Reinaldo Gottino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Reinaldo Gottino
Nascimento 7 de julho de 1977 (43 anos)
São Paulo (SP)
Ocupação Jornalista
Apresentador
Escritor
Narrador
Cônjuge(s) Simone Chimenti
Nacionalidade brasileiro
italiano
Religião Cristão
Atividade 1997 - atualmente
Trabalhos notáveis Balanço Geral SP
Cidade Alerta
SP Record
Record Notícias SP
Esporte Fantástico
CNN Novo Dia
CNN 360°

Reinaldo Gottino (São Paulo, 7 de julho de 1977) é um jornalista brasileiro. Atualmente apresenta o Balanço Geral SP.

Começou sua carreira na televisão como repórter esportivo para a TV Gazeta, e no ano de 2005 transferiu-se para a RecordTV. É responsável por noticiar muitos dos acontecimentos de urgência em rede nacional, tornando-se a voz e a imagem da emissora para coberturas ao vivo no chamado Plantão. De 2014 até 2019 apresentou o programa jornalístico local Balanço Geral SP, pela RecordTV São Paulo. Logo depois, foi âncora de dois telejornais na CNN Brasil, mas ficou apenas 8 meses no canal e voltou para a RecordTV e reassumiu o "Balanço Geral SP".[1][2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Formação e início no Rádio e TV[editar | editar código-fonte]

Formado em Jornalismo pela Universidade São Judas Tadeu, pós graduado pela Cásper Libero. O jornalista começou na Rádio Imprensa 102.5 FM, aos 15 anos. Era office boy em um banco durante a semana e aos sábados e domingos ia para a Rádio para atender telefone. Um dia o locutor faltou e Gottino entrou no ar. Impressionou a direção da emissora e foi contratado. Gottino trabalhou durante seis anos na rádio CBN, e foi o repórter mais jovem a apresentar o programa Globo no Ar, na Rádio Globo SP; neste período atuou também na TV Gazeta, onde trabalhou por cinco anos, participando dos programas Mesa Redonda e Gazeta Esportiva.

RecordTV[editar | editar código-fonte]

Entrou para equipe de jornalismo da Rede Record em 2005, primeiro como repórter esportivo. Ao longo do anos apresentou diversos telejornais e programas jornalísticos, principalmente para o público paulista: SP Record, Record Notícias SP e SP no Ar, além dos exibidos em rede nacional; Cidade Alerta e Esporte Fantástico, este junto com Mylena Ciribelli nas primeiras semanas do programa.[3] Reinaldo Gottino ao lado de Fabiola Reipert e Renato Lombardi entraram pra história da emissora com o programa que mais tempo ficou em primeiro lugar. Foram responsabilizados pela mídia pelo término do tradicional Vídeo Show da Rede Globo e seguem vencendo a Sessão da Tarde em 2019. Em setembro do mesmo ano, Gottino pede demissão da Record e assina com a filial brasileira do canal de notícias CNN, ainda em fase de implantação.[4][5] Depois de 8 meses, retorna a Record TV para reassumir o "Balanço Geral SP" depois de sua curta passagem pela CNN Brasil.[6]

Em 2004, fez a cobertura dos Jogos Paraolímpicos em Atenas, e se tornou um incentivador do esporte paraolímpico no país.

Apresentou por três anos o SP Record. Em 2011, foi um dos narradores da Rede Record nos Jogos Panamericanos de Guadalajara.[7] É torcedor declarado da Sociedade Esportiva Palmeiras. O apresentador também diz ser um defensor dos animais e luta contra os maus tratos e que em seu programa sempre abre espaço para a causa animal.[8]

Em 2012, comandou o Record Notícias, com Adriana Reid, e o boletim de notícias do dia dentro do Tudo a Ver.[9] Durante as Olimpíadas de Londres em 2012, narrou a competição pela Record News.[10]

No ano de 2013, Reinaldo Gottino apresentou também um quadro chamado "Povo Sofre", onde mostrava situações em que a população não conseguia resolver seus problemas e precisava da imprensa para conseguir, por exemplo, um atendimento médico; o quadro se tornou popular em São Paulo. O fato dele e sua equipe de reportagem ter ajudado um garoto que passava mal rendeu repercussão. A matéria entrou no programa especial de 60 anos da Record.

No ano de 2014 apresentou o Balanço Geral SP Manhã por alguns meses, inclusive comandando o Balanço Geral SP Tarde e Manhã ao mesmo tempo, devido a saída de Luiz Bacci da Record.

Em 26 de maio de 2014 passou a apresentador de forma titular o Balanço Geral SP, entre 12h e 15h diariamente, ao lado de Renato Lombardi e Fabíola Reipert, que integra editoria de celebridades com o quadro A Hora da Venenosa, líder de audiência em seu horário de exibição.[11]

Reinaldo Gottino escreveu o livro “O Segredo do Sucesso”, biografia da empresária Sylvia Design, onde conta a caminhada da moça pobre, do interior do Ceará, que se tornou empresária em São Paulo.[12] Ele também já foi colunista do Jornal A Bola, da revista americana CCM Magazine, entre outras publicações.

