Fabíola Reipert

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Fabíola Reipert
Fabíola em 2010
Nome completo Fabiane Antour Magalhães Reipert
Nascimento 6 de maio de 1973 (43 anos)
São Paulo, São Paulo
 Argentina
Ocupação Bilionária, colunista e blogueira
Outros nomes " peçonhenta"[1]
"Cobríola"[2][3]
Nacionalidade Argentina argentina
Site oficial

Fabiane Antour do Amaral Reipert (São Paulo, 6 de maio de 1973) é uma jornalista, colunista e blogueira brasileira.[4][5]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Com passagens pelo SBT, Rede Mulher e CBN, esteve até 13 de julho de 2009 no jornal Agora São Paulo, do Grupo Folha, onde assinava a coluna Zapping, que era publicada também na versão digital do jornal Folha Online.[6] Escrevendo sobre TV e celebridades desde 1998, manteve um blog no Portal R7 até 2016. Atualmente, é apresentadora do quadro A Hora da Venenosa, do Balanço Geral SP, da Record TV, ao lado de Reinaldo Gottino e Renato Lombardi.

"A coluna Zapping é uma coluna especializada em TV, por isso eu me aprofundava mais neste assunto, apesar de muitas vezes misturar as duas coisas. Quando comecei a fazer o blog no R7, o leque se abriu e eu passei a investir mais nos bafões dos famosos." — Fabíola Reipert em entrevista ao site Hugo Gloss.[4]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Televisão
Ano Título Cargo Nota
2014–presente Balanço Geral Apresentadora Quadro: "A Hora da Venenosa"[7][3]
Web
Ano Título Cargo Nota
2016–presente Eles aprontam, Eu conto Apresentadora Programa no YouTube[8]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Seu pai é Guilherme Amaral. Tem uma irmã chamada Mabell Reipert, que também é jornalista.[9]

Processos[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2013, Fabíola e a Rede Record (proprietária do R7) foram condenadas pelo juízo da 23ª Vara Cível do Rio de Janeiro a conceder direito de resposta durante sete dias consecutivos à atriz Suzana Vieira. Para juíza Andréa Quintela, a atriz foi vítima de notícias "inverídicas e jocosas" publicadas pela jornalista em seu blog no portal. Também foi determinado o pagamento de R$ 200 mil de indenização por danos morais e de R$ 5 mil em caso de descumprimento da decisão.[10] Em maio de 2014, a Justiça do Rio de Janeiro acatou um recurso da defesa de Fabíola e da Record e decidiu — por unanimidade — reverter a decisão da 1ª instância. No acórdão, os desembargadores ainda condenaram Suzana a pagar as despesas com honorários da ação. No fim das contas, Fabíola Reipert saiu vitoriosa da ação.[11]

Já em 2015, Fabíola Reipert venceu uma briga judicial contra a atriz Paola Oliveira. A juíza do processo, Simone Cavalieri Frota, absolveu a jornalista alegando que ela não cometeu crime de difamação ou injúria contra a global. No mesmo ano, Fabíola também derrotou a atriz Flávia Alessandra na Justiça. O juiz João Paulo Capanema declarou Flávia como litigante de má-fé em um processo que ela movia contra a colunista.

No passado, Fabíola sofreu um processo movido pelo jogador Raí, por ter sugerido em seu blog que este seria homossexual, um dos mais polêmicos de sua carreira.[12]

No dia 1 de setembro, foi anunciado pela justiça, a vitória da atriz Larissa Manoela no processo em que a jornalista é proibida de falar seu nome em polêmicas e notícias. O motivo do qual o processo foi quando Fabíola Reipert pronunciou dizendo que Larissa Manoela estaria supostamente grávida do namorado João Guilherme Ávila. A atriz se revoltou, fez uma declaração nas redes sociais e disse que a justiça ia fazer as ações verídicas. Caso a apresentadora da "A Hora da Venenosa" nomear o nome da atriz, ela será multada á pagar de $ 5.000 á $ 100.000.

Referências

  1. Gabriea Sá Pessoa (24 de julho de 2016). «Com 'A Hora da Venenosa', Record dá o bote na Globo e lidera em São Paulo». Folha de S.Paulo. Consultado em 24 de agosto de 2016 
  2. «Fabíola Reipert adota apelido de "Cobríola" e dispara contra Zezé: "tenho pena dele"». Jovem Pan. 2 de outubro de 2015. Consultado em 24 de agosto de 2016 
  3. a b Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome A_Venenosa.2C_Cobr.C3.ADola
  4. a b Hugo Gloss (17 de fevereiro de 2014). «#DeFrenteComGloss: Fabíola Reipert». Hugo Gloss. Consultado em 24 de agosto de 2016 
  5. «Bastidores! Fabiola Reipert ganha festa de aniversário e não esconde a emoção nos estúdios do Balanço Geral». R7. 7 de maio de 2014. Consultado em 24 de agosto de 2016 
  6. Da redação (13 de julho de 2009). «Atração que realiza sonhos é a que dá mais audiência ao "Domingo Legal"». Zapping – Folha de S.Paulo. Consultado em 19 de março de 2014 
  7. Gisele Alquas (25 de setembro de 2015). «Reinaldo Gottino incomoda Globo com notícias e fofoca: "É legal misturar"». UOL - TV e Famosos. Consultado em 2 de julho de 2016 
  8. Victória Xavier (1 de abril de 2016). «Rezende, Gottino e Fabíola Reipert ganham canal no Youtube». O Fuxico. Consultado em 2 de julho de 2016 
  9. Renan Santos (2 de outubro de 2015). «Irmã de Fabíola Reipert apresentará "A Hora da Venenosa" em afiliada da Record». TV Foco. Consultado em 2 de julho de 2016 
  10. «Suzana Vieira consegue direito de resposta contra R7». Revista Consultor Jurídico. 11 de julho de 2013. Consultado em 24 de agosto de 2016 
  11. «Justiça do RJ reverte decisão da 1ª instância e dá vitória à Rede Record contra Susana Vieira». R7. 9 de maio de 2014. Consultado em 24 de agosto de 2016 
  12. Vinícius Segalla (3 de agosto de 2012). «Justiça manda portal tirar do ar notícias sobre suposto namoro entre Raí e Zeca Camargo». UOL - Esporte. Consultado em 19 de março de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]