Joseph Louis Proust

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Joseph Louis Proust
Nome nativo Joseph Louis Proust
Nascimento 26 de setembro de 1754
Angers
Morte 5 de julho de 1826 (71 anos)
Angers
Cidadania França
Ocupação químico
Prêmios Cavaleiro da Legião de Honra

Joseph Louis Proust (Angers, 26 de setembro de 17545 de julho de 1826) foi um químico francês.

Filho de um boticário, estudou Química e Farmácia e foi chefe da farmácia do hospital Salpetrière, em Paris. Em 1789 esteve na Espanha, fugindo da Revolução Francesa, onde ensinou química na academia de artilharia de Segóvia e em Salamanca. Trabalhou no recém-instalado laboratório de Carlos IV, em Madri. Em 1816 foi eleito para a Academia de Ciências da França, retirando-se em seguida para Angers.

Enquanto no Salpêtrière, Proust publicou trabalhos sobre a urina, o ácido fosfórico e o alúmen. Em sua estada na Espanha, Proust estudou os minerais espanhóis. Em 1801 Enunciou a lei das proporções definidas ou lei das proporções constantes, uma das bases do atomismo químico, e que recebe seu nome e foi combatida por cientistas da época. A lei é formulada em 1808 por John Dalton, mas é o trabalho de Proust que fornece as provas empíricas que determinaram sua aceitação, ajudando assim a fortalecer, na Química, a ideia do átomo.

Ainda em Madri, Proust empreende estudos que resultam na descoberta de um processo de extrair açúcar da uva. Em 1806 volta à França. Durante o bloqueio continental é convidado por Napoleão I para fundar uma fábrica de açúcar de acordo com o processo por ele inventado, mas recusa a oferta. Proust pesquisou ainda os sais dos ácidos orgânicos e é um dos fundadores da análise química. Morreu em sua cidade natal, em 1826.

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) cientista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.