (Espaço intra-urbano no Brasil'); Fix (São Paulo: Cidade global e Parceiros da exclusão) e Whitaker Ferreira (O mito da cidade global). Qualquer imagem de uma cidade que é apresentada como seu símbolo possuirá por trás uma certa intenção - muitas das vezes ideológica. Quando se apresenta a imagem do CENU como símbolo de São Paulo, estamos negando a história da cidade, a exclusão social que é própria dela, sua morfologia (visto que não é de fato aquela situação de várzea verticalizada que predomina em São Paulo), entre outros. Trata-se de um jogo de se vender aquele espaço excludente e medíocre (do ponto de vista urbanístico) como sendo a expressão máxima da cidade: não é de fato o caso. O mesmo poderia ser dito da região central, sob um outro viés: ela tem sido palco de luta de classes pelo seu destino. Nos anos 1950, também era vendida como símbolo - da mesma forma que a Avenida Paulista nos anos 1960. No entanto, considerando que toda imagem pode vir a ser construção ideológica - tendo isto em mente, portanto - acredito que uma imagem que contenha os edifícios Itália, Copan e Hilton (que constam em "cartões-postais" da cidade tanto quanto o Masp, a Fiesp, entre outros, e muito mais que os medíocres CENU e WTC), inseridos naquele tecido urbano variado, justapostos a elementos de vários tempos diferentes, é muito mais relevante como primeira imagem da cidade. No entanto, ela é certamente um recorte (somente uma imagem de satélite daria dimensão da cidade inteira…). Porém, é uma região que já foi tematizada pela música (Tom Zé, Caetano Veloso), pelo cinema, literatura, etc. Do ponto de vista cultural, é uma região que está muito mais presente. A imagem está de fato em baixa resolução, mas é adequada a uma infobox.--g a f M 15h04min de 19 de Dezembro de 2007 (UTC)

PS: é ridículo argumentar que "devemos" apresentar a cidade em seus elementos de "prosperidade" e não em seus elementos "decadentes", como foi colocado acima. Além desta opinião apresentar total ignorância a respeito dos conflitos urbanos contemporâneos (não há nada mais decadente e medíocre que a avenida Berrini), tende a contrariar a própria imparcialidade ideal proposta pela Wikipédia…--g a f M 15h07min de 19 de Dezembro de 2007 (UTC)

Acho que a foto principal é de baixa resolução, não tem boa qualidade. Deveria ser trocada. A anterior do Banespa com a poluição " não tem muita coisa ", quero dizer, que a maior parte da foto é céu, e não da para ver direito o skyline da cidade. Acho que deveria ser colocada uma foto da Paulista, (outra) do centro (de melhor resolução ou de outros "pontos") ou da Berrini. O que acham? Críticas seram bem vindas. --Lukinhaz (discussão) 00h08min de 14 de Julho de 2008 (UTC)

Leia toda a discussão anterior: estas propostas já foram discutidas e rejeitadas.--g a f M 00h22min de 14 de Julho de 2008 (UTC)

Então a imgem irá permanecer ou irá ser trocada? --Lukinhaz (discussão) 01h12min de 14 de Julho de 2008 (UTC)

Eu concordo que a imagem da Berrini não seria muito adequada para ser a principal do artigo, pois a região do Brooklin, é um centro financeiro em expansão! Acho que deveria ser uma foto aérea da Paulista (ou um Skyline da Paulista) ou da região do centro (skyline do centro). --Lukinhaz (discussão) 15h06min de 14 de Julho de 2008 (UTC)

Tabelas coloridas: idéia muito infeliz[editar código-fonte]

O uso de tabelas coloridas é péssimo para o artigo. Além delas serem, pelo seu próprio desenho, muito feias, as cores berrantes compõem muito mal com o restante do artigo. Além disso, encontram-se mal posicionadas e atrapalhando a leitura. É preciso consertá-las urgentemente.--g a f M 19h22min de 19 de Dezembro de 2007 (UTC)

