17 Again

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
17 Again
17 Anos, Outra Vez! (PT)
17 Outra Vez (BR)
 Estados Unidos
2009 •  cor •  102 min 
Direção Burr Steers
Produção Adam Shankman
Jennifer Gibgot
Roteiro Jason Filardi
Keenan Donahue
Elenco Zac Efron
Leslie Mann
Thomas Lennon
Sterling Knight
Hunter Parrish
Melora Hardin
Michelle Trachtenberg
Matthew Perry
Género Comédia
Música Rolfe Kent
Cinematografia Tim Suhrstedt
Edição Padraic McKinley
Companhia(s) produtora(s) Offspring Entertainment
Distribuição New Line Cinema
Lançamento Estados Unidos 17 de abril de 2009
Brasil10 de julho de 2009
Portugal 6 de agosto de 2009
Idioma Inglês
Orçamento US$ 20 milhões (estimado)[1]
Receita US$ 136 267 476 [2]
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

17 Again (17 Outra Vez (título no Brasil) ou 17 Anos, Outra Vez! (título em Portugal)) é um filme americano de 2009, uma comédia da New Line Cinema estrelada por Matthew Perry e Zac Efron, e dirigida por Burr Steers.[3] Foi lançado em 17 de abril de 2009 nos Estados Unidos, 10 de julho de 2009 no Brasil e em 6 de agosto de 2009 em Portugal.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O filme começa com Mike O'Donnell quando jovem popular no colegial, que tinha um futuro promissor por seu talento com o basquete. Mas no jogo de basquete mais importante, que o levaria a faculdade e a uma carreira futura, ele recebe uma notícia de sua namorada: ela está grávida. Com isso, Mike decide se casar com ela para cuidar da criança, e abandona o jogo.

Quando adulto, por viver em eterna frustração em pensar no que ele poderia ter tido e vivido se não tivesse perdido a oportunidade do jogo, ele deixa o desfrutar da sua família, sua mulher o está colocando para fora de casa, seus filhos estão distantes dele e ele não ganhou a promoção de sua vida. Com sua vida desmoronando, volta a escola para relembrar o seu momento de glória, olha para sua foto e de repente aparece um zelador, seu espírito guia, que pergunta se Mike desejava voltar ao seu momento. Depois de um tempo, ele cai de uma ponte e, quando se olha no espelho, se vê com 17 anos, na atualidade.

A partir disto, ele decide retomar o momento perdido antes, com a ajuda de seu melhor amigo, Ned, um nerd rico que dá tom cômico ao filme em muitos momentos, volta ao colégio, que é o mesmo onde seus filhos estudam.

Ele passa então a ver o que seus filhos passam na escola e os ajuda, aprende sobre sua família, se tornando amigo de seu filho e intervindo contra o namoro de sua filha com um garoto da escola que quer aproveitar-se dela. Ele faz assim tudo o que deveria ter feito antes, e isso o aproxima da sua família, fazendo-o lhe dar maior valor. Ele acaba desistindo novamente do jogo para voltar a ter sua família.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Recepção[editar | editar código-fonte]

17 Again teve recepção mista por parte da crítica de cinema. Com base em 27 avaliações profissionais alcançou uma pontuação de 48% no Metacritic. Em avaliações mistas, do The Hollywood Reporter, Kirk Honeycutt disse: "Funciona melhor do que você pode imaginar, por vezes, mas tropeça desajeitadamente outras vezes. A desigualdade na escrita é acompanhada por um exagero do diretor em certas sequências cômicas."

Do Austin Chronicle, Marjorie Baumgarten: "Embora permanecendo doce e elegante, Efron, em seu primeiro longa-metragem em que não canta e dança prova que ele tem uma presença de tela agradável e cinética, embora sua capacidade de nos convencer de que ele é realmente um cara de 37 anos dentro de um corpo de 17 anos é dramaticamente duvidosa."

ReelViews, James Berardinelli: "O filme não chega perto à comédia pseudo-incesto familiar flertada como "Back to the Future". Que aparentemente, é considerado muito perturbador para o público de hoje. Então, 17 Again não é muito inteligente no toque em torno destas questões."

The New York Times, Manohla Dargis: "O diretor Burr Steers, cujos outros créditos incluem "Igby Goes Down" e economias direcionadas para programas de TV, mantém as pessoas e as coisas se movendo rápido o suficiente para que você não tenha tempo para se preocupar com os detalhes, como a inanidade da história."[4]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

  1. "On My Own" por Vincent Vincent e The Villains
  2. "Can't Say No" por The Helio Sequence
  3. "L.E.S. Artistes" por Santigold
  4. "Naïve" por The Kooks
  5. "This Is Love" por Toby Lightman
  6. "You Really Wake Up the Love in Me" por The Duke Spirit
  7. "The Greatest" por Cat Power
  8. "Rich Girls" por The Virgins
  9. "This Is for Real" por Motion City Soundtrack
  10. "Drop" por Ying Yang Twins
  11. "Cherish" por Kool & The Gang
  12. "Bust a Move" por Young MC
  13. "Danger Zone" por Kenny Loggins (de Top Gun)

Músicas adicionais[editar | editar código-fonte]

  1. "Kid" por The Pretenders
  2. "Nookie" por Limp Bizkit
  3. "The Underdog" por Spoon
  4. "High School Never Ends" por Bowling for Soup (utilizada no trailer e comercial)
  5. "Push It Fergasonic (DJ Axel Mashup)" por Fergie, Salt N' Pepa e JJ Fad.

Referências

  1. «Box office business for 17 Again (2009)» (em inglês) 
  2. «17 Again (2009)» (em inglês). Box Office Mojo 
  3. «Crítica:17 outra vez». Omelete. Consultado em 7 de abril de 2014 
  4. «17 Again» (em inglês). Metacritic. Consultado em 26 de abril de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]