Dunito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dunito
Dunito.
Classe Ígneaplutónica
Cor Amarelo-esverdeado a cinzento-esverdeado.
Textura Grosseira, fanerítica.
Série ígnea Ultramáfica
Minerais essenciais Olivina magnesiana (forsterite).
Minerais_acessórios Piroxenas, espinelas, cromite, magnetite, flogopite.

O dunito é uma rocha ígnea plutónica, de textura fanerítica, ultramáfica, com mais de 90% olivina ((Mg,Fe)2SiO4), podendo apresentar algumas piroxenas na sua composição.[1] O dunito resulta da diferenciação de magmas por cristalização fraccionada, concentrando os minerais mais pesados e refratários, com mais alta temperatura de fusão, que cristalizam precocemente na câmara magmática. A concentração desses minerais ocorre por gravidade, com os minerais pesados afundando no magma em resfriamento e concentrando-se em camadas junto ao fundo.

Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.

Notas