Sessão da Tarde

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura o álbum de Léo Jaime, veja Sessão da Tarde (álbum).
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde outubro de 2016). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Sessão da Tarde
Logotipo atual.
Informação geral
Formato Programa de variedades
Gênero Sessão de filmes
Duração Variável
País de origem  Brasil
Idioma original (português brasileiro)
Produção
Tema de abertura
  • Instrumental (1974–2013)
  • Coral (2013–presente)
Tema de encerramento Créditos do Filme
Exibição
Emissora de televisão original Rede Globo
Formato de exibição
Formato de áudio Estéreo
Transmissão original 11 de março de 1974 - presente
Cronologia
Sessão das Duas
Programas relacionados

Sessão da Tarde é um programa de televisão brasileiro; uma sessão de filmes exibida pela Rede Globo de segunda a sexta-feira. É exibido às tardes da emissora desde o dia 11 de março de 1974, sendo uma das sessões de filmes mais duradouras e conhecidas da televisão brasileira, sucedendo a extinta Sessão das Duas.

Conforme a revista Veja-SP, foi nos anos 80 que a Sessão da Tarde atingiu sua melhor fase, exibindo filmes que se tornaram clássicos, como os sempre mencionados A Lagoa Azul, Esqueceram de Mim, Ghost: Do Outro Lado da Vida, Karatê Kid: A Hora da Verdade, Edward Mãos de Tesoura e Curtindo a Vida Adoidado.[1]

Histórico[editar | editar código-fonte]

Segundo o site Filmow, A Incrível Suzana foi o filme de estreia da Sessão da Tarde, em 11 de março de 1974.[2] Desde então, a Sessão da Tarde sempre foi exibida na faixa vespertina, sendo que desde 1980 passou a ser exibida logo após o Vale a Pena Ver de Novo mas, com a queda de audiência ao longo dos anos, o canal resolveu inverter a ordem dos dois programas, realizando testes em Goiás, Distrito Federal e Espírito Santo,[3] onde a audiência era mais crítica; até que em 17 de fevereiro de 2014, a mudança passou a vigorar na grade de programação da emissora de todo o país e o programa começou a ser exibido após Vídeo Show e antes de Vale a Pena Ver de Novo.[4][5]

A Sessão da Tarde costuma ser cancelada durante uma semana, quando há o início da reexibição de uma outra telenovela no Vale a Pena Ver de Novo juntamente com os últimos cinco capítulos da telenovela em reexibição, o que faz com que a atração estenda-se desde o fim do Vídeo Show até o início de Malhação.[6]

Em geral, os filmes apresentados em Sessão da Tarde são de comédia, aventura e em alguns casos ação ou drama. Antigamente, apresentava todo tipo de filme, mas com a rigidez em que se acentuaram as normas do Sistema de Classificação Indicativa Brasileiro, houve restrições a exibição de determinados filmes no programa, onde para serem exibidos sem grandes cortes, deveriam ser classificados como "livre para todos os públicos" ou "não recomendado para menores de 10 anos". Mas, em 2016 as restrições horárias impostas não vigoravam mais, por decisão do Supremo Tribunal Federal liberando, à prática, a sessão de filmes à exibição de qualquer filme, mesmo assim para manter sua fama de "sessão para a família" exibe filmes em outras classificações a partir de 12 anos.[7]

No dia 20 de setembro de 2018 um fato inédito: a Sessão da Tarde exibiu pela primeira vez um filme com classificação de 14 anos. Mas isso ocorreu apenas no estado do Rio Grande do Sul. O filme em questão foi O Tempo e o Vento, uma homenagem da RBS TV ao público gaúcho, porque no mesmo dia se comemora o dia da Revolução farroupilha. No restante do país foi exibido o filme De Repente Grávida, com classificação de 10 anos.

