Gabro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Outubro de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Amostra de gabro

Gabro é uma rocha ígnea intrusiva de cor escura com textura fanerítica e granulação média a grossa. É uma rocha composta essencialmente por plagioclase[1] (labradorita a anortita), piroxênios[1] e titanomagnetita; a olivina magnesiana[1] pode ocorrer como mineral acessório.

Possui como minerais acessórios óxidos de ferro, magnetita, sulfetos, apatita, espinélio verde ou marrom, titanita, rutilo.[1]

São rochas plutônicas formadas pelo resfriamento de magmas de composição basáltica. O gabro é equivalente plutónico do basalto.

Comercialmente são vendidos como granito.[2]

  1. a b c d «Banco de Dados». www.rc.unesp.br. Consultado em 2015-10-16. 
  2. Roberto Monteiro de Barros Filho. «http://faculdadeinap.edu.br/materiais_didaticos_disciplinas/materiais%20e%20tecnologia/rochas_marmores_e_granitos.pdf» (PDF). Consultado em 16/10/2015.  Ligação externa em |title= (Ajuda)