Emil Artin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Emil Artin
Conhecido(a) por Função L de Artin
Nascimento 3 de março de 1898
Viena
Morte 20 de dezembro de 1962 (64 anos)
Hamburgo
Nacionalidade Áustria Austríaco
Alma mater Universidade de Viena, Universidade de Leipzig
Prêmios Prêmio Memorial Ackermann-Teubner (1932)
Orientador(es) Gustav Herglotz e Otto Hölder
Orientado(s) Nesmith Ankeny, Bernard Dwork, David Gilbarg, Serge Lang, Karel deLeeuw, Arthur Mattuck, Kollagunta Gopalaiyer Ramanathan, John Tate, Johannes Weissinger, Hans Julius Zassenhaus, Max August Zorn
Instituições Universidade de Hamburgo, Universidade de Notre Dame, Universidade de Princeton
Campo(s) Matemática
Tese 1921: Quadratische Körper im Gebiete der höheren Kongruenzen

Emil Artin (Viena, 3 de março de 1898Hamburgo, 20 de dezembro de 1962) foi um matemático austríaco.

De 1919 a junho de 1921, Emil interessou-se especialmente pelo estudo da matemática na Universidade de Leipzig. Seu professor principal foi Gustav Herglotz, que também foi o orientador de sua tese. Adicionalmente, Emil frequentou cursos de química e vários campos da física, incluindo mecânica, teoria quântica, teoria maxwelliana, radioatividade e astrofísica. Em junho de 1921 obteve um doutorado, com a tese Quadratische Körper im Gebiete der höheren Kongruenzen.[1]

Iniciou sua carreira na Alemanha, na Universidade de Göttingen e depois, em 1923, passou para a Universidade de Hamburgo.

A ameaça nazista o obrigou a emigrar para os Estados Unidos em 1937 onde estudou na Universidade de Indiana (1938-1946) e na Universidade de Princeton (1946-1958).

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) matemático(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.