Eu Tava Lá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Eu Tava Lá
Apresentação
Apresentado por Braian Rizzo
Gênero Histórias Pessoais
Formato Entrevista
Idioma Português
Atualizações Semanais
Duração 60 minutos
Produção
Produção Independente (março de 2018 – agosto de 2018)
Overcast (agosto de 2018 – janeiro de 2019)
Agência de Podcast ( fevereiro de 2019 – julho de 2020)
Independente (2020 – presente)
de episódios 166 (maio de 2021)
Publicação
Lançamento original 19 de março de 2018 (3 anos) – presente
Site oficial eutava.la [1]

Eu Tava Lá é um podcast brasileiro do gênero histórias pessoais fundado em 2018 e apresentado por Braian Rizzo (ex-integrante do podcast Não Ouvo), é uma produção baseada em histórias pessoais vividas e contadas pelos convidados do podcast.[1]

História[editar | editar código-fonte]

O podcast Eu Tava Lá foi originalmente lançado em 2018, com o propósito de trazer um convidado diferente toda semana para bater papo (por telefone) sobre assuntos aleatórios e contar histórias pessoais escolhidas espontaneamente, sem interferência do apresentador.[2] No dia seguinte ao seu lançamento, atingiu o topo dos podcasts mais ouvidos do iTunes e permaneceu no Brazilian Podcast Charts por 101 dias, ao lado de grandes nomes como Nerdcast, Mamilos e Projeto Humanos[3][4].

Desempenho[editar | editar código-fonte]

Eu Tava Lá aparece frequentemente entre os podcasts de maior audiência no Brasil na sua categoria[5]. O podcast estreou na parada de Top Podcasts do Apple Podcasts em 20 de março de 2018, alcançando o topo das paradas.[6] No fim do mesmo ano, figurou na lista de "Mais baixados lançados em 2018".[7][8] Ao longo dos anos, o podcast manteve-se frequentemente entre os 20 podcasts da parada. Em 2019 apareceu na PodPesquisa, organizada pela abPod (Associação Brasileira de Podcasts), como o 11º podcast mais lembrado pelos ouvintes brasileiros.[9]

Episódios[editar | editar código-fonte]

O convidado do 1º episódio foi o humorista e apresentador Mauricio Meirelles que contou a história de uma aventura vivida durante uma viagem para a Tailândia ao lado de sua esposa.[10] Desde então o podcast sempre intercala convidados famosos e anônimos que tenham boas histórias para contar.

Das celebridades entrevistadas, destacam-se o eterno Trapalhão Dedé Santana[11], o apresentador Yudi Tamashiro[12], os ex-CQC Lucas Salles, Rafael Cortez e Rafinha Bastos, os músicos Rodrigo Tavares (ex-Fresno), Lucas Silveira (Fresno), Thedy Corrêa (Nenhum de Nós), dentre dezenas de outros grandes nomes do entretenimento nacional.[13]

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2020, o programa Esporte Espetacular, apresentado por Lucas Gutierrez e Bárbara Coelho anunciou um novo quadro chamado "Eu Estava Lá" e imediatamente despertou a comparação do público com o podcast Eu Tava Lá, que existe desde 2018 e é uma marca registrada[14] pela empresa de Braian Rizzo, desde 2019.[15][16][17] A situação se resolveu amistosamente com pedido público de desculpas do apresentador Lucas Gutierrez[18] e a não mais apresentação do quadro pelo Esporte Espetacular da Rede Globo.

Integrantes[editar | editar código-fonte]

  • Braian Rizzo (2018–atualmente)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Eu Tava Lá». Eu Tava Lá. Consultado em 22 de maio de 2021 
  2. «Braian Rizzo: 'Eu Tava Lá' e a gente também». GShow. Consultado em 22 de maio de 2021 
  3. «'Eu tava lá' Brazilian iTunes Chart Performance». iTunes Charts. Consultado em 22 de maio de 2021 
  4. «Top Charts do iTunes em Março de 2018». Twitter. Consultado em 22 de maio de 2021 
  5. «Eu Tava Lá Podcast on Chartable». Chartable. Consultado em 22 de maio de 2021 
  6. «iTunesCharts.net: 'Eu tava lá' by Braian Rizzo». iTunes Charts. Consultado em 22 de maio de 2021 
  7. «Eu Tava Lá - Brazilian iTunes Chart Performance». Mac Magazine. Consultado em 22 de maio de 2021 
  8. «Eu Tava Lá - Brazilian iTunes Chart Performance». iTunes Charts. Consultado em 22 de maio de 2021 
  9. «PodPesquisa 2019» (PDF). abPod. Consultado em 22 de maio de 2021 
  10. «Eu Tava Lá #1 - PING PONG SHOW (com Mauricio Meirelles)». Eu Tava Lá. Consultado em 23 de maio de 2021 
  11. «Eu Tava Lá #132 - PALHAÇO, TRAPEZISTA, DIRETOR E TRAPALHÃO (com Dedé Santana)». Eu Tava Lá. Consultado em 23 de maio de 2021 
  12. «YUDI REVELA QUE APRESENTAVA O BOM DIA & CIA "CHEIO DE CACHAÇA NA CABEÇA"». Clic RBS. Consultado em 23 de maio de 2021 
  13. «Todos os episódios de Eu Tava Lá». Spotify. Consultado em 23 de maio de 2021 
  14. «Eu Tava Lá é uma marca registrada junto ao INPI». Instituto Nacional de Propriedade Industrial. Consultado em 22 de maio de 2021 
  15. «Globo copia na cara dura nome e marca de podcast no Esporte Espetacular». Coluna Léo Dias. Consultado em 22 de maio de 2021 
  16. «Esporte Espetacular lança novo quadro "Eu Tava Lá" e web aponta como cópia de podcast». Virou Pauta. Consultado em 22 de maio de 2021 
  17. «Globo tenta inovar com novo quadro e é acusada de plágio». Pleno News. Consultado em 22 de maio de 2021 
  18. «Apresentador diz que foi mal entendido». Twitter. Consultado em 22 de maio de 2021 

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]