Justice (dupla)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Justice
Gaspard Augé (esquerda) e Xavier de Rosnay
Informação geral
Origem Paris
País  França
Gênero(s) Eletrônica
House
Electro house
French house
French touch
Dance-punk
Rock eletrônico
Synthpop
Nu-disco
Electro Funk
Período em atividade 2003 - atualmente
Gravadora(s) Ed Banger Records.
Integrantes Gaspard Augé
Xavier de Rosnay
Página oficial http://justice.church/

Justice é uma dupla de música eletrônica francesa formada por Gaspard Augé e Xavier de Rosnay. O duo ficou famoso pelo seu remix da dupla britânica Simian Mobile Disco, "Never Be Alone", sucesso em todas as pistas no ano de 2006. Além de seus remixes, a banda lançou em 2007 seu primeiro álbum, intitulado (Cross). São famosos pelo seu cenário, que consiste em uma grande cruz branca que brilha todo o show. Em seu mais novo album, o "Woman", além de usar seus icônicos sintetizadores, guitarras e baixos, também está usando violinos e entre outros instrumentos orquestrais com a "London Contemporary Orchestra"

Além das influências de disco e funk da electro house, o estilo de Justice tem alguma influência de heavy metal. Justice combina linhas de baixo cortadas ou batidas com sons de sintetizadores compactados e distorcidos.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Álbuns ao vivo[editar | editar código-fonte]

Singles[editar | editar código-fonte]

EP[editar | editar código-fonte]

Coletâneas[editar | editar código-fonte]

Videoclipes[editar | editar código-fonte]

Remixes[editar | editar código-fonte]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Performances ao vivo[editar | editar código-fonte]

Cada um dos álbuns de estúdio teve uma turnê ao vivo, com cada um tendo sua própria configuração de equipamento ao vivo. O equipamento mudou de turnê para turnê, mas permaneceu centralizado em torno do Ableton Live.

A Cross the Universe Tour[editar | editar código-fonte]

A cross the universe foi a turnê do primeiro álbum da dupla "" (Cross), além do álbum ao vivo gravado em alguma parte dos EUA, também foi lançado um documentário mostrando como foi a turnê pelo backstage.

Em cada lado do "Valentine" (um suporte de sintetizador modular não-funcional com a cruz em destaque) estão 9 amplificadores Marshall empilhados, somando um total de 18. Os amplificadores não são funcionais e servem apenas de uma decoração de seu concerto. Sua configuração de DJ anteriormente incluía dois Pioneer CDJ-1000MK3s e um Pioneer DJM800, mas desde a turnê de lançamento do A Cross the Universe, Justice tem usado o Ableton Live controlado por um AKAI MPD24 e um Pioneer DJM800 para seus sets de DJ.

Access All Arenas Tour[editar | editar código-fonte]

Na turnê Access All Arenas, que acompanhou o lançamento do Audio, Video, Disco, a configuração ao vivo do Justice expandiu-se para fazer uso de efeitos de iluminação mais complexos. A adição deste novo conjunto de iluminação foi feita com a restrição artística de que nenhuma tela de vídeo seja usada. A iluminação envolveu um uso despojado e ousado de cores básicas, de modo a distrair minimamente a performance musical em si.

O equipamento de áudio também foi usado em um console do Ableton Live, vários DJM800s da Pioneer para o suíte de mixagem no palco, um Minimoog Voyager e um número mínimo de outros controladores MIDI. Um teclado de 88 teclas foi escondido dentro de "Valentine" (ainda a peça central destaque do palco), que foi revelado em pontos durante o show em que Gaspard ou Xavier tocaria certas partes de piano ou órgão do setlist.

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Na 51ª edição do Grammy a dupla recebeu um prêmio pelo remix de "Electric Feel" da dupla americana MGMT[1]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]