Você acha que elas devem ser retiradas ou a mudança das cores berrantes já seria suficiente? Hector.C.Jorge (discussão) 19h27min de 19 de Dezembro de 2007 (UTC)
Devem ser redesenhadas e alinhas à direita ou à esquerda. De preferência em tons de azul (tipo "Wikimedia") ou de cinza. O gráfico de demografia, porém, deve ser seriamente repensado.--g a f M 19h30min de 19 de Dezembro de 2007 (UTC)

PIB[editar código-fonte]

Não entendi por que os dados que eu colequei do PIB foram retirados. Eles acabaram de ser divulgados, se referem a 2005, são baseados na nova metodologia do IBGE e por isso apresentam uma grande diferença de valores em relação ao antigo. Entrem no site do IBGE e vejam: http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/economia/pibmunicipios/2005/default.shtm


--Augustoandre (discussão) 23h07min de 19 de Dezembro de 2007 (UTC)

troca de imagem[editar código-fonte]

Não sou a favor de colocar uma imagem da Berrini como o Héctor propôs, o Gaf.arq tem razão quando diz que seria uma imagem menos icônica, menos representativa. A Berrini é um centro financeiro em expansão, apenas isso. Objeto de muita especulação imobiliária e amplo destaque na mídia, mas uma imagem do centro é muito mais adequada para representar SP. Só que essa imagem do centro é péssima em termos de qualidade. Nem deveria ser utilizada em um artigo que se pretenda sério. Não vejo porque não utilizar imagens melhores que temos disponíveis da Av. Paulista, por exemplo. A avenida é um ícone igualmente conhecido da cidade, de alta relevância na história social, cultural e econômica do município, e é um local representativo para a grande maioria dos paulistanos. É um caso completamente diferente da Berrini. O que não dá também é aturar certos indivíduos que querem congelar o artigo porque se acham donos dele. Muitas opiniões têm sido atropeladas por aqui. Dornicke (discussão) 05h49min de 28 de Dezembro de 2007 (UTC)

Leia minhas últimas colocações em #Troca da Imagem Principal.--g a f M 06h08min de 28 de Dezembro de 2007 (UTC)

Proteção[editar código-fonte]

O histórico registra um tira e põe de imagens - algo que já deveria ter sido decidido.

  • Editores: antes de proceder a qualquer alteração o ideal seria debater com quem a fez antes.
  • O verbete não vem apresentando melhoras de conteúdo, em contrapartida o histórico mostra total instabilidade; protegemos por um mês - passível de ser ampliado se os editores interessados não chegarem a um consenso.
  • Notem que o verbete deverá estar aqui em um ano, em dois, em dez… Não é viável que se abuse da liberdade editorial para "discutir", quando para isto temos as discussões.

Conhecer ¿Digaê 13h36min de 30 de Dezembro de 2007 (UTC)

Concordo com a proteção. JSSX uai 14h07min de 30 de Dezembro de 2007 (UTC)

Discordo da proteção. Eu e o Gaf já entramos em um acordo quanto as imagens, discutindo isso em nossas páginas pessoais. Decidimos esperar para encontrar uma imagem que realmente transmita São Paulo como um todo e não apenas uma parte dela. Enquanto essa imagem não aprece ficaremos com a horrível imagem atual. Hector.C.Jorge (discussão) 16h39min de 30 de Dezembro de 2007 (UTC)

A economia paulistana[editar código-fonte]

O PIB da cidade de São Paulo é de US$ 112 bi e representa 14% do PIB total do país. São Paulo tem uma frota de 30 mil táxis, 15 mil ônibus, 58 kilômetros de metrô, 70 shopping centers, 30 mil milionários, 1.500 agências bancárias, 37% das cem principais empresas privadas. A riqueza produzida em São Paulo equivale a duas vezes o que é produzido na região norte e 94% do PIB de todos os estados do nordeste..[1]

O metrô de São Paulo possui 61,3 km de extensão! E atualmente está em fase de expansão.

  1. Jornal O Estado de S. Paulo, Caderno Brasil, 13.01.2008