Em 2015, Gottino narrou em julho os Jogos Pan-Americanos de Toronto pela Rede Record e Record News. Em 2016 integrou o time de narradores da Record na Olimpíada do Rio. Em 13 de setembro de 2015 passou a apresentar na Record News o programa Ressoar.[13]

Em 2018, entrevistou no Balanço Geral SP os principais candidatos ao Governo de São Paulo, além de ter sido o mediador dos debates entre eles organizados pela Record. Apresentou junto com Adriana Araújo, do Jornal da Record, as edições especiais do Domingo Espetacular dos dias 7 e 28 de outubro, com a apuração das Eleições gerais no Brasil em 2018, que elegeu Jair Bolsonaro o presidente da República.[14][15]

Outras grandes coberturas jornalísticas com repercussão política que Reinaldo Gottino participou em 2018 foi a prisão do ex-presidente Lula pela Operação Lava Jato em 7 de abril, e a greve dos caminhoneiros, que paralisou o país no final de maio com indisponibilidade de alimentos e remédios em regiões do Brasil e escassez e alta de preços da gasolina, com longas filas para abastecer. Também fazendo dupla com a jornalista Adriana Araújo, apresentou Plantões da emissora nas tardes de sábado e domingo, 26 e 27 de maio, respectivamente, que acabou derrubando a programação regular do canal. Mobilização semelhante aconteceu em outras coberturas do canal em que Gottino apresentou na última década: os ataques criminosos e rebeliões em presídios de São Paulo em 2006. o desastre do Voo TAM 3054 em 2007, o assassinato da menina Isabela Nardoni em 2008, o sequestro em cárcere privado do Caso Eloá Cristina Pimentel também em 2008, o apagão de energia no Brasil em 2009, a prisão do goleiro Bruno pelo assassinato de Eliza Samúdio em 2010, o massacre na escola de Realengo em 2011, a morte da apresentadora Hebe Camargo em 2012, a tragédia do Incêndio na boate Kiss em 2013, o velório coletivo na Arena Condá dos jogadores de futebol da Chapecoense mortos na queda do Voo LaMia 2933 em 2016, entre outras coberturas jornalísticas.[16][17][18]

CNN Brasil[editar | editar código-fonte]

Em 16 de setembro de 2019, Reinaldo Gottino deixou o comando do Balanço Geral SP e consequentemente a RecordTV, para ser um dos apresentadores da CNN Brasil[19], onde ancorou dois telejornais, o CNN Novo Dia e o CNN 360°, onde ficou até 29 de maio de 2020.

Retorno à RecordTV[editar | editar código-fonte]

No mesmo dia em que pediu demissão da CNN Brasil, a RecordTV anunciou a sua recontratação.[20]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Cargo Emissora
2007-2009 SP no Ar Apresentador RecordTV
2008-2012 SP Record
2009 Esporte Fantástico
2011 Cidade Alerta
2012 Record Notícias
2014-2019 Balanço Geral SP
2020 CNN Novo Dia CNN Brasil
2020 CNN 360º
2020-presente Balanço Geral SP Apresentador RecordTV

Referências

  1. TV, Notícias da (29 de maio de 2020). «Reinaldo Gottino se demite da CNN Brasil e volta para a Record como estrela». Notícias da TV. Consultado em 29 de maio de 2020 
  2. TV, Notícias da (29 de maio de 2020). «Reinaldo Gottino se demite da CNN Brasil e volta para a Record como estrela». Notícias da TV. Consultado em 29 de maio de 2020 
  3. Erro de citação: Etiqueta <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs de nome R7.com
  4. https://noticiasdatv.uol.com.br/mobile/noticia/daniel-castro/reinaldo-gottino-pede-demissao-da-record-e-reforca-time-da-cnn-brasil-29473.amp
  5. https://pleno.news/entretenimento/tv/reinaldo-gottino-troca-a-rede-record-pela-cnn-brasil.html%3famp=1
  6. TV, Notícias da (29 de maio de 2020). «Reinaldo Gottino se demite da CNN Brasil e volta para a Record como estrela». Notícias da TV. Consultado em 29 de maio de 2020 
  7. «Começa nesta sexta-feira a transmissão da Record dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara». O Globo. 14 de outubro de 2011. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  8. «Reinaldo Gottino declara paixão pelo Palmeiras: "Ganhando ou perdendo"». CARAS. 15 de outubro de 2015. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  9. «Reinaldo Gottino deve manter bloco de notícias no "Tudo a Ver"». NaTelinha. 20 de março de 2012. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  10. «Record testa seu passaporte para Londres». O Estado de S. Paulo. 9 de outubro de 2011. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  11. «Alegria contagiante explica sucesso de 'A Hora da Venenosa'». Terra. 29 de dezembro de 2017. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  12. «"Andreoli Entre Amigos" com Sylvia Design e Salgadinho». Luiz Andreoli. 25 de setembro de 2018. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  13. «Reinaldo Gottino passa a apresentar o Ressoar, na Record News». Portal dos Jornalistas. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  14. «Record TV recebe candidatos ao governo de São Paulo». R7.com/RecordTV. 21 de setembro de 2018. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  15. «TV prioriza eleição e pede atenção às equipes». O Dia/Flavio Ricco. 28 de outubro de 2018. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  16. «Cobertura da prisão de Lula garante recordes de audiência à Record TV». NaTelinha. 9 de abril de 2018. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  17. «Com cobertura da greve, Record TV cresce até 60% e bate recorde anual». NaTelinha. 28 de maio de 2018. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  18. «Análise: a greve dos caminhoneiros e a televisão ao vivo». Observatório da Televisão. 28 de maio de 2018. Consultado em 14 de novembro de 2018 
  19. «CNN Brasil anuncia a contratação de Reinaldo Gottino». UOL. 29 de maio de 2020. Consultado em 18 de setembro de 2019 
  20. TV, Notícias da (29 de maio de 2020). «Reinaldo Gottino se demite da CNN Brasil e volta para a Record como estrela». Notícias da TV. Consultado em 29 de maio de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Reinaldo Gottino