Efalante

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde setembro de 2017). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Os efalantes (ou heffalumps), são uma espécie de mamífero fictícia que vive no Bosque dos 100 Acres. Eles são mencionados em várias histórias do Ursinho Pooh incluindo o livro Winnie-the-Pooh, os filmes The Many Adventures of Winnie the Pooh e Pooh's Grand Adventure: The Search for Christopher Robin; e em vários episódios de The New Adventures of Winnie the Pooh. O único efalante de verdade que o Ursinho Pooh e seus amigos já conheceram, é o Bolota, que aparece em Pooh's Heffalump Movie e na série animada My Friends, Tigger and Pooh.

Aparência[editar | editar código-fonte]

Os efalantes são criaturas grandes, os adultos podem chegar ao tamanho de um elefante. Eles possuem uma tromba e são muito semelhantes a elefantes, porém são roxos, não tem presas e possuem uma cauda de coelho.

Explicação[editar | editar código-fonte]

Embora isso não seja explicitamente declarado, geralmente acredita-se que os heffalumps sejam do ponto de vista de uma criança (a palavra "heffalump" é a tentativa de uma criança de pronunciar "elefante").[1]

Impacto cultural[editar | editar código-fonte]

Desde os anos 50, os heffalumps ganharam notabilidade além das histórias do Pooh.

  • O termo "heffalump", original em inglês, é usado por adultos para descrever um elefante ou a visão de um elefante da criança.[1]
  • O termo "armadilha heffalump" tem sido usado no jornalismo político para uma armadilha que é criada para pegar um adversário, mas acaba prendendo a pessoa que armou a armadilha (como acontece com Winnie the Pooh em "The House at Pooh Corner").[2]
  • O protagonista do romance Been Down So Long It Looks Like Up to Me (lançado em 1966), Gnossos Pappadopoulis, acredita que seu melhor amigo é chamado Heffalump, apenas descobrindo em Cuba que o nome de nascimento de Heffalump era Abraham Jackson White.[3]
  • Existe uma partitura orquestral chamada To Catch a Heffalump (1971) por Willem Frederik Bon.[4]




Ver Também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Oxford English Dictionary, second edition, 1989: "A child's word for ‘elephant’. Now commonly in adult use."
  2. The Spectator (22 August 1958). "The Conservatives are not going to leap into the heffalump-trap in which their opponents... reside". Cited in Oxford English Dictionary.
  3. «Been Down So Long It Looks Like Up To Me». Richardandmimi.com. Consultado em 29 de maio de 2019 
  4. «To catch a heffalump, for orchestra (1971).». WorldCat. Donemus. 1 de janeiro de 1971