Hustle & Flow

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Hustle & Flow
Ritmo de um Sonho (BR)
 Estados Unidos
2005 •  cor •  116 min 
Direção Craig Brewer
Produção Stephanie Allain
John Singleton
Roteiro Craig Brewer
Elenco Terrence Howard
Anthony Anderson
Taraji P. Henson
Ludacris
Gênero drama, musical
Distribuição Paramount Pictures
MTV Films
Idioma inglês
Orçamento US$2,8 milhões
Receita US$23,6 milhões
Página no IMDb (em inglês)

Hustle & Flow (Ritmo de um sonho em português) é um filme estadunidense de 2005 do gênero drama e musical.

Conta a história de um cafetão que quer virar rapper, ganhador do Óscar de Melhor Canção Original.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O rapper e cafetão DJay (Terrence Howard) trabalha duro para conseguir o que quer e sempre consegue a ajuda dos seus amigos do bairro. Quando ele fica sabendo que o astro do rap Skinny Black (Ludacris) está de viagem marcada para sua cidade natal, DJay faz de tudo para mostrar uma fita demo ao artista a fim de uma chance no show business.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Crítica[editar | editar código-fonte]

O filme teve recepção geralmente favorável por parte da crítica especializada. Obteve 82% de aprovação no Rotten Tomatoes, que se baseou em 37 resenhas, e uma média ponderada de 8.2/10.

Prêmios e nomeações[editar | editar código-fonte]

  • Ganhou o Óscar de Melhor Canção Original com a música "It's Hard out Here for a Pimp" composta pela dupla Juice J e DJ Paul do grupo Three Six Mafia, também concorreu na categoria melhor ator (Terrence Howard).
  • Recebeu uma indicação ao Globo de Ouro de Melhor Ator - Drama (Terrence Howard).
  • Recebeu uma indicação ao Independent Spirit Awards de Melhor Ator (Terrence Howard).
  • Ganhou os prêmios de Melhor Filme - Voto Popular e Melhor Fotografia, no Sundance Film Festival.
  • Recebeu 3 indicações ao MTV Movie Awards, nas categorias de Melhor Performance (Terrence Howard), Melhor Revelação (Taraji Henson) e Melhor Beijo (Terrence Howard e Taraji Henson).

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • É o 2º filme que Ludacris e Terrence Howard brigam, o 1º foi Crash
  • Terrence Howard conversou com mais de 300 cafetões, para seu personagem.
  • Apesar de haver várias referências a ícones musicais que surgiram em Memphis, o diretor e roteirista Craig Brewer propositalmente eliminou qualquer referência a Elvis Presley.
  • Mesmo a música tema do filme sendo composta pelo Three Six Mafia eles não aparecem na trilha sonora.

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

A Trilha sonora é composta 100% por Dirty South (Rappers do Sul dos Estados Unidos {Cidades principais: Atlanta, Houston, Memphis, Miami & Alabama).

A 1ª Single é I'm A King (remix) do T.I., a 2ª é Bad Bitch (remix) do Webbie.

Lista de faixas[editar | editar código-fonte]

# Título Artista
1. "I'm A King (Remix)" P$C feat. T.I. & Lil Scrappy
2. "Swerve" Webbie & Lil Boosie
3. "Microphone (skit)" Terrence Howard
4. "It's Hard Out Here for a Pimp" Terrence Howard feat. Taraji P. Henson
5. "Tell Me Why" 8 Ball & MJG
6. "Pussy Niggaz" E-40
7. "Whoop That Trick" Terrence Howard
8. "Bum Guy (skit)" Terrence Howard
9. "Man Up" Trillville
10. "Carbon 15's, A.K.'s & Mac 11's" Boyz N Da Hood
11. "Lil' Daddy" Young City formerly Chopper from Making The Band
12. "Let's Get A Room" Nasty Nardo
13. "Booty Language" UTP
14. "Bad Bitch Remix" Webbie feat. Trina
15. "We In Charge (skit)" Nola
16. "Hustle And Flow (It Ain't Over)" Terrence Howard
17. "Still Tippin' (It's A Man's World Remix)" Mike Jones
18. "Murder Game" P$C
19. "Get Crunk, Get Buck" Al Kapone
20. "Man Ain't Like A Dog (skit)" Terrence Howard

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.