Instituto de Estudos da Linguagem da Unicamp

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Instituto de Estudos da Linguagem da Unicamp
Tipo instituto
Website oficial
Geografia
Coordenadas 22° 48' 53.1" S 47° 4' 9.67" O
Localização Campinas
País Brasil

O Instituto de Estudos da Linguagem (IEL) é uma das unidades da Unicamp. Foi fundado em 1977 por Carlos Franchi. Rodolfo Ilari, Haquira Osakabe, Carlos Vogt, Antonio Candido e outros pesquisadores.[1]

O Instituto é reconhecido pela produção acadêmica nas áreas de literatura, linguística e linguística aplicada, pela formação de professores para o ensino básico e, especialmente, pela Arcádia - uma série de mesas e bancos dispostos em torno de árvores no pátio central do instituto. A Arcádia é um tradicional ponto de encontro dos estudantes da Unicamp, sendo um importante espaço de convivência e repouso.

Dentro do IEL funciona o Centro de Convivência de Afásicos, uma instituição pioneira no tratamento de Afasia.

Cursos oferecidos[editar | editar código-fonte]

Graduação

Pós-Graduação

Revistas científicas[editar | editar código-fonte]

  • Cadernos de Estudos Linguísticos, fundada em 1978.
  • Remate de Males - revista de teoria e história literária, fundada em 1980.
  • Trabalhos em Linguística Aplicada, fundada em 1983.
  • LIAMES - Línguas Indígenas Americanas, fundada em 2001.
  • Phaos - revista de estudos clássicos, fundada em 2001.

Referências

  1. Castilho, Ataliba Teixeira (2002). «Carlos Franchi (1932-2001)». Revista do GEL (Número Especial em Memória de Carlos Franchi (1932-2001))

Ligações externas[editar | editar código-fonte]