Dragon Quest VII: Fragments of the Forgotten Past

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Dragon Warrior VII)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Dragon Quest VII:
Fragments of the Forgotten Past
Desenvolvedora(s) Heartbeat, ArtePiazza
Distribuidora(s) Enix
Produtor(es) Taichi Inuzuka
Designer(s) Yūji Horii
Artista(s) Akira Toriyama
Plataforma(s) PlayStation
Série Dragon Quest
Conversões/
relançamentos
Android[1]
iOS
Nintendo 3DS (eShop)
Data(s) de lançamento 26 de agosto de 2000
Gênero(s) RPG
Modos de jogo Single-Player
Dragon Quest VI: Realms of Revelation
Dragon Quest VIII: Journey of the Cursed King

Dragon Quest VII: Fragments of the Forgotten Past (ドラゴンクエストVII エデンの戦士たち, Doragon Kuesuto Sebun Eden no Senshi-tachi?, "Dragon Quest VII: Warriors of Eden) no Japão e Dragon Warrior VII nas versões norte-americanas,[nota 1][2][3] é um jogo eletrônico de RPG da série Dragon Quest desenvolvido pela Heartbeat[4] e pela ArtePiazza,[5] e distribuído pela Enix para Playstation em 2000.

A história começa quando o pai do protagonista encontra um fragmento de mapa em uma pescaria; esse mapa sugere ao protagonista e seu amigo que o mundo teve, em algum momento, vários continentes. Eles então partem na aventura de exploração desse novo mundo.

Recepção[editar | editar código-fonte]

O site IGN incluiu o jogo na posição de número 84 no ranking dos "100 melhores RPGs de todos os tempos" (Top 100 RPGs of All Time).[6]

Notas

  1. Para evitar problemas legais com o jogo de RPG de mesa DragonQuest da TSR, Inc.

Referências