Por conta da necessidade de realizar ajustes na programação da TV Acre e TV Cruzeiro do Sul, devido ao fuso horário diferenciado do Acre, e a necessidade de exibir o Jornal Nacional ao vivo, a Sessão da Tarde deixou de transmitir filmes e passou a exibir a série Jovens Bruxas, reduzindo seu tempo de transmissão. Isso durou até 17 de fevereiro de 2017, quando toda a grade da Rede Amazônica voltou a ser exibida ao vivo, provocando novas mudanças na programação da TV Acre. Com isso, a Sessão da Tarde volta a exibir filmes a partir de 20 de fevereiro.[8]

No dia 29 de janeiro de 2013, a emissora trocou o filme O Cachorro Bombeiro por Ninguém Segura Esses Fantasmas, apesar das chamadas veiculadas durante a programação da Globo e da informação presente no próprio endereço eletrônico do programa; o motivo foi evitar qualquer alusão ao incêndio na boate Kiss, que matou 242 e feriu 680 pessoas, ocorrido dois dias antes.[9]

Por dois momentos em 2015, entre 10 a 14 de agosto e no dia 12 de outubro (especial ao dia das crianças), houve a possibilidade do telespectador escolher pela internet o filme que gostaria de ver na Sessão da Tarde.[10]

No dia 12 de outubro de 2015, uma falha técnica na InterTV Cabugi, afiliada da Globo em Natal e região metropolitana, fez com que praticamente todo o primeiro bloco do filme Madagascar 2, fosse exibido seu idioma original, o inglês. A falha ocorreu apenas no sinal digital da InterTV Cabugi, que teve a transmissão normal em sistema analógico. Não houve registro de outros problemas nas demais afiliadas pelo Brasil.[11]

Desde 2016, alguns estados optaram em exibir outros filmes ao invés de seguir a Rede com filmes que são escalados para o estado de SP, RJ e DF.

No dia 17 de abril de 2018, a Sessão da Tarde exibiu seu primeiro filme inédito em todo o Brasil, Mister Brau O Filme. Protagonizado por Taís Araújo e Lázaro Ramos, a trama conta a história de o Mr. Brau que com a ajuda de sua esposa, Michele atuando como coreografa e empresária, o cantor que estava no fracasso, alcança o sucesso meteórico. [12]

No dia 25 de junho de 2018, a Sessão da Tarde exibiu seu segundo filme inédito somente para as emissoras do estado do Acre, Bob Esponja: Um Herói Fora D' Água devido ao fuso horário no atraso na transmissão do jogo entre Portugal x Irã pela Copa do Mundo FIFA 2018.[13]

Vinhetas de abertura[editar | editar código-fonte]

  • 11 de março de 1974 – 29 de dezembro de 1989: Esta primeira vinheta tinha um fundo rosa, logo em seguida aparecia o logotipo da Sessão da Tarde tremendo em cima e em baixo, continuava assim até o final formando o logotipo. Essa segunda vinheta tinha, muitas fotos de artistas do cinema e, no final, as letras voam para fora da tela, formando o logotipo. O instrumental foi outro, antes da próxima vinheta.
  • 1º de janeiro de 1990 – 3 de setembro de 1999: Nesta abertura há um arco-íris no céu sob os nomes que formam o logotipo (cor dourada) e, no final, a íris e o céu são transferidos para o fundo escuro, os quais formam o logotipo.
  • 6 de setembro de 1999 – 9 de abril de 2004: A abertura foi modernizada na época: O arco-íris foi substituído por algumas cores aparentemente translúcidas. As nuvens foram refeitas e a animação do logo também. A primeira versão foi ao ar de 1999 a 2000. Já a segunda versão, que surgiu de 2000 a 2004, teve o logotipo que apareceu depois do logotipo da Globo em vidro (como em todas as vinhetas dos programas da emissora em 2000. Era o Globo de vidro, em comemoração aos 35 anos da Rede Globo).
  • 12 de abril de 2004 – 4 de outubro de 2013: A fonte tornou-se tão translúcida em azul e as letras do logotipo giravam em torno de um arco-íris no céu. Ao formar o logotipo, o arco-íris é colocado juntamente com a primeira palavra.
  • 7 de outubro de 2013 – atualmente: A abertura mudou de identidade e arranjo. As linhas de tamanhos diferentes, são dispersas e mudam de cor de fundo, e no fim, as bandas de formar o logotipo. A música, que era instrumental desde 1974, passou a ser cantada em coral.

