Prefeitura de Kochi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Kōchi (prefeitura))
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Kōchi Prefeitura

高知県

Kōchi-ken

  Prefeitura  
transliterações em Japonês
 - Japonês 高知県
 - Rōmaji Kōchi-ken
Bandeira de Kōchi Prefeitura
Bandeira
Selo de Kōchi Prefeitura
Selo
Localização de Kōchi Prefeitura
País Japão
Região Shikoku
Ilha Shikoku
Capital Kochi (cidade)
Administração
 - Governador Masanao Ozaki
Área
 - Total 7 104,87 km²
 - Água  0.2%
População (1 de dezembro de 2011)
 - Total 757,914
    • Densidade 106,68 hab./km²
Distritos 6
Municipalidades 34
Flor Yamamomo (Myrica rubra)
Árvore Yanase Sugi (Cryptomeria japonica)
Ave Fairy pitta (Pitta nympha)
Sítio www.pref.kochi.lg.jp/english/
Festival de Yosakoi, que acontece em agosto
Cabo de Ashizurimisaki

Kōchi (prefeitura) (高知県, Kōchi-ken?) é uma prefeitura do Japão localizada na costa sul de Shikoku.[1] A capital é a cidade de Kochi.[2]

História[editar | editar código-fonte]

Antes da Restauração Meiji, Kochi era conhecido como a Província de Tosa, unificada pelo clã Chosokabe que, ao ser derrotado na Batalha de Sekigahara, cedeu o poder aos Yamanouchi ou Yamauchi. Ao final do período Tokugawa surgiram de Kochi líderes reformistas que contribuíram para que fosse possível a Restauração Meiji. Entre eles, o herói nacional Sakamoto Ryoma, que mobilizou pessoas e intermediou alianças para que o clã Tokugawa cedesse o poder ao império dando fim ao shogunato. Em 1871, com as reformas, os feudos são abolidos e a antiga província de Tosa passa a ser conhecida como província de Kochi. Também se iniciou em Kochi o Movimento pela Democracia e Liberdade dos Povos, liderado por Itagaki Taisuke. O Movimento constituia da união entre samurais e camponeses que clamavam por uma Assembleia eleita. Mais tarde, Itagaki foi essencial para a fundação do primeiro partido político no Japão, o Partido Liberal.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Kochi compreende a parte sul da ilha de Shikoku, de frente para o Oceano Pacífico. Possui o maior território e é a menos populosa das quatro províncias da ilha. A maior parte da província, 89% de seu território, é montanhosa, muito maior o que a média nacional, e 54%. Apenas em algumas áreas, como ao redor da cidade de Kochi e Nakamura, há uma planície costeira. Na área geológica onde se localiza Shimanto, há abundância de rochas sedimentares, o que torna os deslizamentos de terra frequentes.

Kochi é famosa por possuir alguns dos rios mais limpos do país, como os de Shimanto e o Yasudagawa. Existem muitos grandes rios como o de Shimanto, que corre na parte ocidental da província e desce do Monte Ishizuchi até a Baía de Tosa,[3] e o de Yoshino, que vem de fora da província e vai em direção a Tokushima. Ultimamente, a prática de rafting vem aumentando.

Dificilmente Kochi enfrenta problemas de falta de água, sendo que os problemas com inundações são antigos.

A província é banhada pela corrente marinha de Kuroshio, que traz cardumes de peixes, auxiliando na economia pesqueira local. Ela traz água quente para o mar da província, o que torna o clima da região quente e úmido, com um nível de precipitação anual dos mais altos do país, perdendo apenas para Okinawa.[4] Nas mãnhas do inverno, é possível observar vapor saindo da superfície do mar. Como se trata de uma região muito chuvosa, a ocorrência de tufões é grande. Considerando dados desde 1951, Kochi é a segunda província em números de tufões, perdendo apenas para Kagoshima. Ashizurimizaki e Murotomizaki são famosos pelos fortes ventos que sopram nessas regiões.

Na província, localizam-se muitos pontos turísticos naturais, como os cabos de Murotomisaki, Ashizurimisaki e a caverna de Ryugado.[5] Inamura-yama, em Tosa-cho, é o pico mais alto da Província de Kochi, com uma altitude de 1.506 metros acima do nível do mar.

Apesar do recente aumento das importações e da produção de províncias como Tokushima e Miyazaki, o pimentão, a berinjela e o tomate cultivados em Kochi são famosos, sendo usados por retaurantes de alto nível em metrópoles como Tóquio. No litoral da região central da província, é possível observar muitas estufas de cultivo de vegetais.

Apesar de Kochi ter uma forte imagem de província costeira, entre a capital Kochi até a cidade de Konan e a parte sul da vila de Tosayamada, na cidade de Kagami, e em torno das planícies da cidade Shimanto, a maior parte do relevo é montanhoso, alcançando até a região costeira.


Cidades[editar | editar código-fonte]

Onze cidades se localizam na Província de Kochi:

Distritos[editar | editar código-fonte]

Esses são os distritos da Província de Kochi e suas respectivas vilas:

Economia[editar | editar código-fonte]

Demografia[editar | editar código-fonte]

Cultura[editar | editar código-fonte]

Turismo[editar | editar código-fonte]

Seus principais pontos turísticos são o Castelo de Kochi, a ponte conhecida como Harimayabashi e a praia de Katsurahama.

Esportes[editar | editar código-fonte]

Os seguintes times são sediados em Kochi:

Beisebol[editar | editar código-fonte]

Futebol[editar | editar código-fonte]

Símbolos provinciais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Nussbaum, Louis-Frédéric. (2005). "Kōchi prefecture" no Japan Encyclopedia, p. 538, p. 538, no Google Livros.
  2. Nussbaum, "Kōchi" at p. 538, p. 538, no Google Livros.
  3. Fundação Shimanto (em japonês)
  4. Cynthia Clayton Ochterbeck, ed. (2009). Michelin Travel Guide Japan. [S.l.]: Michelin Apa Publications. 344 páginas. ISBN 9781906261948 
  5. Site da Província de Kochi em inglês

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Prefeitura de Kochi
Flag of Japan.svg   Este artigo é um esboço sobre Geografia da prefeitura de Kōchi. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Prefeitura de Kochi
Cidades
Aki | Kami | Kochi (Capital)| Konan | Muroto | Nankoku | Shimanto | Sukumo | Susaki | Tosa | Tosashimizu
Distritos
Agawa | Aki | Hata | Nagaoka | Takaoka | Tosa