Eliane Elias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Eliane Elias
Eliane Elias em Paris, outubro de 2004
Informação geral
Nascimento 19 de março de 1960 (58 anos)
Origem São Paulo, SP
País Brasil
Gênero(s) jazz, bossa nova
Instrumento(s) voz, piano
Página oficial www.elianeelias.com

Eliane Elias (São Paulo, 19 de março de 1960) é uma pianista, comnpositora e cantora brasileira.[1]

Começou a tocar piano aos sete anos de idade. Sua mãe, Lucy, era uma pianista clássica. Em 1973, aos 13 anos de idade, iniciou seus estudos de piano no Centro Livre de Aprendizagem Musical (CLAM), com Amilton Godoy, pianista do Zimbo Trio.[2]

Aos dezessete começou a se apresentar tocando composições próprias. Após uma turnê em 1981, com Eddie Gomez, foi encorajada a se mudar para Nova Iorque. Lá foi convidada a se juntar à banda Steps Ahead, gravando um álbum com eles em 1983. Após sair do grupo, trabalhou com o trompetista americano Randy Brecker, com quem foi casada e tem uma filha, a cantora e compositora Amanda Brecker.[3] Eles se separaram no início dos anos 1990.[4] Atualmente, Eliane está casada com Marc Johnson, baixista de sua banda.[5] Ela gravou inúmeros discos, entre eles um dueto com Herbie Hancock. Começou a cantar em suas gravações no final da década de 1980.

Eliane Elias recebeu dois premios Grammy e 9 indicaçoes. Entre elas,

Em 1996, seu dueto com Herbie Hancock foi indicado na categoria de Melhor Solo de Jazz Instrumental.

Em 2012, sua composiçao "What About the Heart" foi indicada ao Grammy na categoria de Melhor Musica Brasileira .

Em 2016 venceu o Grammy Awards na categoria de Melhor álbum de jazz latino, com Made In Brazil. O álbum também foi indicado na categoria Melhor Engenharia de Gravação.[6] [7]

Em 2017 venceu o Grammy Latino na categoria de Melhor álbum de jazz latino, com Dance of Time.[8] O álbum também foi indicado na categoria Melhor Engenharia de Gravação.[6]

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • 1984: "Amanda"
  • 1986: "Illusions"
  • 1987: "Cross Currents"
  • 1989: So Far So Close
  • 1990: Eliane Elias Plays Jobim
  • 1991: A Long Story
  • 1992: Fantasia
  • 1993: Paulistana
  • 1993: "On The Classical Side"
  • 1994: "Solos and Duets"
  • 1995: "Best of"
  • 1996: The Three Americas
  • 1997: Impulsive!
  • 1998: Sings Jobim
  • 2000: Everything I Love
  • 2001: The Best of Eliane Elias, Vol. 1: Originals
  • 2002: Kissed By Nature
  • 2003: Timeless Eliane Elias
  • 2003: Brazilian Classics
  • 2004: Giants of Jazz: Eliane Elias
  • 2004: Dreamer
  • 2005: Sings & Plays
  • 2006: Around the City
  • 2008: Something For You: Eliane Elias Sings & Plays Bill Evans
  • 2008: Bossa Nova Stories
  • 2009: "Plays Live"
  • 2011: "Light My Fire"
  • 2012: "Swept Away"
  • 2013 "I Thought About You- A Tribute to Chet Baker"
  • 2015 "Made In Brazil"
  • 2017 "Dance Of Time"

Referências

  1. «Eliane Elias». Cravo Albin da MPB. Consultado em 28 de agosto de 2014. 
  2. «Eliane Elias - Biografia». Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira. Consultado em 22 de fevereiro de 2016. 
  3. Tomas Pena (19 de fevereiro de 2009). «In Conversation With Elaine Elias» (em inglês). jazz.com. Consultado em 22 de fevereiro de 2016. 
  4. «Elias, Eliane - Encyclopedia of Jazz Musicians» (em inglês). jazz.com. Consultado em 22 de fevereiro de 2016. 
  5. Michael Verity (s/d). «Eliane Elias Talks About "I Thought About You"» (em inglês). jazz.about.com. Consultado em 22 de fevereiro de 2016.  Verifique data em: |data= (ajuda)
  6. a b Ceccarini, Viola Manuela (20 de novembro de 2017). «The 18th Latin GRAMMY Awards in Las Vegas». Livein Style. Consultado em 28 de dezembro de 2017. 
  7. «Brasil no Grammy: Eliane Elias ganha prêmio de álbum de jazz latino». O Globo. 15 de fevereiro de 2016. Consultado em 22 de fevereiro de 2016. 
  8. «Dance of Time by Eliane Elias Wins Best Latin Jazz/Jazz Latin Grammy Award | World Music Central.org». worldmusiccentral.org (em inglês). Consultado em 19 de novembro de 2017. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]