Nos meses de janeiro e julho, ou seja, nas férias escolares, a Sessão da Tarde era substituída pelo Festival de Férias até 2000.

Audiência e repercussão[editar | editar código-fonte]

Para o Jornal Folha do Sul, a Sessão da Tarde foi, durante muito tempo, sinônimo de férias. O jornal afirma ainda que "além de auxiliar na educação cinematográfica de gerações, a Sessão da Tarde contemplou, ao longo do tempo, uma lista de filmes que acabaram se tornando mais que clássicos."[14]

Uma das criticas que se costuma fazer a Sessão da Tarde é o fato de ela reprisar por várias vezes o mesmo filme, alguns até com a diferença de poucos meses[15][16]. Porém, conforme explica o blog Pipoqueira, do site ClicRBS, o volume de reprises tem uma explicação histórica. Com a explosão na venda de videocassetes no início da década de 90, o mercado de home video viveu seu auge nos anos seguintes e ajudou o espectador brasileiro a conhecer o grosso da produção de Hollywood, se apegar aos astros e estrelas e fazer de produções como Esqueceram de Mim, Uma Linda Mulher e Ghost - Do Outro Lado da Vida grandes sucessos de público. Por isso, cada exibição na TV, mesmo depois de inúmeras reprises, tem uma audiência satisfatória.[17]

Conforme a revista Veja-SP, foi nos anos 80 que a Sessão da Tarde atingiu sua melhor fase, exibindo filmes que se tornaram clássicos, como os sempre mencionados A Lagoa Azul, Esqueceram de Mim, Karatê Kid - A Hora da Verdade e Curtindo a Vida Adoidado.[1]

Entre 2006 e 2013, a audiência da Sessão da Tarde caiu de 34,1 para 19,8 pontos.[18] Mas, apesar da constante queda de audiência, atualmente em todo o Brasil, a Sessão da Tarde possui 13 pontos de média e 47% de participação, sendo líder absoluta em seu horário de exibição. Seu público, na maioria, é composto por pessoas entre 25 e 49 anos (37%), pela classe C (53%) contra 24% das classes A e B, e 23% das classes D e E. A maioria é de mulheres acima de 18 anos, que compõem 49% de seu público.[19]

Uma das características da Sessão da Tarde durante suas fases pré 2013 eram as chamadas. Durante os anos 2000, eram usadas frases com jargões repetitivos como "uma galera da pesada apronta altas confusões""em clima de azaração""fazem coisas que até Deus duvida". As frases são ditas pelos locutores da Globo, Carlos Duarte, David Roque e Dirceu Rabello, os quais gravam a maioria das chamadas da Sessão da Tarde.[16]

Filmes mais exibidos[editar | editar código-fonte]

Em 2017, a revista Veja-SP elaborou uma lista com os 20 filmes mais exibidos nos 10 primeiros anos de vida da Sessão da Tarde. Nesta ordem, os filmes são:[1]

  1. As Sete Caras do Dr. Lao
  2. Simbad e o Olho do Tigre
  3. Tarzan, o Homem Macaco
  4. Robinson Crusoé em Marte
  5. A Praia dos Biquínis
  6. Ao Mestre Com Carinho
  7. O Ladrão de Bagdá
  8. Feitiço Havaiano
  9. O Manto Sagrado
  10. Os 5000 Dedos do Dr. T
  11. King Kong
  12. Bancando a Ama Seca
  13. Cidade Sob o Mar
  14. Os Primeiros Homens na Lua
  15. A Fantástica Fábrica de Chocolate
  16. Trinity & Carambola – A Dupla Invencível
  17. Quando as Metralhadoras Cospem
  18. Fúria de Titãs
  19. Jogos de Guerra

A Lagoa azul Porém, ao contrário do que muitos pensam, A Lagoa Azul não é o filme mais exibido pela sessão, e sim, Ghost - Do Outro Lado da Vida, com 23 exibições até 2018.

