FORMOSAT-1

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido (desde julho de 2013). Ajude e colabore com a tradução.
O satélite FORMOSAT-1.

O FORMOSAT-1, ( originalmente conhecido como ROCSAT-1) é um satélite de observação da Terra operado pela National Space Organization (NSPO) da República da China, para conduzir observações da ionosfera e oceanos.

O satélite e seus instrumentos foram desenvolvidos em conjunto pela NSPO e pela TRW usando a plataforma denominada Lightsat. Foi lançado a partir da Estação da Força Aérea de Cabo Canaveral por intermédio de um foguete Athena I da Lockheed Martin em 27 de Janeiro de 1999.

O FORMOSAT-1 foi retirado de serviço em 17 de Junho de 2004.[1]

Características[editar | editar código-fonte]

Essas são as principais características do satélite:[2]

  • Massa total: 402 kg
  • Formato: cilindro hexagonal com 2,1 m de altura e 1,1 m de diâmetro
  • Órbita: LEO a 600 km de altitude.
  • Carga útil: Experimental Communication Payload (ECP), Ionosphere Plasma Electrodynamics Instrument (IPEI), Ocean Color Imager (OCI)

Referências

  1. «FORMOSAT 1». Belgian Platform on Earth Observation. Consultado em 19 de julho de 2013 
  2. Krebs, Gunter. «ROCSAT 1 (Chunghua 1) / FORMOSAT 1». Gunter's Space Page. Consultado em 19 de julho de 2013 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre satélites é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.