Críticas[editar | editar código-fonte]

Os filmes exibidos na Sessão da Tarde são considerados "ruins" pelo público. Os motivos disso são vários. O primeiro é que, devido ao horário, os filmes deviam ser voltados ao público infanto-juvenil. No entanto, a partir de 2016, quando a classificação indicativa deixou de ser uma regra horária, por diversas vezes exibiu filmes com classificação "12 Anos". O outro motivo é porque, no horário, muitas pessoas estudam ou trabalham. E o terceiro é que filmes considerados bons levam maiores custos à emissora.

Referências

  1. a b c vejasp.abril.com.br/ Os 20 filmes mais exibidos no início da Sessão da Tarde
  2. filmow.com/ A Incrível Suzana
  3. PACHECO, Paulo (28 de janeiro de 2014). «Globo inverte Sessão da Tarde e Caras & Bocas em todo o Brasil». Notícias da TV. Consultado em 20 de agosto de 2015. 
  4. Globo inverte novela e Sessão da Tarde Meio & Mensagem
  5. «Globo inverte 'Vale a Pena Ver de Novo' e 'Sessão da Tarde'». Veja. 28 de janeiro de 2014. Consultado em 20 de agosto de 2015. 
  6. «Sessão da Tarde dá lugar a Caminho das Índias e a O Rei do Gado; saiba». Rede Globo. 24 de julho de 2015. Consultado em 20 de agosto de 2015. 
  7. Richter, André (31 de agosto de 2016). «Supremo derruba regra de classificação indicativa na TV». Supremo derruba regra de classificação indicativa na TV. Portal EBC. Consultado em 11 de outubro de 2016. 
  8. «BDA, Acre TV e Globo Esporte iniciam mais cedo a partir de segunda (20)». G1 (Acre). 17 de fevereiro de 2016. Consultado em 18 de fevereiro de 2017.. Cópia arquivada em 19 de fevereiro de 2017 
  9. Rede Globo muda o filme da Sessão da Tarde por causa de tragédia em Santa Maria Notícias br
  10. FORATO, Thiago (13 de agosto de 2015). «Globo prolonga "Sessão da Tarde" interativa por mais uma semana». Na Telinha. Consultado em 20 de agosto de 2015. 
  11. natelinha.uol.com.br/ Afiliada da Globo erra e exibe filme infantil em inglês sem legendas
  12. Cíntia Caldeira (17 de abril de 2018). «Sessão da Tarde exibe o filme da série Mister Brau nesta terça-feira (17/04)». E-Daily Brasil 
  13. Matheus Sousa (24 de junho de 2018). «REDE GLOBO EXIBE BOB ESPONJA: UM HERÓI FORA D'ÁGUA SÓ PARA O ACRE». ANMTV. Consultado em 26 de junho de 2018. 
  14. jornalfolhadosul.com.br/ Férias, tempo de Sessão da Tarde
  15. opopular.com.br/ ‘A LAGOA AZUL’ VAI PARAR NA 'SESSÃO DA TARDE' MAIS UMA VEZ E ATÉ GLOBO FAZ PIADA COM REPETIÇÃO
  16. a b MARAFON, Renato (10 de março de 2014). «Os 10 filmes mais exibidos e lembrados da "Sessão da Tarde"». Cine Pop. Consultado em 31 de março de 2016. 
  17. clicrbs.com.br/ Os filmes mais reprisados da TV brasileira
  18. JIMENEZ, Keila (27 de outubro de 2013). «No ar desde 1974, 'Sessão da Tarde' está ameaçada de extinção». Folha de S.Paulo. Consultado em 20 de agosto de 2015. 
  19. Dados de Mídia da Sessão da Tarde Rede Globo

Ligações externas[editar | editar código-fonte]